Eliminatórias da Eurocopa

País de Gales sonha com a Eurocopa ao passar o carro pela Finlândia

Com muita propriedade, o País de Gales goleou a Finlândia na semifinal da repescagem das Eliminatórias para a Eurocopa 2024

Nesta quinta-feira (21), País de Gales venceu a Finlândia por 3 x 1, no Cardiff Stadium, pela semifinal da repescagem das Eliminatórias da Eurocopa. Com o resultado, as Corujas Reais dão adeus à chance de disputar a Euro na Alemanha. Já os Dragões enfrentam a Polônia na terça-feira (26) para definir qual país vai garantir uma das três vagas disponíveis para o torneio que será realizado entre junho e julho.

Mais uma vez em partida única, a seleção galesa precisa ganhar da Alvirrubra para garantir seu lugar no Grupo D da Eurocopa 2024, que já conta com Áustria, França e Holanda. Em caso de empate, a decisão dos playoffs da repescagem da competição vai para a prorrogação e – se necessário – pênaltis. Futuro à parte, a seleção finlandesa não foi párea na semifinal valendo uma vaga à Euro.

Com repertório, os Dragões construíram não só um resultado tranquilo, como também mostraram bom futebol diante das Corujas Reais. Por mais que não teve a maior posse de bola na repescagem das Eliminatórias da Eurocopa, País de Gales deu uma aula de eficiência ofensiva contra a Finlândia, que até tentou mudar sua sorte na partida, mas não teve qualidade suficiente para isso.

Como foi País de Gales x Finlândia pela semifinal da repescagem das Eliminatórias da Eurocopa

Jogando em casa e com o apoio de sua torcida, a seleção galesa usou todo esse apoio a seu favor. E não demorou muito para a seleção finlandesa sofrer o primeiro gol, que saiu em ótima troca de passes perto da grande área. A primeira finalização dos Dragões foi parada pelo goleiro das Corujas Reais, mas ninguém marcou Brooks no rebote, facilitando seu trabalho de colocar a bola na rede.

O primeiro gol de País de Gales saiu logo no início do 1º tempo e, como resposta, a Finlândia acordou para a vida segurando a posse. Entretanto, as Corujas Reais não conseguiram transformar esse pequeno domínio em chances claras de gol. Tanto que os Dragões voltaram a colocar a bola no fundo da rede com um golaço de Williams, que aproveitou uma cobrança de falta frontal para chutar no ângulo do arqueiro rival.

Entretanto, quando todo mundo pensava que a seleção galesa ia ter um dia tranquilo, a seleção finlandesa deu um susto daqueles. Em uma rara boa jogada construída com toques rápidos, Pukki ficou cara a cara com o goleiro dos Dragões dentro da grande área e não desperdiçou. E isso foi tudo até a ida para o intervalo. Só que as Corujas Reais não usaram esse gol para se reencontrar na repescagem das Eliminatórias da Eurocopa.

Fogo de palha

A verdade é que a Finlândia foi fogo de palha, pois País de Gales voltou para o 2º tempo com muito mais vontade de vencer. Não à toa, os Dragões ampliaram sua vantagem nos primeiros minutos, em uma jogada de bola parada que terminou no fundo da rede. As Corujas Reais sequer mostraram poder de reação, e acabaram levando uma goleada nos playoffs das Eliminatórias da Euro.

Fatal perto do gol, a seleção galesa chegou a fazer mais um gol, porém, a arbitragem anulou porque a bola não passou totalmente pela linha. Sem causar qualquer tipo de perigo no ataque, a seleção finlandesa ainda bobeou lá atrás, em uma bola tranquila para o zagueiro. Com fome de triunfo, James correu quase o campo todo para roubar a bola das Corujas Reais, fechando o caixão na semifinal da repescagem das Eliminatórias da Eurocopa.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Formado em Jornalismo pela Unesp, é apaixonado por esportes, acima de tudo futebol. Ama escrever sobre o que acontece dentro e fora de campo. Após passar por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia, se juntou à equipe da Trivela com muita vontade de continuar crescendo.
Botão Voltar ao topo