Liga Europa

Resumão da Liga Europa: João Pedro herói no Brighton, Leverkusen 100% e vitória maiúscula do Villarreal

Fase de grupos da Liga Europa chegou ao fim nesta quinta-feira e, com isso, conhecemos todos os classificados

Em mais uma rodada emocionante e recheada de grandes personagens, a fase de grupos da Liga Europa chegou ao fim nesta quinta-feira (14). Líderes de seus respectivos grupos, West Ham, Brighton, Rangers, Atalanta, Liverpool, Villarreal, Slavia Praga e Bayer Leverkusen são os clubes classificados de maneira direta para as oitavas de final do torneio. Enquanto isso, Freiburg, Olympique de Marselha, Sparta Praga, Sporting, Toulouse, Rennes, Roma e Qarabağ garantiram o segundo lugar e disputarão a fase de 16 avos contra os terceiros das chaves da Champions League.

  • Garantidos nas oitavas: West Ham, Brighton, Rangers, Atalanta, Liverpool, Villarreal, Slavia Praga e Bayer Leverkusen
  • Disputam a fase de 16 avos: Freiburg, Olympique de Marselha, Sparta Praga, Sporting, Toulouse, Rennes, Roma e Qarabağ
  • Disputam a fase de 16 avos da Conference League (terceiros colocados): Olympiacos, Ajax, Real Betis, Sturm Graz, Union Saint-Gilloise, Maccabi Haifa, Servette e Molde

Abaixo, confira um resumão da sexta e última rodada da fase de grupos da Liga Europa:

Grupo A

Em grupo equilibrado no papel, West Ham, Freiburg, Olympiacos e Backa Topola chegaram na última rodada com quase tudo definido. Restava saber quem terminaria na liderança e, consequentemente com a vaga das oitavas de final. Os Hammers receberam o time alemão (adversário direto pela primeira colocação) em Londres e venceram sem grandes dificuldades. Em grande atuação de Edson Álvarez, autor de um dos gols, a equipe de David Moyes triunfou por 2 a 0 e confirmou a ponta da tabela.

No outro jogo da chave, o Olympiacos precisava apenas de um empate para confirmar sua vaga na Conference League. Rodinei e companhia, no entanto, não deram sopa para o azar na Grécia e aplicaram um incontestável 5 a 2 sobre o lanterninha Bačka Topola, que somou apenas um ponto no grupo.

Grupo B

O Olympique de Marselha chegou para a última rodada na liderança do grupo, com 11 pontos, um à frente do segundo colocado Brighton. O adversário dos franceses nesta quinta? Justamente a boa e bem treinada equipe de Roberto De Zerbi. No Falmer Stadium, os Seagulls martelaram, martelaram e… conseguiram a vitória. Aos 42′ do segundo tempo, a estrela de João Pedro, como de praxe na atual temporada, falou mais alto. O brasileiro se aproveitou da troca de passes envolvente de seus companheiros, recebeu na área e disparou um petardo, no ângulo. 1 x 0 e liderança roubada pelo Brighton.

O Ajax, por sua vez, enfim deu uma dentro na temporada. Com dois gols de Chuba Akpom, os holandeses fizeram o dever de casa, bateram o AEK Atenas por 3 a 1 na Johan Cruijff Arena, ultrapassaram o rival e asseguraram a terceira colocação.

Grupo C

Talvez a disputa mais equilibrada da fase de grupos. Antes da bola rola na sexta rodada, o Real Betis liderava a chave com nove pontos, enquanto o Rangers, com um a menos, vinha logo atrás. Em terceiro, o Sparta Praga tinha sete. Tudo mudou. Em jogo emocionante, os escoceses venceram os espanhóis por 3 a 2 na casa do adversário. Kemar Roofe deixou sua marca já nos minutos finais do duelo e deu aos Gers a liderança do Grupo C.

Quem acabou se beneficiando com a vitória dos Rangers foi o Sparta Praga, que superou o lanterna Aris Limassol (3 a 1) no Chipre e assumiu a vice-liderança. Noite trágica para o Betis, que começou a rodada na ponta da tabela e terminou apenas na terceira colocação.

