Ultimas noticias de copa america

Dorival Júnior define prioridade na preparação para a Copa América

Principal ponto a ser trabalhado pelo treinador é o aspecto coletivo da equipe antes do início do torneio

Parte dos atletas que disputarão a Copa América pela seleção brasileira já se apresentou nos Estados Unidos, e iniciou o trabalho de preparação junto ao técnico Dorival Júnior.

O treinador destacou alguns pontos que julga essenciais neste primeiro momento, e a sua principal prioridade para a disputa da competição continental.

Correndo contra o tempo para implementar as suas visões de jogo ao grupo de atletas, Dorival Jr. afirmou que focará no trabalho coletivo da equipe.

Além disso, o comandante deseja facilitar o trabalho de compreensão de sua filosofia de trabalho o mais rápido possível, para o time conseguir adquirir um padrão de jogo quanto antes.

“Vamos tentar acelerar o máximo possível, buscando todos os dias um trabalho um pouco mais coletivo, tentando inserir alguns conceitos que nós queremos, alguns comportamentos que serão necessários e exigidos nos setores de campo.

Queremos encontrar um caminho que faça com que a seleção possa sustentar por um tempo maior um padrão, que possamos definir esse padrão de jogo rapidamente”. disse Dorival Jr.

Dorival Júnior trabalhará equilíbrio, mas sem deixar de ser ofensivo

Em dois jogos contra seleções de primeiro nível, a seleção brasileira de Dorival Júnior marcou quatro gols, média de dois por partida, mas sofreu três, todos no empate por 3 a 3 diante da Espanha. 

Em sua estreia como técnico do Brasil, Dorival arrancou uma vitória por 1 a 0 diante da Inglaterra, em pleno Estádio de Wembley, em Londres.

Preocupado com o equilíbrio dos setores em campo, o comandante da Canarinho ainda frisou que trabalhará para a equipe manter sua característica ofensiva, mas com algumas precauções para evitar sustos defensivos.

“Fazer com que a seleção tenha um caminho, encontre esse caminho, de uma maneira mais sustentável, que possamos jogar sem que corramos riscos grandes ao longo das partidas.

Buscando um equilíbrio entre os setores, que nos passe uma confiança, e faça com que a gente seja mais efetivo ofensivamente para que possamos encontrar os resultados necessários”, complementou.

Avaliação dos adversários nos amistosos de preparação

O Brasil fará dois amistosos antes de sua estreia na Copa América. O primeiro será diante da seleção do México, no dia oito de junho, e na sequência, no dia 12, encara os Estados Unidos.

Dorival Júnior analisou os adversários, valorizando o trabalho de transição do time mexicano, e a evolução do modelo de jogo dos norte-americanos, pautado na valorização da posse de bola.

“São duas equipes muito fortes fisicamente. O México é uma equipe que se defende muito bem, tem um jogo de transição muito interessante. A seleção dos Estados Unidos já procura ter um pouco mais de posse de bola.

Faz um trabalho também interessante usando geralmente um homem um pouco mais fixo, que sustenta muito bem esse volume inicial do jogo”, comentou o treinador.

A seleção brasileira estreia no dia 24 de junho, no Estádio Sofi, em Los Angeles, diante da Costa Rica. No Grupo D da competição, a Canarinho ainda terá a Colômbia, e o Paraguai como adversários.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Lucas de Souza é jornalista formado pela Universidade São Judas em São Paulo. Possui especialização em Marketing Digital pela Digital House, e passagens pelos sites Futebol na Veia e Futebol Interior.
Botão Voltar ao topo