Brasileirão Série A

Por que o Atlético-GO se tornou uma pedra no sapato do Fluminense?

Tricolor precisa voltar a vencer no Campeonato Brasileiro, mas tem pela frente algoz dos últimos anos

Quando subir ao gramado do Maracanã neste sábado (15), às 21h, o Fluminense sabe que precisa voltar a vencer no Campeonato Brasileiro. Só que o 16º colocado da competição não terá vida fácil, já que enfrenta uma pedra no sapato: o Atlético-GO. Mas por que o Dragão passou a ser um adversário tão difícil para o Tricolor?

Fluminense
15/06/24 - 21:00

Finalizado

1

-

2

Atletico GO

Fluminense - Atletico GO

Brazil Serie A - Maracana

Até mesmo os times que conquistaram o Brasileirão em 2010 e 2012 se complicaram com os goianos. Curiosamente, até o clube voltar à elite do cenário nacional, o Flu estava invicto contra o adversário desta noite.

O aproveitamento recente é péssimo. O Fluminense não venceu o Atlético-GO nos últimos seis encontros. A última vitória tricolor foi no jogo de ida da quarta rodada da Copa do Brasil, em 2020. E não adiantou muito, já que o time comandado por Odair Hellmann seria eliminado no Estádio Olímpico de Goiânia na partida de volta.

Brazil Serie A 05/10/22

Atletico GO

Atletico GO

3
Fluminense

Fluminense

2

Brazil Serie A 11/06/22

Fluminense

Fluminense

0
Atletico GO

Atletico GO

2

Brazil Serie A 09/10/21

Fluminense

Fluminense

0
Atletico GO

Atletico GO

0

Brazil Serie A 23/06/21

Atletico GO

Atletico GO

1
Fluminense

Fluminense

0

Brazil Serie A 16/12/20

Atletico GO

Atletico GO

2
Fluminense

Fluminense

1

Retrospecto é bom para o Fluminense, e ‘lei do ex' acabou

Mas se ultimamente o confronto tem sido difícil para o Fluminense, o retrospecto geral é positivo. São 11 vitórias, quatro empates e sete derrotas, com aproveitamento de 56,1%. Uma esperança para o Tricolor é que, se costuma sofrer com uma lei do ex, as coisas agora podem ser diferentes.

Isso porque um dos grandes jogadores da história do Atlético-GO é o volante Marlon Freitas, hoje no Botafogo e formado em Xerém. Se não teve destaque pelo Flu, o jogador fez 163 jogos pelo Dragão e marcou 15 gols, dois deles sobre o Fluminense.

Marlon é um verdadeiro algoz do Tricolor: são 10 jogos e 10 vitórias do jogador sobre o Flu, que o formou para o futebol, além de quatro gols marcados. Na terça (11), ele foi titular do Botafogo que venceu o Fluminense por 1 a 0.

Fluminense precisa voltar a vencer no Brasileirão

A campanha do Fluminense no Campeonato Brasileiro é péssima até aqui. Com apenas seis pontos em oito rodadas, o Tricolor só venceu uma partida na competição e, na média de pontuação, ocuparia a zona de rebaixamento se não fossem jogos adiados.

O técnico Fernando Diniz admite que o time está devendo. Mesmo assim, mexeu pouco na escalação que enfrenta o Atlético-GO.

— A minha maior preocupação é fazer o Fluminense jogar o melhor possível. Vamos reformular com o melhor que a gente pode. Estamos longe de fazer aquilo que fazíamos em 2022 e 2023. Estamos devendo ao torcedor — afirmou.

Sem Martinelli, suspenso, Alexsander volta ao time. Keno e Felipe Melo, que não entraram em campo contra o Botafogo, também retornam. Há uma dúvida no ataque: em má fase, Germán Cano pode dar lugar a John Kennedy. O Fluminense deve jogar com Fábio, Samuel Xavier, Marlon, Felipe Melo e Marcelo; Alexsander, Lima e Ganso; Marquinhos, Keno e Germán Cano (John Kennedy). 

Como está o Fluminense em 2024

Próximos jogos do Fluminense

Veja os próximos confrontos do Fluminense na continuação da temporada:

  • Fluminense x Atlético-GO — Campeonato Brasileiro — sábado, 15 de junho — 21h (de Brasília);
  • Cruzeiro x Fluminense — Campeonato Brasileiro — quarta, 19 de junho — 21h30 (de Brasília).
Foto de Caio Blois

Caio BloisSetorista

Jornalista pela UFRJ, pós-graduado em Comunicação pela Universidad de Navarra-ESP e mestre em Gestão do Desporto pela Universidade de Lisboa-POR. Antes da Trivela, passou por O Globo, UOL, O Estado de S. Paulo, GE, ESPN Brasil e TNT Sports.
Botão Voltar ao topo