Copa América

Comprar os (caros) ingressos da Copa América 2019 exige muita paciência: site apresenta problemas

A Copa América 2019 será realizada no Brasil, 30 anos depois da última edição, em 1989. A venda de ingressos para o torneio começou nesta quinta-feira, 10, a partir de 18h (horário de Brasília). Se você pensa em ir ao estádio, prepare os bolsos, porque os preços são salgados. E os ingressos estão difíceis de achar.

A abertura, que será no Morumbi, tem preço mínimo de R$ 190. Na fase de grupos, o preço mínimo é de R$ 60, mas só vale para dois estádios, Arena Corinthians e Arena Grêmio. Nos demais, o preço mínimo é de R$ 120. Nas quartas de final, o preço mais barato é R$ 140. Nas semifinais, o preço mínimo é R$ 190. No jogo de terceiro lugar, como é na Arena Corinthians, o preço mínimo é R$ 60. Na final, o preço mínimo é R$ 260.

Segundo a Conmebol, são mais de 1 milhão de entradas. O problema é que comprar no site é uma tarefa complicada. O cadastro tem problemas e a compra demora um pouco. E, claro, muitos ingressos já estão esgotados, ao menos nos setores populares. Mais do que isso: o cadastro por vezes desloga, é preciso entrar novamente e selecionar novamente os lugares, sendo que alguns não estarão mais disponíveis. Efetuar a compra é uma tarefa que exige paciência e uma grande chance de dar errado.

O ingresso pode ser entregue em casa, com a cobrança de uma taxa de conveniência. Também pode ser retirado em um  dos postos montados para isso.

O site para compra de ingressos é o: https://ingressos.copaamerica.com/

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo