Sul-Americana

Lucas volta ao Morumbi pela Sul-Americana para liderar (de novo) São Paulo em busca da vaga

Capitão do título em 2012, contra o Tigre, Lucas Moura é esperança do São Paulo tentar mais uma virada em mata-mata, desta vez contra LDU

Morumbi lotado em noite de decisão pela Sul-Americana, e talvez não haja lugar em que Lucas Moura se sinta mais à vontade. O camisa 7 que ergueu como capitão o único título do São Paulo na competição tem a missão de comandar (de novo) a equipe nesta quinta-feira (31). A partir das 19h (horário de Brasília), o Tricolor enfrenta a LDU pelo duelo da volta das quartas de final na obrigação de tentar uma virada para avançar à semifinal.

Viradas que, aliás, têm sido tanto rotina para o São Paulo quanto tem sido rotina para Lucas decidir em campo. O Tricolor vem de duas “remontadas” contra San Lorenzo, na Sul-Americana, e Corinthians, na Copa do Brasil. O atacante, por sua vez, fez o gol da classificação à final no Majestoso e marcou de novo no Equador. Foi o gol de honra na derrota por 2 a 1 no duelo de ida com a LDU e que deixa a equipe viva no confronto desta noite.

Lucas tem três gols marcados em seis jogos disputados desde que voltou ao São Paulo 11 anos após deixar o clube rumo ao Velho Continente. O atacante que tem contrato apenas até o fim do ano já transformou em história os quatro meses de vínculo desta segunda passagem. Muito pelo que ele fez no duelo com o Corinthians.

O atacante que se ajoelhou emocionado no gramado do Morumbi para comemorar às lágrimas a classificação foi o grande responsável por levar o São Paulo de volta a uma final de Copa do Brasil após 23 anos. Pelo que fez em campo e também pelo referencial de liderança que assumiu ainda antes do clássico para comandar a equipe rumo à vitória.

Volta ao Morumbi pela Sul-Americana

O duelo desta noite é especial também pela história que Lucas já construiu pelo São Paulo. O jogo contra a LDU será o primeiro do atacante pela Sul-Americana no Morumbi desde a final que deu o título ao clube em 2012, sobre o Tigre, da Argentina. O camisa 7 foi quem ergueu a taça de campeão, o 12º troféu internacional do clube. Muito porque aquela era a sua última partida antes de se transferir ao PSG, da França. Mas também, porque ele foi o grande protagonista dos apenas 45 minutos de jogo.

Foi tempo suficiente para Lucas mostrar por que havia sido vendido por estratosféricos R$ 108 milhões ao clube francês. O atacante marcou um gol e deu assistência para outro na vitória por 2 a 0 sobre os argentinos. Depois, foi protagonista da confusão que transformou a final em “meia final”.

O primeiro tempo de supremacia tricolor, o Tigre contou com a complacência do árbitro para bater muito. Lucas foi acertado no rosto e deixou o campo com o nariz sangrando. No caminho ao vestiário, ele entregou o algodão ensanguentado a um dos adversários. Foi o início de uma confusão que se arrastou pelos corredores do Morumbi. Os argentinos alegaram ter sido agredidos por seguranças do estádio e não voltaram mais ao gramado. O título ficou com o São Paulo.

 

Lucas pode ficar no São Pauoo em 2024?

Lucas tem contrato com o São Paulo apenas até o final do ano e já garantiu duas coisas. A primeira é que ele não tem acerto com nenhuma equipe para 2024. A segunda é que ele está focado apenas nas decisões que tem pela frente. O atacante não fecha as portas para a sua permanência, mas nada disso será discutido neste momento. O desejo do clube é de que ele fique.

– O Lucas ficar é desejo que temos. Nós desejamos, ele está muito feliz. Mas é um aspecto a ser trabalhado no dia a dia. A gente gostaria que ele continuasse, independentemente de qualquer resultado – afirma o presidente Julio Casares.

Do que o São Paulo precisa para avançar?

Após perder o jogo de ida por 2 a 1 em Quito, o São Paulo precisa vencer a LDU por dois gols de diferença para avançar à semifinal da Sul-Americana. Uma vitória por um gol leva a decisão para os pênaltis. Vale lembrar que recentemente, o Tricolor reverteu duas desvantagem seguidas em mata-matas contra San Lorenzo e Corinthians, pela Copa do Brasil.

São Paulo e LDU se enfrentam nesta quinta-feira (31), às 19h (horário de Brasília), no Morumbi, pela volta das quartas de final da Sul-Americana. Quem avançar no confronto enfrenta o vencedor do duelo entre Botafogo e Defensa Y Justicia.

Foto de Eduardo Deconto

Eduardo Deconto

Eduardo Deconto nasceu em Porto Alegre (RS) e se formou em Jornalismo na PUCRS. Antes de escrever para a Trivela, passou por ge.globo e RBS TV.
Botão Voltar ao topo