Brasil

Após corte de Raphinha, David Neres volta à Seleção após 3 anos com missão árdua pela frente

Raphinha tem lesão muscular, e Diniz chama David Neres, do Benfica, para jogos contra Venezuela e Uruguai

Fernando Diniz foi obrigado a fazer mais um corte na lista de convocados para os jogos contra Venezuela e Uruguai, na próxima Data Fifa, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026. Raphinha, do Barcelona, foi cortado da convocação por conta de uma lesão muscular no posterior da coxa direita. David Neres, do Benfica, será o substituto no ataque.

A informação foi comunicada pela CBF nesta segunda-feira (2). A Seleção enfrenta a Venezuela, no dia 12 de outubro, na Arena Pantanal, em Cuiabá, e depois tem pela frente o  Uruguai, no dia 17, em Montevidéu. As partidas são válidas pela 3ª e 4ª rodadas das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026.

David Neres volta após três anos

David Neres retorna a Seleção após três anos. O atacante soma três convocações, todas sob o comando de Tite. A última delas foi em setembro de 2019. Ele fez parte do grupo campeão da Copa América daquele ano. O jogador soma um gol e sete jogos pelo Brasil. Nesta temporada, são oito jogos pelo Benfica, com um gol marcado e três assistências até aqui.

O retorno vem justamente em um momento em que a briga por posição no sistema ofensivo da Seleção está muito acirrada, ao mesmo tempo em que as opções para as extremas têm minguado. Fernando Diniz tem hoje em Vini Jr e em Rodrygo os seus titulares pelos lados do campo. Então David Neres terá chance de somar apenas alguns poucos minutos em campo. O lado bom para o atacante do Benfica é que ele é o único substituto da dupla titular à disposição.

Além de perder Raphinha, o treinador não conta também com Antony nesta convocação. O atacante do Manchester United foi cortado da primeira lista e ficou fora da segunda Data Fifa das Eliminatórias por conta da denúncia de agressão à ex-namorada. Neymar, que também pode atuar aberto, tem sido escalado como camisa 10 pelo treinador.

Lesão em “pior momento” para Raphinha

Para Raphinha, a lesão vem justo em um momento de afirmação neste início de ciclo sob o comando de Fernando Diniz. O atacante havia sido convocado na primeira lista como substituto de Antony e aprovou. Foi titular logo de cara e chegou a marcar na vitória por 5 a 1 sobre a Bolívia, no Mangueirão, no jogo que marcou a estreia do treinador. Depois, ele seguiu no time para a partida contra o Peru, com vitória por 1 a 0 em Lima.

Diniz convive com problemas

Os cortes têm sido rotina para Fernando Diniz desde que ele assumiu a Seleção. Na primeira lista, ele foi obrigado a desconvocar Vini Jr e Bento por lesões – Raphinha e Lucas Perri foram chamados como substitutos. Depois, Antony foi cortado às vésperas da estreia nas Eliminatórias, por conta de uma denúncia de agressão à ex-namorada, e Gabriel Jesus foi convocado para o seu lugar.

Nesta segunda lista, Raphinha é o segundo cortado. O técnico já havia sido obrigado a desconvocar Caio Henrique por conta de uma lesão ligamentar no joelho esquerdo. Guilherme Arana, do Atlético-MG, é o substituto na convocação.

Veja a lista completa de Diniz:

  • Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Lucas Perri (Botafogo)
  • Laterais: Danilo (Juventus), Vanderson (Monaco), Guilherme Arana (Atlético-MG), Renan Lodi (Marselha)
  • Zagueiros: Bremer (Juventus), Marquinhos (PSG), Gabriel Magalhães (Arsenal), Nino (Fluminense)
  • Meio-campistas: André (Fluminense), Casemiro (Manchester United), Bruno Guimarães (Newcastle), Gerson (Flamengo), Raphael Veiga (Palmeiras)
  • Atacantes: David Neres (Benfica) Neymar (Al-Hilal), Rodrygo (Real Madrid), Vinicius Junior (Real Madrid), Gabriel Jesus (Arsenal), Richarlison (Tottenham) e Matheus Cunha (Wolverhampton)

Quando joga a Seleção

A Seleção enfrenta a Venezuela em 12 de outubro, às 21h30 (horário de Brasília), na Arena Pantanal, em Cuiabá, pela terceira rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026. Depois, no dia 17, o adversário será o Uruguai, no Estádio Centenário, em Montevidéu. O Brasil lidera as Eliminatórias com seis pontos e 100% de aproveitamento nos dois primeiros jogos.

Foto de Eduardo Deconto

Eduardo Deconto

Eduardo Deconto nasceu em Porto Alegre (RS) e se formou em Jornalismo na PUCRS. Antes de escrever para a Trivela, passou por ge.globo e RBS TV.
Botão Voltar ao topo