Brasil

Corinthians terá como próximo rival na Copa do Brasil adversário de derrota traumática

Corinthians vive retomada na temporada, e vai encontrar treinador que tentou contratar depois da saída de Mano Menezes

Corinthians e São Bernardo se enfrentarão mais uma vez na temporada, agora pela Copa do Brasil. As duas equipes vão em busca da vaga para a terceira fase da competição após a equipe do ABC Paulista vencer nesta quarta-feira (28) o Olaria por 1 a 0.

O jogo entre as duas equipes acontece nas próximas duas semanas (5 a 7 ou 12 a 14 de março), com mando do São Bernardo. Nessa fase da Copa do Brasil, o visitante não tem mais a vantagem do empate. Ou seja, em caso de igualdade, a disputa vai para os pênaltis. Essa será a segunda partida entre os dois times em 2024, isso porque há um mês eles entraram em campo pela terceira rodada do Campeonato Paulista. Na ocasião, o Tigre saiu vitorioso por 1 a 0, porém, nestes 30 dias muitas coisas mudaram dentro do Timão.

Os erros cometidos na primeira partida

O que não faltou para o Corinthians na partida válida pelo estadual com São Bernardo foram erros. O alvinegro ficou com um jogador a mais desde os 14 minutos do primeiro tempo, mas isso não foi suficiente para que o time comandado na época por Mano Menezes conseguisse ao menos o empate.

Os erros do Timão foram diversos, a começar pela dificuldade na criação das jogadas no setor ofensivo. Foram erros simples nas trocas de passes e dificuldade de se manter fora da posição de impedimento. Dentro de campo o que se via era literalmente cada um por si, um time desorganizado e sem nenhum padrão tático. Mesmo com as trocas de jogadores e vantagem no número de atletas, pouco fez, ou pelo menos tentou, e foi dominado no Primeiro de Maio. A derrota para São Bernardo foi a terceira na sequência de cinco que o time teve no Campeonato Paulista.

Além das dificuldades táticas e no desempenho dos jogadores em campo, a partida ficou marcada pela lesão do lateral Diego Palacios, que precisou passar por uma cirurgia no joelho e ainda segue em recuperação. Também foi nessa partida que Mano Menezes chamou Yuri Alberto de burro. O jogador chegou a desabafar nas últimas semanas após o episódio.

— Cara, foi uma infelicidade dele e, graças a Deus, na hora que saí do campo eu já fui e resolvi com ele ali. Eu falei que não precisava daquilo e ele também se desculpou comigo, porque estava muito nervoso ali no momento do jogo. Na carreira do jogador sempre tem isso, o bom é a gente minimizar, quanto menos vezes houver esses momentos na vida do jogador, melhor – disse o atacante do Corinthians.

Corinthians vai encontrar o São Bernardo vivendo outro momento na temporada (Foto: Agência Corinthians)

Duas rodadas depois, Mano Menezes foi demitido, e o Corinthians começou a buscar opções no mercado. A escolha inicial e prioritária da diretoria era Márcio Zanardi, do próprio São Bernardo, que só não foi oficializado porque a diretoria do clube descobriu depois que o treinador não poderia comandar o time por conta do regulamento da Federação Paulista de Futebol. 

O que mudou no Corinthians desde então

O Corinthians não é mais o mesmo. Ou melhor, caminha para não ser mais o mesmo. Desde a partida entre os dois times, o Timão anunciou seu novo treinador, António Oliveria, que tem conseguido reerguer o time na temporada, e proporcionando até agora mudanças efetivas e claras dentro de campo, com padrões táticos de jogo e posicionamentos mais favoráveis aos atletas, além de retomar a confiança dos jogadores do elenco.

Outro ponto é que para a partida válida pela Copa do Brasil, o Corinthians terá em campo seus novos reforços, que chegaram depois da 3ª rodada do Paulistão, em Matheus França, Pedro Henrique e Igor Coronado. O último deve estrear com a camisa do Timão já no sábado (2), diante do Santo André, e que ao depender do que acontecer pode até entrar como titular contra o São Bernardo.

Foto de Jade Gimenez

Jade Gimenez

Jornalista, fascinada por esporte desde a infância e transformou a paixão em profissão. Além do futebol, se mantem por dentro de outras modalidades desde Fórmula 1 até NFL. Trabalhou como repórter em TV e rádio cobrindo partidas de futebol, futsal e basquete.
Botão Voltar ao topo