Inglaterra

A acirrada disputa pelo título na Championship, maior até que a Premier League

Apenas dois pontos separam Ipswich, Leeds e Leicester na luta pelo título da segunda divisão inglesa

Nesta temporada, a Premier League tem dado ao telespectador muita emoção nessa reta final e uma disputa quase inédita. A oito rodadas do fim, Liverpool (o líder), Arsenal e Manchester City estão separados por apenas três pontos e muita gente se questiona se é o mais acirrado Campeonato Inglês da história moderna. Incrivelmente, se olharmos como está a disputa na segunda divisão da Inglaterra, vemos uma luta pelo título ainda mais equilibrada e próxima em pontuação.

Com 40 rodadas disputadas, quem lidera é o Ipswich Town do jovem técnico norte-irlandês Kieran McKenna, de 37 anos, com 87 pontos, um a mais que o Leeds United, que quer voltar à primeira divisão após ser rebaixado no ano passado. Fora da zona de acesso direta à Premier League está o Leicester, em terceiro, com um jogo a menos e 85 de pontuação (ou seja, se vencer a partida atrasada contra o Southampton vira o novo líder).

Tem sido uma competição muito interessante e lotada de reviravoltas desde o início. O Leeds, por exemplo, demorou a entrar nos trilhos com o alemão Daniel Farke, chegando ao top-4 apenas após 12 rodadas. Por outro lado, Ipswich e Leicester tiveram mais regularidade e patinaram poucas vezes, normalmente alternando entre a primeira e a segunda colocação.

Confira como serão as últimas rodadas de Ipswich, Leeds e Leicester, além de um panorama de outras brigas na tabela da Championship, a segunda divisão inglesa.

O caótico e interessante Ipswich de McKenna terá trabalho para manter ponta

Dos seis confrontos finais do líder Ipswich, quatro serão contra adversários que sonham por uma vaga no G6 da Champioship. No mínimo complexo para o time que é, de longe, o mais divertido de se assistir na segunda divisão pelo caos em suas partidas. A vitória sobre o Southampton, na última segunda-feira (1), é uma boa mostra disso: começou ganhando, sofreu virada ainda no primeiro tempo, empatou e retomou a vantagem aos 51 minutos da etapa final.

No total da competição, eles marcaram 84 gols, acima de dois por rodada. Desses 84, 25 foram após nos 15 minutos finais dos duelos, reforçando a emoção em suas partidas. Na mesma medida, a defesa é quase uma peneira e sofreu 51, 20 a mais que o Leeds e 16 em comparação ao Leicester.

Mas, só de estar na briga pelo título, já é um grande mérito e mostra a força do trabalho de McKenna, ex-técnico da base de Manchester United e Tottenham. Na temporada passada, o time estava na League One, a terceira divisão, e subiu com 98 pontos e 101 gols em 46 rodadas. Mesmo sem disputar a Championship desde 2019, eles estão lutando de igual para igual (ou de forma superior, no caso dos Saints) com elencos que eram de Premier League há menos de um ano. No recorte do início de 2022/23 até hoje, nenhuma equipe das quarto divisões do futebol inglês somou mais pontos que o Ipswich de McKenna.

Podemos esperar que na próxima janela de transferências muitos atletas vão para clubes maiores, especialmente o lateral-esquerdo Leif Davis, de 24 anos, que soma 16 assistências em 37 jogos.

Confira os seis jogos finais do Ipswich.

  • 06/04 – vs Norwich, fora;
  • 10/04 – vs Watford, casa;
  • 13/04 – vs Middlesbrough, casa;
  • 27/04 – vs Hull City, fora;
  • 30/04 – vs Coventry, fora;
  • 04/05 – vs Huddersfield, casa.

Leeds conta com um dos “MVPs” da competição para conseguir vaga

Nesta edição da segunda divisão inglesa é difícil apontar três jogadores que tenham desempenhado melhor que Crysencio Summerville. O camisa 10 do Leeds, atuando da ponta esquerda para dentro, jogou 37 vezes na temporada e soma 25 participações em gols (17 tentos e oito assistências). Com apenas 22 anos, o holandês, no clube desde 2021, se firmou a partir do rebaixamento na temporada passada.

Daniel Farke e Summerville, o destaque do Leeds na Championship (Foto: Icon Sport)

Além de Summerville, o elenco conta com outros nomes que atuaram nas últimas edições da Premier League que os Peacocks participaram, casos de Patrick Bamford, Junior Firpo e Daniel James, além do experiente Liam Cooper no banco.

Ao contrário do Ipswich, o Leeds se destaca pelo seu sistema defensivo, vazado apenas 31 vezes em 40 partidas. O goleiro Illan Meslier nem precisa se preocupar tanto durante as partidas, pois é o arqueiro que menos tem defesas no campeonato (em média, apenas 1,9 por rodada, segundo o SofaScore).

Sobre o caminho da equipe de Farke, há os complexos Coventry, Middlesbrough e Southampton, mas também há confrontos contra times da parte debaixo da tabela.

  • 06/04 – vs Coventry, fora;
  • 09/04 – vs Sunderland, casa;
  • 13/04 – vs Blackburn, casa;
  • 22/04 – vs Middlesbrough, fora;
  • 26/04 – vs Queens Park Rangers, fora;
  • 04/05 – vs Southampton, casa.

