Brasil

Raio-X dos contratos do Cruzeiro: quais jogadores ficam sem vínculo em 2024?

Enquanto alguns titulares têm seus contratos se encerrando em 2024, reservas têm vínculo mais longo

O Cruzeiro vive um momento de profundas mudanças em seu departamento de futebol. Com a venda da SAF do clube de Ronaldo Fenômeno para Pedrinho BH, houve também a alteração na forma de pensar dentro da diretoria do clube.

A gestão de Ronaldo previa um comportamento austero, focado na reestruturação do clube e na manutenção das contas em valores mais baixos.

Já Pedrinho quer investimentos maiores, com um time forte de forma imediata. Mas, claro, sem esquecer da responsabilidade financeira, tendo a equalização da dívida do clube como grande objetivo.

Essa mudança de ideais faz com que o time seja diretamente impactado. Enquanto Ronaldo focava em apostas e investimentos “bons e baratos”, Pedro Lourenço busca jogadores mais consolidados, com maior rodagem no futebol.

Sendo assim, a tendência é que alguns dos nomes do elenco do Cruzeiro percam cada vez mais espaço e deixem o clube, seja por transferências ou ao fim de seus contratos.

Quais jogadores ficam sem contrato com o Cruzeiro após 2024?

Hoje, o Cruzeiro possui alguns jogadores excedentários em seu elenco. São nomes que quase não jogam, sendo que alguns deles, quando atuaram, foram mal.

Apesar do perfil dispensável de parte destes atletas, alguns deles possuem contratos mais longos, que vão além de 2024. Sendo assim, seria preciso negociá-los, seja de forma definitiva ou por empréstimos, ou buscar rescisões.

Atualmente, são 12 jogadores com vínculos que se encerram ainda em 2024. Destes, quatro são considerados titulares atualmente, seis jogam pouco e só dois, Ramiro e Gabriel Veron, são constantemente utilizados. São eles:

  • Matheus Pereira (30 de junho de 2024), Wesley Gasolina, Neris, Lucas Silva, Ramiro, Rafael Bilu, Gabriel Grando, Lucas Villalba, José Cifuentes, Álvaro Barreal, Rafa Silva e Gabriel Veron.

Matheus Pereira negocia permanência no Cruzeiro

Craque do Cruzeiro, Matheus Pereira negocia sua permanência na Toca da Raposa 2. O camisa 10 vive grande temporada e será comprado pelo clube celeste.

A Raposa terá que desembolsar perto de 6 milhões de euros (R$ 33,5 milhões) para comprar 50% do meia junto ao Al-Hilal, da Arábia Saudita, clube dono de seu passe.

Parte do valor será à vista e o restante, parcelado, prática comum no futebol.

O salário de Matheus será um dos maiores do futebol brasileiro e o vínculo será de dois anos, com possibilidade de ampliação.

Para que a negociação seja selada, resta apenas que o jogador assine o novo contrato.

Lucas Silva e Rafa Silva têm futuro indefinido

O Cruzeiro também conta com um grupo de jogadores questionados que fica sem contrato no final de 2024.

Lucas Silva: o capitão é quem mais tem chances de conseguir uma extensão.

Ídolo no clube, o cria da Toca tem recebido críticas por seu desempenho, mas têm papel importante no vestiário.

Lucas é um dos jogadores mais identificados com o clube e é titular do time. Por isso, não seria estranha uma renovação, ainda que seja para composição de elenco.

Rafa Silva: se tornou titular do Cruzeiro com a lesão de Juan Dinenno, mas pensando na busca incessante da Raposa por novos atacantes, é improvável que o camisa 8, de 32 anos, siga na equipe no próximo ano.

Gabriel Grando, Rafael Bilu, Wesley Gasolina, Neris e Ramiro devem deixar o Cruzeiro

Gabriel Grando: o goleiro chegou ao Cruzeiro em negociação que levou Rafael Cabral ao Grêmio, mas com a titularidade de Anderson, não jogou.

Como se não bastasse, Cássio foi contratado. Assim, as possibilidades do goleiro atuar caíram exponencialmente. É improvável que ele siga no clube.

