Alemanha

Bayern de Munique faz contato por técnico rebaixado na Premier League

Após várias negativas, clube alemão já teria ligado para tentar Vicent Kompany, do Burnley

Sem títulos na temporada recém-finalizada, o Bayern de Munique trocará de técnico. Até foi veiculado que Thomas Tuchel poderia ficar, mas o comandante alemão tratou de acabar com qualquer especulação de permanência. Sofrendo várias negativas, os bávaros agora filtraram e estão focados em um pequeno grupo de treinadores da Premier League, segundo a Sky Sports Alemanha. Apenas um nome desses foi divulgado, e trata-se de Vincent Kompany, do Burnley.

Segundo informações do jornalista Fabrizio Romano, especializado no mercado de transferências, o técnico belga, rebaixado da Premier League na atual temporada, é “considerado uma opção em vários clubes nos últimos dias”. O Bayern discutiu internamente o nome e já efetuou o primeiro contato com Kompany, que está aberto a discutir a situação.

O contrato do ex-jogador com os Clarets vai até o meio de 2028. Provavelmente, para tirá-lo de Burnely, o Bayern precisará arcar com uma compensação financeira ao clube que disputará a Championship em 2024/25.

Influenciado por Pep Guardiola, com quem trabalhou por alguns anos em sua passagem como jogador pelo Manchester City, Kompany é adepto ao mesmo estilo de jogo que deu certo no Bayern quando o técnico catalão passou por lá entre 2014 e 2016. Foi assim que o belga fez ótimo trabalho no Burnley na Championship de 2022/23, temporada de estreia, fechando a competição como campeão (101 pontos), melhor ataque, melhor defesa, mais posse de bola e líder em outros números.

No entanto, o salto para Premier League foi mal planejado. O elenco não recebeu grandes reforços e só conseguiu vencer cinco em 38 rodadas na primeira divisão. Desde o início, despontou como pior equipe ao lado do Sheffield United, mas terminou na vice-lanterna, oito pontos atrás do Nottingham Forest (punido com quatro pontos retirados), o primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Antes do Burnley, Kompany treinou o Anderlecht por dois anos e levou o time de volta aos playoffs do Campeonato Belga em duas oportunidades após um período conturbado. Contudo, não conquistou títulos no clube que o formou para o futebol.

Brighton promete concorrer com Bayern por Kompany

Ainda segundo Romano, o Brighton é um dos que monitoram Kompany para o cargo de treinador. A equipe do Sul da Inglaterra acabou de fechar o ciclo com o italiano Roberto De Zerbi e ainda tomará uma decisão sobre quem será o alvo prioritário.

Os vários “nãos” de técnicos que os Bávaros receberam

Não foi por falta de tentativa que o Bayern está sem técnico até hoje. Tuchel anunciou a saída ainda em fevereiro, e o primeiro alvo, no caso Xabi Alonso, afastou qualquer rumor com a confirmação que ficaria no Bayer Leverkusen para a próxima temporada. Na sequência, foi a vez do retorno de Julian Nagelsmann ser cogitado, mas o técnico da seleção alemã renovou o contrato até a próxima Copa do Mundo.

Ralf Rangnick, outro treinador de seleção, assumiu negociar com o time da Baviera, só que quis permanecer na Áustria. Quando os Bávaros tentaram Oliver Glasner, o clube do comandante garantiu que só aceitaria se pagassem 100 milhões de euros de multa. Todas essas negativas fizeram o clube conversar com Tuchel para permanecer — sem sucesso —, sobrando para Roger Schmidt, do Benfica, fechar o sexteto de recusa aos alemães.

Imagina o que foi para o torcedor, acostumado ver o Bayern ser um rolo compressor, assistir a tanto técnico negando aquele que já foi uma das principais potências da Europa. Os resultados dentro de campo explicam um pouco isso, com a primeira temporada sem títulos em 12 anos. Ficaram pelo caminho a Supercopa Alemã (3 a 0 RB Leipzig), a Copa da Alemanha (queda para o Saarbrücken, da 3ª divisão), a Champions League (Real Madrid) e a Bundesliga (Leverkusen), quebrando 11 edições seguidas sendo erguida pelo time da Allianz Arena.

Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius é nascido e criado em São Paulo e jornalista formado pela Universidade Paulista (UNIP). Escreveu sobre futebol nacional e internacional no Yahoo e na Premier League Brasil, além de eSports no The Clutch. Além disso, atuou como assessor de imprensa no setor público e privado.
Botão Voltar ao topo