Brasil

Cruzeiro: dez jogadores que podem ser testados por Larcamón no Campeonato Mineiro

O Cruzeiro terá a oportunidade de utilizar o Campeonato Mineiro para dar mais oportunidades a jogadores que atuaram pouco em 2023

O Cruzeiro chega para 2024 com quatro competições para disputar, sendo que três delas têm maior grau de prioridade: o Campeonato Brasileiro, a Copa Sul-Americana e a Copa do Brasil. O Campeonato Mineiro, por sua vez, é visto como um torneio de menor peso e deve ser utilizado como preparação para que o time do treinador argentino Nicolás Larcamón chegue acertadinho para os momentos mais importantes do ano.

Sendo assim, é de se esperar que o Cruzeiro utilize os primeiros meses do ano para fechar o elenco, identificando eventuais carências e buscando entender que jogadores podem ganhar oportunidades no decorrer do ano. Pensando nisso, a Trivela separou uma lista com os jogadores que já fazem ou fizeram parte do grupo principal da Raposa que merecem ser testados durante o estadual, visando, assim, entender se estes têm condições ou não de seguir no plantel comandado por Larcamón.

Wesley Gasolina

O lateral-direito Wesley Gasolina, de 23 anos, não entra em campo desde fevereiro, após graves lesões no joelho. Com William vivendo grande fase, é improvável que outro jogador ganhe a posição, mas o Cruzeiro precisa de um reserva imediato e é necessário entender a situação do ala. Após tanto tempo parado, ele consegue assumir a responsabilidade em caso de indisponibilidade do titular?

João Marcelo

Contratado junto ao Porto (POR), no meio de 2023, João Marcelo demorou a ter oportunidades, mas quando teve, agradou, apesar do pequeno recorte. Ainda jovem, o zagueiro de 23 anos promete lutar por mais espaço no Cruzeiro e uma boa oportunidade de ver o que ele pode fazer é durante o Campeonato Mineiro.

Kaiki

Esperança de futuro do Cruzeiro, Kaiki já mostrou bom futebol, mas precisa jogar para evoluir. Tendo Marlon como um forte concorrente, o lateral-esquerdo de 20 anos merece mais oportunidades no estadual, para que não fique estagnado. Versátil, o jogador pode fazer posições mais avançadas no lado esquerdo do campo.

Fernando Henrique

Fernando Henrique, de 22 anos, chegou ao Cruzeiro vindo do Grêmio e trouxe muita expectativa consigo. Após se lesionar na pré-temporada, ficou muito tempo fora do time e quando voltou, pouco foi utilizado. Na reta final da temporada, o volante ganhou espaço, mas foi muito mal em todas as oportunidades que teve, o que deixou o torcedor ressabiado. O camisa 15 pode utilizar o mineiro para recuperar sua confiança enquanto o clube celeste terá a oportunidade de avaliar se ele pode ajudar no decorrer do ano ou se um empréstimo faria bem ao jogador.

Henrique Rodrigues

Destaque na base, o segundo volante de 20 anos tem muita qualidade e um chute perigosíssimo. Subiu ao profissional após conquistar a Copa do Brasil sub-20 mas não entrou em campo. É preciso ver Henrique Rodrigues jogar para saber se pode compor elenco ou se é mais aconselhável um empréstimo para aquisição de experiência.

Japa

Japa ganhou a titularidade no final de 2023 e parece ter muito futuro, mas ainda são apenas sete jogos disputados no profissional e o meio-campista de 19 anos precisa acumular mais partidas para seguir evoluindo. Além disso, é uma oportunidade do jogador criar raízes no time titular e não ser ultrapassado por figuras mais experientes que devem chegar ao clube.

Matheus Pereira

Matheus Pereira tem o potencial de ser o grande nome do Cruzeiro em 2024, mas após sofrer com lesões em 2023, precisa jogar mais vezes para convencer o departamento de futebol da Raposa a contratá-lo em definitivo. Além disso, com pré-temporada e ritmo de jogo, a tendência é que ele melhore ainda mais em relação ao que apresentou na reta final do Brasileirão.

Robert

Outro cria da base, o ponta Robert parecia ter mais que seus 18 anos no sub-20 celeste, destoando completamente de companheiros e adversários. No principal, mostrou qualidade e marcou um dos gols mais importantes do Cruzeiro no ano. Merece mais chances em 2024 e o Mineiro surge como uma grande possibilidade do jogador ganhar mais espaço no time.

João Pedro

Outro cria da base, João Pedro atuou em apenas um jogo pelo profissional em 2024, mas seu poderio físico impressiona. Com 20 anos, o jogador é muito rápido e explosivo, podendo ser uma opção importante para jogos truncados. Como pouco se viu dele fora do sub-20, pode ser interessante dar oportunidades ao ponta durante o estadual.

Fernando

Artilheiro do sub-20 celeste em 2023, com 26 gols, o atacante Fernando atuou poucos minutos no profissional e, muito pedido pela torcida, pode ganhar oportunidades de mostrar seu futebol no Campeonato Mineiro. O atleta tem apenas 18 anos e apesar de jogar aberto, tem faro de gol. Além disso, é solidário e distribuiu dez assistências durante a temporada.

Foto de Maic Costa

Maic Costa

Maic Costa nasceu em Ipatinga, mas se radicou na Região dos Inconfidentes mineiros. Formado em Jornalismo na UFOP, em 2019, passou por Estado de Minas, Superesportes, Esporte News Mundo, Food Service News e Mais Minas. Atualmente, é setorista do Cruzeiro na Trivela.
Botão Voltar ao topo