Brasil

Não que estivesse bem, mas Alan Patrick terá ausência sentida pelo Internacional

Em momento ruim, Alan Patrick teve lesão muscular confirmada, e sua ausência terá impacto na forma do Internacional jogar

Não bastasse o quarto jogo sem vitória, o empate por 0 a 0 com o Real Tomayapo, na noite de quarta-feira (10), no Beira-Rio, pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana, trouxe mais uma notícia negativa para o Internacional. Após sentir a parte posterior da coxa esquerda no início do segundo tempo e precisar ser substituído, Alan Patrick teve confirmada lesão muscular, e será desfalque do Colorado nas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro.

É verdade que o camisa 10, como toda equipe, não vinha bem nessa sequência de jogos. Nos dois duelos da semifinal do Campeonato Gaúcho, em que o Inter foi eliminado, nos pênaltis, para o Juventude, e nos empates com Belgrano e Real Tomayapo, pela Sul-Americana, Alan Patrick esteve apagado. Isso ajuda a explicar por que o Colorado só marcou um gol nestas quatro partidas.

Ainda assim, é evidente que Alan Patrick fará falta no início da caminhada do Inter no Brasileirão. Afinal, ele é a referência técnica da equipe, como provou ao longo de todo ano passado, e possui características únicas no elenco e cada vez mais raras no futebol mundial. Sua ausência forçará o técnico Eduardo Coudet a mudar a forma do time jogar.

Alan Patrick foi o melhor jogador do Internacional em 2023

Em 2023, Alan Patrick teve a melhor temporada da carreira. O desempenho, que já era bom sob o comando de Mano Menezes, melhorou ainda mais a partir da chegada de Coudet, que lhe deu nova função. O camisa 10 passou a formar dupla de ataque com Enner Valencia, mas com liberdade para se movimentar e recuar para articular o jogo.

Alan Patrick terminou a temporada passada com um duplo-duplo: 16 gols e dez assistências em 62 jogos. O desempenho, que foi fundamental para o Inter voltar a uma semifinal de Libertadores depois de oito anos, o levou à Seleção da América, em eleição do jornal El País, e o colocou no radar da Seleção Brasileira.

— Ele está vivendo um grande momento. Principalmente para essa convocação ele estava liderando os nomes que podiam ser convocados. Mas como o próprio nome diz, é uma seleção, concorre com muita gente boa. Mas o Alan está fazendo um excelente ano, jogando muito bem mesmo. Gosto bastante da inteligência, técnica e liderança que exerce sobre o time — disse Fernando Diniz, então treinador da Seleção, em novembro.

O novo ano iniciou com a perspectiva de que mesmo com a chegada de reforços badalados, como Borré e Alario, Alan Patrick seguiria como o principal jogador do Inter. Na primeira fase do Campeonato Gaúcho, ele se portou como tal, inclusive com assistência e gol da vitória, de pênalti, no clássico com o Grêmio. Porém, não chamou a responsabilidade da mesma forma na semifinal, contra o Juventude. E isso não passa pelo posicionamento, já que o camisa 10 atuou tanto mais avançado, no ataque, quanto mais recuado, como meia central.

Sem Alan Patrick, Internacional deve jogar com dois atacantes de ofício

Com o desfalque de Alan Patrick, Coudet utilizará dois atacantes de origem na frente — já que Enner Valencia também está lesionado, Alario, Borré e Lucca serão as opções. Esse sempre foi o esquema preferencial do treinador argentino, que nesta segunda passagem pelo Inter se adaptou justamente para encaixar o camisa 10 em seu 4-1-3-2.

Na linha dos três meias, a responsabilidade de Maurício na armação das jogadas, partindo do lado direito, aumentará. Sem o principal articulador, e com dois centroavantes, a tendência é que o Inter busque mais o jogo lateral, com Bustos e Wanderson, para cruzar bolas na área. Ou seja: além do prejuízo técnico, o desfalque de Alan Patrick deve gerar readequação tática no time do Inter.

Alan Patrick na temporada 2024

  • 15 jogos
  • 3 gols
  • 4 assistências
Foto de Nícolas Wagner

Nícolas Wagner

Gaúcho e formado em Jornalismo pela PUC-RS, já passou pela Rádio Grenal e pela RDC TV. É, também, coordenador de conteúdo da Rádio Índio Capilé.
Botão Voltar ao topo