Futebol feminino

Após vitória magra sobre Porto Rico, Brasil encara goleadora Colômbia por liderança do grupo na Copa Ouro

Em confronto direto na chave contra as colombianas, Brasil terá vida dura, principalmente após goleada histórica das adversárias sobre o Panamá

Na madrugada deste domingo (25), às 00h15 (horário de Brasília), a Seleção Feminina volta a campo para encarar a goleadora Colômbia, líder do Grupo B da Copa Ouro. O confronto será a “hora da verdade” para a equipe de Arthur Elias após a vitória magrinha sobre Porto Rico, por 1 a 0, na estreia da competição. No entanto, vale ressaltar que o treinador está “muito satisfeito” com o que viu na estreia.

– Enfrentamos uma equipe que, na minha opinião, é muito bem treinada em relação ao processo de ser consistente e que joga junto a todo momento. No entanto, muitas de nossas jogadoras ainda não atingiram seu ápice de performance, porque estão em pré-temporada. A maioria das atletas da Seleção Brasileira representam clubes no Brasil e nos Estados Unidos. A tendência é a equipe crescer, ganhar na sua coletividade e também na sua preparação individual nessa competição – disse o técnico após o confronto.

Diante das porto-riquenhas, Arthur Elias apostou em mais mudanças, assim como fez em dezembro de 2023 diante do Japão. Desta vez, as carinhas novas foram da lateral-esquerda Bia Menezes, do São Paulo, que começou como titular e a meia Julia Bianchi, do Chicago Red Stars. Além delas, a goleira Luciana assumiu sua função como substituta de Lelê, que sofreu uma lesão no ligamento cruzado anterior (LCA) do joelho esquerdo.

– A equipe completa treinou muito pouco, teve apenas um dia de treino. É um novo trabalho com novas jogadoras, uma primeira convocação de muitas atletas. Eu sei que o processo pode ser difícil nesse momento, mas acredito que a equipe continuará crescendo ao longo da competição.

O confronto contra as colombianas é direto pela liderança da chave. No momento, as duas seleções estão empatadas com três pontos. A Colômbia leva vantagem pelo saldo de gols após o resultado elástico.

– Planejamos fazer um grande jogo na próxima partida. Nosso objetivo é sair na primeira colocação do grupo. Para isso, vamos precisar vencer a Colômbia, respeitando e entendendo o adversário, mas sabendo que nós também temos muitos pontos fortes que de repente não foram mostrados hoje, mas que poderão ser mostrados no próximo – disse Arthur.

Duda Santos projeta confronto difícil contra a Colômbia

A meia Duda Santos, do Palmeiras, foi uma das melhores em campo contra Porto Rico. Jogando com mais liberdade, a camisa 5 do Brasil trabalhou bem na aproximação com o ataque, principalmente ao lado de Bia Zaneratto. Na última coletiva antes de enfrentar as colombianas, a jogadora teceu elogios às adversárias.

– Elas fizeram uma ótima Copa do Mundo e o elenco é bem entrosado. Tenho certeza que elas vão vir para cima no Brasil, mas estamos bem preparadas. Respeitamos muito a Colômbia, é uma grande equipe, mas nós também estamos treinando, estamos trabalhando e eu tenho certeza que vai ser um grande jogo – afirmou a meio-campista.

O confronto contra as colombianas é direto pela liderança da chave. No momento, as duas seleções estão empatadas com três pontos. A Colômbia leva vantagem pelo saldo de gols após o resultado elástico.

– Confio muito no nosso grupo, assim como toda a comissão confia na gente. Nós nos entregamos muito. Infelizmente não acertamos o gol, tivemos pouca efetividade sim, mas como eu falei, isso faz parte do futebol, a gente respeita toda a equipe.

Botão Voltar ao topo