Brasil

Orçamento do Fluminense prevê semifinal de Libertadores e R$ 115 milhões em vendas

Peça foi aprovada pelo Conselho Deliberativo esta semana, parecer considera 'conservadoras' metas esportivas

O Conselho Deliberativo do Fluminense aprovou o orçamento para 2024 por 63 votos a favor e apenas um contrário. A votação seguiu o parecer favorável do Conselho Fiscal. Na peça apreciada pelos conselheiros, que a Trivela teve acesso com exclusividade, a diretoria prevê que o Tricolor chegará à semifinal da Libertadores.

As metas esportivas são parte do que o Fluminense espera receber em premiações em 2024. Algumas delas já se passaram antes mesmo da entrega do documento, já que o relatório de uma consultoria externa, que foi entregue durante a disputa do Mundial de Clubes. Por isso, de maneira extraordinária, o orçamento não foi votado em 2023, e sim, apenas na quarta-feira (15).

Além da parte esportivas, o Flu também previu os valores que receberá com a venda de jogadores. O orçamento foi mais uma vez conservador nesta rubrica: o Tricolor espera receber 21,5 milhões de euros (R$ 115,5 milhões na cotação entregue junto ao documento). Há a expectativa nas Laranjeiras que ao menos o volante André deixe o clube na janela de transferências.

Orçamento do Fluminense prevê R$ 115,5 milhões em vendas e aumento de outras receitas - Foto: Reprodução
Orçamento do Fluminense prevê R$ 115,5 milhões em vendas e aumento de outras receitas – Foto: Reprodução

Em seu parecer, o Conselho Fiscal apontou que “entende que os desempenhos desportivos dispostos, com relação às Copas, podem parecer projeções conservadoras” e que “manter estimativas conservadoras gera não apenas equilíbrio orçamentário, bem como autonomia financeira para o ano de 2024”.

Conselho Fiscal do Fluminense considerou as perspectivas esportivas conservadoras no orçamento para 2024 - Foto: Reprodução
Conselho Fiscal do Fluminense considerou as perspectivas esportivas conservadoras no orçamento para 2024 – Foto: Reprodução

Fluminense projeta boa campanha nas Copas

O Fluminense projeta um 2024 de forte desempenho esportivo. As Copas são o carro chefe.

Além de esperar que o time comandado por Fernando Diniz chegue às semifinais da Libertadores após conquistá-la em 2023, a diretoria também projetou que a equipe chegue às quartas-de-final da Copa do Brasil.

Com Fernando Diniz, Fluminense foi campeão da Libertadores em 2023 - Foto: Icon sport
Fluminense foi campeão da Libertadores em 2023 – Foto: Icon sport

Ao todo, o Tricolor disputa a competição pela 28ª vez em 2024, e chegou entre os oito melhores em 11 oportunidades. O Flu foi campeão da Copa do Brasil em 2007 e vice em 1992 e 2005. Além disso, foi semifinalista também em 2006, 2015 e 2022, e parou nas quartas-de-final em 2000, 2002, 2009, 2010 e 2021.

Em 2023, o Fluminense projetou chegar às oitavas-de-final, o que aconteceu. Na ocasião, o Tricolor acabou eliminado pelo arquirrival Flamengo. Na Libertadores, o clube chegou às semifinais duas vezes, em 2008 e 2023.

Fluminense projetou forte desempenho esportivo em 2024, Copas são carro-chefe - Foto: Reprodução
Fluminense projetou forte desempenho esportivo em 2024, Copas são carro-chefe – Foto: Reprodução

Por fim, o clube também projetou chegar às finais do Campeonato Carioca (o que não aconteceu) e da Recopa Sul-Americana (competição que conquistou em março), e chegar no 5º lugar do Campeonato Brasileiro.

Expectativa do Fluminense é ter R$ 115,5 milhões em vendas

A venda de jogadores continua sendo uma parcela importante das receitas do Fluminense. Por isso, além do êxito esportivo, o clube também projeta receber um bom dinheiro com transferências em 2024.

Fluminense tem a expectativa de negociar André na janela de transferências - Foto: Icon sport
Fluminense tem a expectativa de negociar André na janela de transferências – Foto: Icon sport

O Tricolor projetou uma receita total de 21,5 milhões de euros com vendas, o que representaria, na cotação disposta no documento, o equivalente a R$ 115,5 milhões. Em relação a 2023, a previsão foi aumentada em R$ 25,5 milhões. Mas no ano passado, o clube não alcançou os R$ 90 milhões projetados.

A expectativa no clube é que André seja vendido já na próxima janela de transferências. Em 2023, o Fluminense negou propostas de mais de 30 milhões de euros pelo jogador. Desse jeito, se negociar o volante, o Tricolor baterá a meta com vendas sem precisar negociar outros jogadores como Alexsander, Martinelli, Arias e John Kennedy, também valorizados no mercado.

Fluminense prevê receitas mais baixas que 2023

A projeção total do clube para 2024 é mais conservadora do que o resultado financeiro do ano passado. Se em 2023 alcançou a receita recorde de R$ 695 milhões, com superávit contábil de R$ 78 milhões, o documento enviado aos conselheiros, por outro lado, mantém os pés no chão.

Orçamento do Fluminense traz projeções conservadoras para 2024 - Foto: Reprodução
Orçamento do Fluminense traz projeções conservadoras para 2024 – Foto: Reprodução

O Fluminense projetou R$ 485 milhões de receita operacional líquida para 2024. A expectativa é de pouco mais de R$ 10 milhões de lucro neste exercício.

Apesar disso, a diretoria projetou crescimento de 165% em verbas de patrocínio e publicidade, um aumento de 9% de arrecadação com o programa de sócio-torcedor e 14% de incremento em licenciamento e royalties. Por fim, bilheteria e direitos de televisão também sofreram leve acréscimo.

Como está o Fluminense em 2024

Foto de Caio Blois

Caio Blois

Jornalista pela UFRJ, pós-graduado em Comunicação pela Universidad de Navarra-ESP e mestre em Gestão do Desporto pela Universidade de Lisboa-POR. Antes da Trivela, passou por O Globo, UOL, O Estado de S. Paulo, GE, ESPN Brasil e TNT Sports.
Botão Voltar ao topo