Leicester tem tabela mais fácil em comparação aos rivais

Se o Leeds tem um candidato a melhor jogador da Championship, o clube do King Power Stadium tem dois voando. São eles o meia Kiernan Dewsbury-Hall, que atua mais à esquerda do 4-3-3 do time, e o ponta direita Abdul Fatawu Issahaku, jogando sempre bem colado na linha lateral. Somados, a dupla tem 23 assistências e ajudam os Foxes a serem o melhor time, em questões coletivas, na segunda divisão.

O Leicester consegue somar um ótimo equilíbrio defensivo com um ataque tão mortal quanto, aspectos muito bem trabalhos pelo técnico Enzo Maresca, ex-auxiliar de Pep Guardiola, assim como foi Mikel Arteta, do Arsenal.

Além de terem um jogo a menos, os Foxes contam com uma tabela mais simples dos rivais. Isso porque, dentre as partidas restantes, terá mais da metade dos confrontos com adversários que lutam contra o rebaixamento, casos de Blackburn (17º), Millwall (19º), Plymouth (20º), Birmingham (21º) e Huddersfield (22º). As pedreiras do caminho podem não estar tão focadas assim, porque o West Bromwich e especialmente o Southampton somam boas vantagens no G6 e não vão lutar pelas três primeiras colocações.

  • 06/04 – vs Birmingham, casa;
  • 09/04 – vs Millwall, fora;
  • 12/04 – Plymouth, fora;
  • 20/04 – vs West Bromwich, casa;
  • 23/04 – vs Southampton, casa;
  • 27/04 – vs Preston, fora;
  • 04/05 – vs Blackburn, casa.

Disputa acirrada não se limita a ponta da tabela

Gabriel Sara, ex-São paulo, em ação pelo Norwich, que luta pelo acesso à Premier League (Foto: Icon Sport)

A disputa ponto a ponto não está somente pelo título. O Southampton, que voltou para segunda divisão nesta temporada junto de Leeds e Leicester, teve início irregular, se recuperou e até chegou a ultrapassar Leicester e Leeds, mas agora voltou a vacilar e está em quarto, 11 atrás dos Foxes, por isso provavelmente estará nos playoffs ao término da temporada. Nesse cenário, considerando que um dos três primeiros e os Saints irão ao mata-mata do final da temporada que valerá uma vaga na Premier League, sobram apenas duas vagas abertas para os playoffs.

Com isso, o West Brom é quem aparece mais próximo de ser o terceiro nesse mata-mata porque já tem 68 pontos, quatro a mais que o Norwich, que conta com o brasileiro Gabriel Sara, ex-São Paulo, e está em sexto, último lugar que leva aos playoffs. Dentre os times que estão abaixo dos Canários e podem ser considerados na luta pelo acesso estão Coventry (60 de pontuação), Preston (59), Middlesbrough (58) e Hull City (58). Dos citados, apenas o Boro soma 40 rodadas disputadas, enquanto os outros três tem um jogo a menos.

Na outra ponta da tabela, pelas três vagas que rebaixam, apenas uma está garantida e é do lanterna Rotherdam, que soma apenas 23 pontos. No restante, nove times estão separados por apenas oito pontos. Hoje, Sheffield Wednesday e Huddersfield seriam os rebaixados, mas esse cenário tem grandes chances de mudar até o término da Championship 2023/24, em maio.

Tabela completa da Championship, a segunda divisão inglesa

Championship
# Seleção J V E D +/- Pontos
1 Leicester

Leicester

46 31 4 11 48 97
2 Ipswich

Ipswich

46 28 12 6 35 96
3 Leeds

Leeds

46 27 9 10 38 90
4 Southampton

Southampton

46 26 9 11 24 87
5 West Brom

West Brom

46 21 12 13 23 75
6 Norwich

Norwich

46 21 10 15 15 73
7 Hull

Hull

46 19 13 14 8 70
8 Middlesbrough

Middlesbrough

46 20 9 17 9 69
9 Coventry

Coventry

46 17 13 16 11 64
10 Preston

Preston

46 18 9 19 -11 63
11 Bristol City

Bristol City

46 17 11 18 2 62
12 Cardiff

Cardiff

46 19 5 22 -17 62
13 Millwall

Millwall

46 16 11 19 -10 59
14 Swansea

Swansea

46 15 12 19 -6 57
15 Watford

Watford

46 13 17 16 0 56
16 Sunderland

Sunderland

46 16 8 22 -2 56
17 Stoke

Stoke

46 15 11 20 -11 56
18 QPR

QPR

46 15 11 20 -11 56
19 Blackburn

Blackburn

46 14 11 21 -14 53
20 Sheff Wed

Sheff Wed

46 15 8 23 -24 53
21 Plymouth

Plymouth

46 13 12 21 -11 51
22 Birmingham

Birmingham

46 13 11 22 -15 50
23 Huddersfield

Huddersfield

46 9 18 19 -29 45
24 Rotherham

Rotherham

46 5 12 29 -52 27
Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Nascido e criado em São Paulo, é jornalista pela Universidade Paulista (UNIP). Já passou por Yahoo!, Premier League Brasil e The Clutch, além de assessorias de imprensa. Escreve sobre futebol nacional e internacional na Trivela desde 2023.
Botão Voltar ao topo