Libertadores

Sorteio da Libertadores: Fluminense ainda precisa esperar por adversário nas oitavas

Tricolor aguarda definição do grupo C, ainda aberto, para saber quem enfrenta nas oitavas-de-final da Libertadores

O Fluminense conheceu nesta segunda-feira (3) seu confronto nas oitavas-de-final da Libertadores. O Tricolor enfrentará o segundo colocado do grupo C, que ainda não está definido.

As chaves também foram definidas. Quem passar deste confronto enfrenta o vencedor de Atlético-MG e San Lorenzo. Do lado do Flu ainda estão River Plate, Talleres, Colo-Colo e Junior Barranquilla, potenciais adversários nas semifinais.

Fluminense aguarda grupo C para conhecer adversário

O grupo C é o único ainda indefinido na Libertadores. Isso porque conta com a participação do Grêmio, que teve seus jogos adiados pela Conmebol em função das enchentes no Rio Grande do Sul.

Momentaneamente, o segundo colocado é o Huachipato, do Chile, que fez oito pontos em cinco jogos. A equipe recebe o Grêmio, em casa, nesta terça-feira (4), às 21h (de Brasília), e pode ir a 11 pontos. Caso o Huachipato vença, os gaúchos estarão eliminados.

O Grêmio está na terceira colocação, com 6 pontos, mas ainda pode chegar em 12, já que além do jogo contra os chilenos, ainda pega o Estudiantes, já eliminado, na última rodada. O líder atual é o The Strongest, da Bolívia, que marcou 10 pontos, mas não entra mais em campo pela fase de grupos.

Viagem longa, brasileiro ou altitude no caminho do Fluminense

O sorteio poderia ter sido mais inglório para o Fluminense. O Tricolor fugiu de embates com os rivais Flamengo e Botafogo, além de ter evitado os melhores segundo colocados da fase de grupos. Ainda assim, mesmo sem adversário definido, os confrontos não prometem facilidade, mas por diferentes motivos.

Todos os cenários são hipotéticos. O Huachipato só será adversário do Fluminense caso o Grêmio empate seus dois jogos, a começar pelo confronto direto desta terça-feira (4) em Talcahuano, no Chile. A principal dificuldade deste confronto é logística: a viagem não é nada fácil. São mais de sete horas de vôo até o Aeroporto de Concepción, além de um curto trecho rodoviário até a província onde o clube manda seus jogos no Estádio CAP.

O Grêmio precisa pontuar no Chile para seguir vivo na Libertadores. Um empate mantém a situação indefinida no grupo C, e, portanto, também para o Fluminense. A igualdade obrigaria os gaúchos a vencerem seu último jogo, e os critérios de desempate seriam determinantes entre o time de Renato Gaúcho e o The Strongest. O Flu quer fugir dos bolivianos, que mandam seus jogos na altitude de mais de 3.600 metros no Estádio Hernando Siles, em La Paz.

A altitude é mais temida que o próprio adversário. O Tricolor não tem bom histórico nessas condições e foi derrotado pelo próprio The Strongest, na Bolívia, na campanha do título da Libertadores em 2023. Ao menos, desta vez, o Flu decidiria em casa. Os bolivianos estarão no caminho do Fluminense em caso de vitória do Huachipato contra o Grêmio, duas vitórias gremistas nos jogos restantes ou um empate e uma vitória dos gaúchos por dois ou mais gols, ultrapassando o atual líder no saldo.

Como está o Fluminense em 2024

Próximos jogos do Fluminense

Veja os próximos confrontos do Fluminense na continuação da temporada:

  • Botafogo x Fluminense — Campeonato Brasileiro — terça-feira, 11 de junho — 20h (de Brasília).
  • Fluminense x Atlético-GO — Campeonato Brasileiro — sábado, 15 de junho — 21h (de Brasília).

 

Foto de Caio Blois

Caio Blois

Jornalista pela UFRJ, pós-graduado em Comunicação pela Universidad de Navarra-ESP e mestre em Gestão do Desporto pela Universidade de Lisboa-POR. Antes da Trivela, passou por O Globo, UOL, O Estado de S. Paulo, GE, ESPN Brasil e TNT Sports.
Botão Voltar ao topo