Onde assistir

Fluminense x Al-Ahly: onde assistir, palpites e escalações – Mundial de Clubes 2023 – 18/12/2023

Veja onde assistir, palpites e escalações de Fluminense x Al-Ahly pelo Mundial de Clubes 2023

Nesta segunda-feira, 18 de dezembro, o duelo entre Fluminense x Al-Ahly abre as semifinais do Mundial de Clubes 2023, disputado na Arábia Saudita. A bola rola no King Abdullah Sports City, em Buraidah, às 15h (horário de Brasília).

  • No caso de empate no tempo regulamentar, haverá uma prorrogação de 30 minutos, e persistindo a igualdade, o finalista será decidido nas cobranças de pênalti;
  • Campeão africano, o Al-Ahly bateu o Al-Attihad por 3 a 1 nas quartas de final do Mundial de Clubes;
  • Já o Fluminense entra direto na fase semifinal como campeão da Libertadores, vencida diante do Boca Juniors;
  • Fluminense x Al-Ahly já se enfrentaram uma vez em 1961, um amistoso vencido pelo Fluminense por 2 a 1;
  • Campeão inédito da Libertadores, o Fluminense disputará o Mundial de Clubes pela primeira vez;
  • Em quatro dos últimos cinco jogos o Fluminense abriu o placar;
  • Em cinco dos últimos oito jogos do Al-Ahly as duas equipes marcaram.

Mundial na Dafabet »

Onde assistir Fluminense x Al-Ahly ao vivo?

A semifinal do Mundial de Clubes 2023 entre Fluminense x Al-Ahly terá transmissão ao vivo para todo Brasil em TV aberta na Globo, no Youtube no canal Cazé TV, e via streaming no Globoplay e Fifa+.

  • Data: segunda-feira, 18 de dezembro de 2023;
  • Horário: 15h (horário de Brasília);
  • Local: King Abdullah Sports City, em Buraidah, na Arábia Saudita;
  • Onde assistir: Globo (TV aberta), Cazé TV (Youtube), Globoplay e Fifa+ (streaming)
Fluminense
18/12/23 - 15:00

Finalizado

2

-

0

Al Ahly Cairo

Fluminense - Al Ahly Cairo

FIFA Club Copa do Mundo - King Abdullah Sports City

2° Turno

Palpites de Fluminense x Al-Ahly

Os palpites da redação da Trivela

Para o jogo ter 2 ou 3 gols no total – 1,92

Uma característica marcante das duas equipes é ter o estilo “joga e deixa jogar”, e gostarem de ter a posse de bola para construir as jogadas. Além disso, nos últimos cinco confrontos, os jogos do Fluminense tiveram 2,6 gols em média, e o Al-Ahly 1,8 gols no mesmo recorte. Por isso, nosso primeiro palpite aponta para um jogo com um bom número de chances, e dois ou três gols no tempo regulamentar, com uma ótima cotação.

Fluminense vence qualquer um dos tempos – 1,48

O Fluminense desfruta de um leve favoritismo para o nosso segundo palpite, pois tem um time mais coeso coletivamente e valores individuais que podem fazer a diferença. O jogo tende a ser bastante equilibrado, mas acreditamos que o Fluminense vencerá o primeiro ou segundo tempo por qualquer placar.

Handicap Asiático zero Fluminense – 1,38

Neste terceiro palpite, optamos por uma aposta mais conservadora, mas ainda assim favorável ao Fluminense, que tem um time melhor do que o seu adversário. Acreditamos que o time carioca ganhará o jogo por qualquer placar. Se o jogo terminar empatado, com ou sem gols, a aposta será reembolsada.

O que esperar do Al-Ahly

Pra quem acompanha mais de perto o futebol africano, não foi exatamente uma surpresa o Al-Ahly avançar para a semifinal diante do Fluminense. Na vitória por 3 a 1 sobre o Al-Ittihad pelas quartas de final, os egípcios demonstraram uma notável capacidade de organização com e sem a bola. O Al-Ahly também contou com a ótima atuação do goleiro El-Shenawy, que confirmou a fama de pegador de pênaltis ao parar Benzema.

Como principais pontos fortes da equipe comandada pelo suíço Marcel Koller, podemos destacar a coesão de sua defesa, que costuma sofrer poucos gols (no máximo um gol sofrido nos últimos 11 jogos). Além disso, a transição ofensiva da equipe também chama a atenção, onde destacamos os jogadores Marwan Attia e Percy Tau, que são os principais organizadores da equipe nas jogadas de contra-ataque. 

Como potenciais fraquezas, observamos que a equipe costuma levar a maioria dos seus gols no segundo tempo, sobretudo nos minutos finais de jogo, como ocorreu no duelo contra os sauditas. Além disso, a equipe africana possui uma certa fragilidade nas jogadas aéreas e costuma ceder oportunidades de contra-ataque. Assim, o Tricolor das Laranjeiras pode esperar um duelo bastante pegado na marcação e uma intensa disputa pela bola desde os minutos inicias, e terá de ter paciência na troca de passes até achar os espaços na defesa egípcia. 

