Brasileirão Série A

John Kennedy entra na briga por vaga de titular do Fluminense, que vê má fase de Cano

Camisa 9 volta a decidir na Libertadores, e pode aproveitar momento ruim de Germán Cano para virar titular do Tricolor

Quando a escalação do Fluminense para enfrentar o Alianza Lima foi divulgada por Fernando Diniz, os onze iniciais surpreenderam muita gente. Além de Martinelli na zaga, o treinador deixou Paulo Henrique Ganso no banco e apostou de novo no sistema com quatro atacantes, com John Kennedy ao lado de Cano, por dentro, no ataque. E talvez as próximas escalações surpreendam ainda mais.

Autor de 89 gols pelo Flu em 149 jogos, Germán Cano ainda sente o calendário pesado de 2023 e o início acelerado de 2024. Após jogar o Mundial de Clubes até o final de dezembro, o Fluminense teve a Recopa Sul-Americana em disputa já em fevereiro, e sem férias para descansar, o argentino, já veterano, ainda não recuperou a melhor forma.

Enquanto isso, John Kennedy, reintegrado após ser afastado por indisciplina, fez as pazes com as redes. O camisa 9 marcou nos últimos dois jogos, foi decisivo na vitória por 3 a 2 sobre o Alianza Lima na Libertadores e entrou de vez na briga para ser o centroavante titular do Fluminense.

— O mais importante é que ele foi muito dedicado. É isso que ele precisa ser. Ele não fez uma partida brilhante, mas ele se dedicou muito, correu muito, marcou muito e foi premiado com um gol — opinou Diniz.

Cano não vive bom 2024, e John Kennedy dá volta por cima

Após duas temporadas como uma máquina de gols, Germán Cano não começou bem 2024. Ídolo do Tricolor, o argentino de 36 anos marcou cinco vezes em 18 jogos. A média de 0,27 ainda é a melhor entre os atacantes disponíveis do elenco, mas está muito aquém dos mais de 0,6 gol por jogo que o jogador teve em 2022 e 2023.

John Kennedy tampouco tem bons números na temporada. O jovem de 22 anos teve as férias ainda menores ao voltar do Mundial de Clubes. A disputa do Pré-Olímpico com a Seleção Brasileira reduziu seu descanso. Quando retornou ao Flu, o camisa 9 ainda faltou treinos, chegou atrasado, viveu casos de indisciplina e foi afastado. Só agora, já no meio de 2024, começa a ter sequência.

— Ele é um jogador muito letal, tem o carisma do gol. É um jogador muito empático com a torcida e quem gosta de futebol. É um cara que chama a atenção, faz parte do show, do que o futebol tem de entretenimento. Com a torcida do Fluminense ele ainda tem outros elementos, veio de Xerém, fez gols em Fla-Flus, decidiu a Libertadores. Essas coisas não são as mais importantes. Mais importante é a confiança que eu tenho nele, que o time demonstrou que tem nele e ele passou a ter de que pode mudar — disse Diniz.

‘Trabalho sem fim’, diz Diniz sobre John Kennedy

O mais difícil com John Kennedy, entretanto, é manter a boa fase. Diniz sabe que a confiança dele e do elenco são importantes, mas o fundamental é que o jogador siga o caminho de recuperação. Ídolo do clube e herói da Libertadores, o camisa 9 não será esquecido no Fluminense. O que o clube deseja, porém, é que ele não se perca mais uma vez.

— É um trabalho sem trégua e sem fim para que ele possa amadurecer e sustentar o talento que tem. Temos limitações, mas a vontade de ajudar é ilimitada. Nossa capacidade não é infinita, mas temos muita para ajudar ele. Ele está entendendo que por meio do futebol, pode mudar a condição social dele não só enquanto está jogando, mas também para os filhos, para a família. É o que tento. Se isso acontecer será um prêmio — afirmou Diniz.

John Kennedy fez o gol da vitória do Fluminense sobre o Alianza Lima e voltou a marcar na Libertadores - Foto: Marcelo Gonçalves/Fluminense FC
John Kennedy fez o gol da vitória do Fluminense sobre o Alianza Lima na Libertadores – Foto: Marcelo Gonçalves/Fluminense FC

A má fase de Cano pode ajudar John Kennedy a virar titular do Fluminense. Seria mais um ano de recuperação e reviravolta para o “Menino Rei”, que começou 2023 emprestado à Ferroviária, de Araraquara, e acabou como grande herói tricolor.

Como está o Fluminense em 2024

Próximos jogos do Fluminense

Veja os próximos confrontos do Fluminense na continuação da temporada:

  • Fluminense x Juventude — Campeonato Brasileiro — sábado, 1 de junho — 18h30 (de Brasília);
  • Botafogo x Fluminense — Campeonato Brasileiro — terça-feira, 11 de junho — 20h (de Brasília).
Foto de Caio Blois

Caio Blois

Caio Blois nasceu no Rio de Janeiro (RJ) e se formou em Jornalismo na UFRJ em 2017. É pós-graduado em Comunicação e cursa mestrado em Gestão do Desporto na Universidade de Lisboa. Antes de escrever para Trivela, passou por O Globo, UOL, O Estado de S. Paulo, GE, ESPN Brasil e TNT Sports.
Botão Voltar ao topo