Brasileirão Série B

Sem técnico e com duas vitórias no ano: esse é o Guarani que visitará o Santos

Santos e Guarani se enfrentarão às 21 horas (horário de Brasília), da próxima segunda-feira (6), na Vila Belmiro

Líder da Série B do Campeonato Brasileiro com duas vitórias em dois jogos, o Santos iniciou, nesta segunda-feira (29), a sua preparação para receber o Guarani, às 21 horas (horário de Brasília) da próxima segunda-feira (6), na Vila Belmiro, pela 3ª rodada da competição. E a equipe de Campinas pisará na Baixada Santista mergulhada numa crise, e vivendo uma realidade completamente oposta a do Peixe na temporada, que já foi vice-campeão paulista.

Para começar, o Guarani perdeu as duas partidas que disputou neste início de Série B e ocupa a vice-lanterna do campeonato. Por conta disso, a diretoria trabalha para encontrar um novo treinador, pois Claudinei Oliveira, que havia sido contratado em fevereiro deste ano, foi demitido no último sábado (27), após a derrota para a Chapecoense, por 1 a 0, no Brinco de Ouro da Princesa.

Antes de apostar em Claudinei, o Guarani começou o ano com Umberto Lozer. Com o risco de rebaixamento no Campeonato Paulista, o então treinador foi demitido e a equipe conseguiu se livrar da queda no Estadual.

Quantas vitórias o Guarani tem no ano?

O péssimo momento do Guarani no ano fica evidente quando fazemos uma simples leitura dos números da equipe na temporada. Ao longo dos 14 compromissos disputados, o Bugre conquistou apenas duas vitórias. No mais, são oito derrotas e quatro empates. Isso representa um aproveitamento de 23%.

Se considerarmos também os jogos de 2023, os números são ainda piores. São apenas duas vitórias nas últimas 22 partidas disputadas.

Há chances de Lei do Ex na Vila?

Mesmo diante de todos os problemas do Guarani, o sistema defensivo do Santos precisa ter atenção, uma vez que a Lei do Ex vem forte para o duelo na Vila Belmiro.

Sem contar o goleiro Vladimir, que está machucado e só poderia jogar mediante o pagamento de uma multa, conforme consta no contrato de empréstimo, o Bugre ainda tem à disposição quatro ex-jogadores do Peixe: Camacho, Bruno Oliveira, Luan Dias e Renyer, que deixou o Alvinegro no final do ano passado, de graça, depois de ser apontado como uma das joias da base santista.

Renyer no Guarani
Revelado nas categorias de base do Santos, Renyer chegou ao Guarani no mês passado e assinou contrato até abril de 2026 (Foto: Flickr/Guarani)

Destes, apenas Camacho e Luan Dias — peças do elenco que rebaixou o Santos em 2023 — têm atuado como titulares.

O Santos tem problemas para o duelo?

Embalado pelo bom início na Série B, o Santos não tem grandes problemas para o duelo contra o Guarani. Nesta segunda-feira (29), durante a reapresentação do elenco, após a vitória por 2 a 0 sobre o Avaí, na Ressacada, o atacante Willian Bigode e o meio-campista Sandry voltaram a treinar com o restante do grupo e devem ficar à disposição de Fábio Carille em breve.

Foto de Bruno Lima

Bruno Lima

Bruno Lima nasceu em Santos (SP) e se formou em Jornalismo na Universidade Católica de Santos (UniSantos) em 2010. Antes de escrever para Trivela, passou por A Tribuna.
Botão Voltar ao topo