Fluminense x Al-Ahly: retrospecto e últimos jogos

Últimos 5 jogos do Fluminense

Brazil Campeonato Carioca 03/03/24

D

Botafogo

Botafogo

4

Fluminense

Fluminense

2

Recopa Sudamericana 01/03/24

V

LDU Quito

LDU Quito

0

Fluminense

Fluminense

2

Brazil Campeonato Carioca 25/02/24

D

Flamengo

Flamengo

2

Fluminense

Fluminense

0

Recopa Sudamericana 23/02/24

D

LDU Quito

LDU Quito

1

Fluminense

Fluminense

0

Brazil Campeonato Carioca 17/02/24

V

Madureira RJ

Madureira RJ

0

Fluminense

Fluminense

1

Últimos 5 jogos do Al-Ahly

CAF Liga dos Campeões 01/03/24

V

Young Africans

Young Africans

0

Al Ahly Cairo

Al Ahly Cairo

1

Egypt Division 1 27/02/24

V

Baladiyet El Mahallah

Baladiyet El Mahallah

1

Al Ahly Cairo

Al Ahly Cairo

5

CAF Liga dos Campeões 23/02/24

V

Medeama SC

Medeama SC

0

Al Ahly Cairo

Al Ahly Cairo

1

CAF Liga dos Campeões 16/02/24

E

CR Belouizdad

CR Belouizdad

0

Al Ahly Cairo

Al Ahly Cairo

0

Egypt Super Cup 28/12/23

V

Coca Cola FC

Coca Cola FC

2

Al Ahly Cairo

Al Ahly Cairo

4

Últimas notícias do Fluminense

O Fluminense desfruta do sonho em ser campeão do mundo. Se por um lado a equipe carioca ainda pleiteia a Copa Rio de 1952, a chance real de conseguir o mundial Fifa desse ano passa pelos egípcios do Al-Ahly, e em caso de vitória, esperar o vencedor de Urawa Reds e o poderoso Manchester City na outra semifinal.

Após vencer com muitos méritos a Copa Libertadores desse ano diante do Boca Juniors num Maracanã lotado, o Fluminense de Fernando Diniz utilizou bem o restinho de Campeonato Brasileiro para descansar os jogadores mais desgastados e fazer ajustes pontuais na organização da equipe. A única dúvida/preocupação fica por conta da participação do lateral Samuel Xavier, lesionado na partida contra o São Paulo ainda em novembro.

Na última partida oficial, a derrota para o Grêmio por 3 a 2 fechando o Campeonato Brasileiro ficou em segundo plano e marcou um emocionante despedida de sua torcida rumo ao sonho de conquistar o mundo.

Escalação do Fluminense

Escalação do Fluminense: Fábio; Samuel Xavier, Nino, Felipe Melo e Marcelo; André, Martinelli e Ganso; Jhon Arias, Keno e Cano. Técnico: Fernando Diniz.

Últimas notícias do Al-Ahly

Fundado em 1907, o Al-Ahly é o atual e maior campeão da África com 11 títulos, e o segundo time que mais jogou o Mundial de Clubes da Fifa, com nove participações, perdendo apenas para o Auckland City, da Nova Zelândia, com 11 presenças. É uma equipe bastante acostumada a esse tipo de competição. Além disso, são nada mais nada menos que 43 títulos nacionais, representados pelas quatro estrelas em seu escudo, e uma torcida estimada em mais de 25 milhões de pessoas. Não à toa é conhecido como o “Real Madrid africano”.

O time egípcio é também bastante conhecido dos brasileiros: esteve no caminho dos últimos dois brazucas campeões mundiais: Internacional e Corinthians, em 2006 e 2012, respectivamente. Em 2020, o Al Ahly ganhou a disputa de terceiro lugar contra o Palmeiras, nos pênaltis. Na edição de 2021, o Verdão deu o troco e derrotou o Al-Ahly por 2 a 0, mas perdeu a final para o Chelsea por 2 a 1.

Em fevereiro desse ano, deu bastante trabalho ao Real Madrid, apesar do resultado “mentiroso” por 4 a 1 para os Merengues. Na disputa de terceiro lugar, o Flamengo suou sangue para vencer de virada por 4 a 2. E para o duelo decisivo desta segunda-feira, a única baixa confirmada é o atacante francês Anthony Modeste, uma das principais contratações da temporada, e expulso de maneira um pouco infantil na vitória sobre o Al-Ittihad. 

Escalação do Al-Ahly

Provável escalação do Al-Ahly: El-Shenawy; Hany, Ibrahim, Abdel Monem e Maâloul; Ashour, Nabil Koka e Marwan Attia; Percy Tau, El Shahat e Kahraba. Técnico: Marcel Koller.

Foto de Bruno Menezes

Bruno Menezes

Jornalista pela Fiam-Faam, onde atua como embaixador do curso e pesquisador na área de mídias sociais digitais. Acredita que o futebol é um microcosmo da sociedade que o rodeia. Cobriu a Copa do Mundo de 2022, além da cobertura dos principais clubes nacionais de futebol masculino e feminino, inloco e da redação, e dos casos Robinho e Daniel Alves. Já colaborou com Editora Abril (Guia do Estudante) e Portal UOL (Editoria de Esportes). Bidou no Trivela em 2023.
Botão Voltar ao topo