Wesley Gasolina: ainda jovem, o lateral-direito chegou ao Cruzeiro em 2022, mas não conseguiu se firmar. Hoje é reserva e joga pouco. Dificilmente seguirá no clube se a situação não mudar.

Rafael Bilu: o jogador se recuperou de lesão recentemente e terá até o fim do ano para se mostrar útil ao Cruzeiro. Com a chegada de novos reforços, a tendência é que o atacante não tenha espaço.

O ponta Rafael Bilu está a mais de um ano sem entrar em campo por causa de uma grave lesão no tendão de aquiles
O ponta Rafael Bilu está a mais de um ano sem entrar em campo por causa de uma grave lesão no tendão de aquiles – Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Neris e Ramiro: mais experientes, o zagueiro e o volante são reservas e muito criticados pela torcida e não devem ter vida longa no clube celeste.

Emprestados precisarão se provar

O Cruzeiro possui, ainda, três nomes emprestados por outros clubes, mas com opções de compra: o zagueiro Lucas Villalba e os pontas Álvaro Barreal e Gabriel Veron.

Lucas Villalba: contratado visando encaixe no esquema do antigo treinador Nicolás Larcamón, o argentino pouco joga e, continuando assim, é improvável que tenha seu vínculo estendido.

José Cifuentes: a situação do equatoriano se assemelha a de Villalba. O jogador mostrou muito pouco e hoje está à margem no Cruzeiro, não sendo uma peça importante do time.

Gabriel Veron: recuperado dos graves problemas físicos que teve nos últimos anos, começou a ter mais oportunidades recentemente.

Ele ainda não agradou e precisará fazer mais para justificar uma compra. Veron tem cláusula de permanência no valor de 10 milhões de euros, algo que pode ser negociado.

Álvaro Barreal: o jovem de 23 anos se tornou titular do Cruzeiro e tem agradado.

Estima-se que para ficar em definitivo com a promessa argentina, o clube celeste tenha que desembolsar aproximadamente R$ 20 milhões. O time mineiro aceitou pagar cerca de R$ 1 milhão pela cessão do atleta durante a temporada atual.

Reservas têm contrato longo

Alguns jogadores que recebem poucas oportunidades e/ou são muito criticados no Cruzeiro tem contratos mais longos.

O lateral-direito Helibelton Palacios, o volante Filipe Machado, o atacante Rafael Elias, e nomes que estiveram emprestados a outras equipes, como Fernando Henrique, Stênio, Lucas Oliveira e Ian Luccas têm vínculos para além da atual temporada. Alguns, como Machado e Papagaio, devem deixar o clube na próxima janela.

Os contratos do elenco do Cruzeiro

  • Contrato que se encerra em junho de 2024: Matheus Pereira (emprestado pelo Al Hilal)
  • Contratos que se encerram em dezembro de 2024: Wesley Gasolina, Neris, Lucas Silva, Ramiro, Rafael Bilu, Gabriel Grando, Lucas Villalba, José Cifuentes, Álvaro Barreal, Rafa Silva e Gabriel Veron
  • Contrato que se encerra em junho de 2025: Pedrão
  • Contratos que se encerram em dezembro de 2025: Anderson, Léo Aragão, Palacios, Kaiki, Jhosefer, Lucas Romero, Vitinho, Lucas Oliveira, Filipe Machado, Fernando Henrique, Mateus Vital
  • Contratos que se encerram em dezembro de 2026: Arthur Gomes, Rafael Elias Papagaio, Marlon, William, Zé Ivaldo, João Pedro, Stênio e Juan Dinenno
  • Contrato que se encerra em maio de 2027: Cássio
  • Contratos que se encerram em dezembro de 2027: Ian Luccas, Japa e Robert
  • Contratos que se encerram em dezembro de 2028: João Marcelo e Otávio
  • Contrato que se encerra em junho de 2029: Kaio Jorge
Foto de Maic Costa

Maic Costa

Maic Costa é mineiro, formado em Jornalismo na UFOP, em 2019. Passou por Estado de Minas, Superesportes, Esporte News Mundo, Food Service News e Mais Minas, antes de se tornar setorista do Cruzeiro na Trivela.
Botão Voltar ao topo