Brasileirão Série A

São Paulo volta da Data Fifa e quer usar Brasileirão como laboratório para 2024

São Paulo pretende "acelerar" campanha no Brasileirão para iniciar observações de olho na próxima temporada

Após 10 dias sem jogos, o São Paulo volta a campo nesta quarta-feira (18), às 21h30 (horário de Brasília), para enfrentar o Goiás no Estádio Hailé Pinheiro (Serrinha), pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Campeão da Copa do Brasil e em uma confortável posição no meio da tabela, o Tricolor tem toda a pinta de que a retomada do calendário será sob certo tom de desinteresse. Mas o clube tem, sim, motivos para evitar a célebre frase de Renato Gaúcho, em 2008, e não entrar para “brincar no Brasileirão”.

O Campeonato Brasileiro ainda é coisa séria para o São Paulo muito mais pelo que ele pode representar para o 2024 do clube do que por qualquer pretensão de fazer campanha. Claro, o Tricolor traçou como objetivo alcançar uma posição mais alta para receber também uma premiação mais alta. Mas as 12 rodadas restantes servirão especialmente para fazer observações, dar chances a garotos e acelerar o planejamento do elenco para a próxima temporada em que o clube volta a disputar a Libertadores.

Data Fifa faz São Paulo acelerar projeto 2024

Dorival Júnior e a diretoria do São Paulo cumpriram a promessa de usar a Data Fifa para acelerar o planejamento do clube para a próxima temporada. E duas renovações contratuais são a prova disso. O clube cumpriu a primeira de suas missões e ampliou o vínculo de Rafinha até o final de 2024. Prestes a encerrar a carreira, o lateral estava indeciso sobre o prazo do novo contrato. Ele aceitou prorrogar por mais um ano, mas com cláusula que lhe permite sair ao fim do primeiro semestre.

A diretoria ainda trabalha para concretizar o que hoje parece uma iminente renovação com Lucas Moura – prioridade a partir de agora. Mas enquanto isso não ocorre, o presidente Julio Casares revelou que já acertou a ampliação de vínculo com Alisson até o fim de 2026.

– Vamos renovar com o Alisson. Já está renovado. O Alisson é jogador do São Paulo até 2026 e nos dá muito orgulho – disse o mandatário, ao Canal do Nicola.

Alisson vira titular absoluto no São Paulo e renova seu contrato (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Observações, chances a garotos e busca por reserva de Calleri

Herói no título na Copa do Brasil, Calleri enfim passou pela cirurgia no tornozelo direito que tanto o fez jogar no sacrifício em 2023. O centroavante se prepara para retornar 100% em 2024. E sua ausência abre lacuna para Dorival Júnior observar outros atletas da posição de olho em um substituto para o argentino na próxima temporada.

O principal deles é Erison. O centroavante está recuperado de lesão muscular e deve ganhar mais chances até o final do ano para que a comissão técnica possa fazer uma avaliação mais assertiva sobre o que ele pode entregar para o elenco. Até o momento, o jogador sofreu muito com problemas musculares e atuou apenas em 10 partidas pelo clube. Seu contrato vai até o final do ano, por empréstimo do Botafogo.

Erison, aliás, é mais um de uma série de jogadores do São Paulo que têm vínculo prestes a expirar. A maioria deles, porém, deve deixar o clube. São os casos de Alexandre Pato, Felipe Alves e David, por exemplo. Dorival entende que o elenco está inflado com 40 nomes.

O treinador pretende ainda usar os compromissos restantes para observar alguns atletas mais novos por mais tempo em campo. Esta foi uma promessa feita ainda em meio às comemorações do título da Copa do Brasil. Jovens como Negrucci, Rodriguinho e Pedro Vilhena devem ter mais oportunidades a partir do momento em que o São Paulo tranquilizar de vez sua vida no Brasileirão.

Três jogos em uma semana para “acabar o ano”

A partida contra o Goiás inaugura uma série de três jogos em uma semana que podem fazer o Tricolor antecipar de vez o seu fim do ano. Mas para isso, a equipe se obriga a encerrar aquela que é sua grande pedra no sapato em 2023. O São Paulo ainda não venceu um jogo sequer como visitante no Brasileirão. Na sequência, são dois jogos fora – além do Esmeraldino, há o clássico com o Palmeiras, na quarta-feira, dia 25.

Após o empate com o Vasco, o clube completou penosos 11 meses sem vencer fora de casa pelo Campeonato Brasileiro. Mas o confronto com o Goiás traz também uma coincidência positiva. A última vitória como visitante foi nem 13 de novembro, justamente contra o Esmeraldino, pela última rodada do Campeonato Brasileiro do ano passado.

3 jogos em 1 semana

  • 18/10 – Goiás x São Paulo – 27ª rodada do Brasileirão
  • 22/10 – São Paulo x Grêmio – 28ª rodada do Brasileirão
  • 25/10 – Palmeiras x São Paulo – 29ª rodada do Brasileirão

O São Paulo é o 10º colocado no Campeonato Brasileiro, com 35 pontos – oito a mais que o Vasco, primeiro time do Z4, com 27. O Tricolor enfrenta o Goiás nesta quarta-feira (18), às 21h30 (horário de Brasília), pela 27ª rodada do Brasileirão.

Foto de Eduardo Deconto

Eduardo Deconto

Eduardo Deconto nasceu em Porto Alegre (RS) e se formou em Jornalismo na PUCRS. Antes de escrever para a Trivela, passou por ge.globo e RBS TV.
Botão Voltar ao topo