Grupo D

A Atalanta já tinha a liderança garantida, mas ainda assim resolveu cumpriu tabela com maestria. Luis Muriel deu show, e os comandados de Gian Piero Gasperini golearam os poloneses do Raków Częstochowa por 4 a 0, na Polônia. Giovanni Bonfanti e Charles De Ketelaere fecharam a conta do recital italiano.

Em Lisboa, o Sporting seguiu o mesmo roteiro da Atalanta. Os Leões entraram em campo com a vaga na fase de 16 avos garantida, mas deu um show para cima do Sturm Graz. 3 a 0, com doblete do zagueiro Gonçalo Inácio e um do talentoso Viktor Gyökeres. Na disputa pelo terceiro lugar, os austríacos acabaram levando a melhor sobre os poloneses no saldo de gols.

Grupo E

O Union Saint-Gilloise cometeu o crime para cima do já classificado (e garantido na liderança) Liverpool e bateu os Reds por 2 a 1, na Bélgica. Apesar de histórico, o resultado não serviu para as pretensões do time belga, que sonhava com a segunda colocação. Isso porque, o Toulouse venceu o LASK Linz na Áustria e assegurou vaga nos playoffs da Liga Europa.

Coube ao Union, que foi valente diante de um Liverpool completamente reserva, se contentar com o terceiro lugar da chave e uma vaga na fase de 16 avos da Conference League.

Grupo F

Brigando pelo topo da tabela, Rennes e Villarreal mediram forças em um baita jogo. Os franceses começaram a rodada na frente, com 12 pontos, e dependendo apenas de um empate para assegurarem a liderança. Em contrapartida, os espanhóis, com dez, necessitavam da vitória. E não é que venceram na casa do adversário.

De pênalti, Gerard Moreno abriu o placar aos 36′ do primeiro tempo. No lance seguinte, Lorenz Assignon empatou para os donos da casa. Já na etapa complementar, Ilias Akhomach voltou a colocar os visitantes em vantagem. Não por muito tempo, já que Ludovic Blas resgatou a igualdade no marcador. Mas a noite era espanhola. Após bela tabelinha na área francesa, Dani Parejo finalizou no cantinho de Mandanda e decretou o 3 a 2. Já na disputa pelo terceiro lugar, entre Panathinaikos x Maccabi Haifa, melhor para os israelenses, que venceram os gregos (2 a 1) em Atenas.

Grupo G

A Roma bem que tentou, mas não conseguiu fugir da fase de 16 avos. Nesta sexta rodada, a equipe de José Mourinho precisava vencer o Sheriff em casa e torcer por uma derrota do Slavia Praga se quisesse a liderança do Grupo G. Os italianos até venceram o saco de pancadas da chave no Estádio Olímpico. Um 3 a 0 seguro, com gols de Lukaku, Belotti e Niccolò Pisilli. No entanto, a goleada tcheca sobre os suíços (4 a 0) frustrou os planos dos Giallorossi.

Grupo H

O Grupo H tem dono. Aliás, a Liga Europa 2023/24 até o presente momento tem um dono. E ele se chama Bayer Leverkusen, única equipe com 100{62c8655f4c639e3fda489f5d8fe68d7c075824c49f0ccb35bdb79e0b9bb418db} de aproveitamento no torneio. Os alemães, líderes também da Bundelisga, fecharam a fase de grupos com chave de ouro: 5 a 1 diante do Molde, show de atuação, Xabi Alonso orgulhoso e BayArena em festa.

Quem se aproveitou da goleada acachapante alemã foi o Qarabağ, que venceu o lanterninha Häcken por 2 a 1, em Baku, e assumiu a vice-liderança da chave. Vale destacar que a equipe sueca amargou a pior campanha da fase de grupos. Em seis rodadas, o time sofreu seis derrotas e não somou nenhum ponto sequer.

Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Jornalista pela UNESA, nascido e criado no Rio de Janeiro. Cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na Trivela, é redator e escreve sobre futebol brasileiro e internacional.
Botão Voltar ao topo