Premier League

O prêmio de Jogador do Mês simboliza a retomada do melhor de Salah nesta temporada

Salah não vinha de sua melhor temporada pelo Liverpool, mas voltou a ser muito efetivo e desponta cada vez mais como um líder no novo momento do clube

O prêmio de Jogador do Mês da Premier League está bastante concorrido neste início de temporada. Vários nomes oferecem um futebol digno da condecoração. Em agosto e setembro, o Tottenham se deu melhor, como líder do campeonato. James Maddison e Son Heung-min foram premiados, enquanto Ange Postecoglou fez ainda mais e emendou um inédito tri como Técnico do Mês até outubro. Ainda assim, não dá para fechar os olhos diante do que acontece em outros clubes. Mohamed Salah vem jogando uma barbaridade pelo Liverpool nestes meses mais recentes e recebeu o troféu de Jogador do Mês referente a outubro.

Salah marcou cinco gols em três partidas pela Premier League em outubro. O atacante balançou as redes duas vezes no empate por 2 a 2 contra o Brighton, enquanto liderou a vitória por 2 a 0 no dérbi contra o Everton, com mais dois gols. Diante do Nottingham Forest, o ponta direita fez o seu e comandou o triunfo por 3 a 0. Num mês de poucos compromissos por causa da Data Fifa, a efetividade do egípcio se tornou notável – como em seus melhores tempos em Anfield.

A retomada de Salah

Salah vem de uma temporada em que não conseguiu ser tão preponderante ao Liverpool. Olhando seus números frios, os 19 gols e 12 assistências pela Premier League 2022/23 são ótimos. Porém, o craque atravessou uma seca razoável especialmente durante o primeiro turno, quando parecia sentir falta da companhia de Sadio Mané para dividir as responsabilidades e convivia com as instabilidades do time de Jürgen Klopp. Sua fome de gols de fato melhorou sobretudo a partir de abril, quando decidiu jogos de forma mais constante. De qualquer maneira, era tarde para levar o Liverpool à Champions League.

Restava a Salah deixar 2022 para trás como um todo. Foi um ano muito duro para o atacante, pensando também na sobrecarga da seleção egípcia, com as frustrações pelo vice na Copa Africana de Nações e pela ausência na Copa do Mundo. Se por um lado o craque voltava a demonstrar novo fôlego na reta final da temporada passada, também foram importantes os reforços que o Liverpool ganhou para 2023/24. O veterano teria novas companhias, mesmo com as saídas de parceiros de longa data como Jordan Henderson, Fabinho e Roberto Firmino. O posto do camisa 11 como uma liderança, não só técnica, se reforçava.

É assim que Salah se porta neste início da nova temporada de 2023/24. O ponta passou a usar a braçadeira de capitão ocasionalmente. Também chama a responsabilidade como em seus melhores tempos, e não somente para protagonizar a produção de gols dos Reds. Durante o início da campanha da Premier League, o egípcio foi excelente por seus passes açucarados. Deu quatro assistências nas primeiras cinco rodadas da competição, ajudando também a elevar o moral dos companheiros. Há jogadores que enfim pegam embalo em Anfield, enquanto a adaptação de alguns reforços recentes é imediata. Quase sempre auxiliados por Salah.

A mentalidade no clube

Juntando todas as competições, Salah contribuiu com dez gols e quatro assistências em 16 partidas pelo Liverpool em 2023/24. É importante notar a forma como o atacante segue focado em seu trabalho com o clube. Até porque os últimos meses não foram muito fáceis, diante de tudo o que mexeu com a cabeça do egípcio, sobretudo pelas chances de respirar novos ares.

Em certo momento, Salah pareceu atraído pela oferta do Campeonato Saudita. É uma figura importante não apenas para o futebol, mas também por sua postura como islâmico e pelo comprometimento com causas locais – vide o posicionamento recente em apoio aos palestinos, em contraposição às orientações da Premier League. O craque poderia ganhar uma bolada na Arábia Saudita, enquanto receberia a chance de reforçar ainda mais essa imagem. Entretanto, o Liverpool não se mostrou disposto a vendê-lo, com o contrato vigente até 2025. Independentemente dos caminhos, Salah continua pronto para oferecer seu máximo ao clube. A resposta de sua mentalidade se nota em campo.

Esta é a quinta vez que Salah conquista o prêmio de Jogador do Mês da Premier League, igualando-se a Robin van Persie e Wayne Rooney. Só quatro atletas aparecem à sua frente: Harry Kane e Sergio Agüero, com sete troféus; e Cristiano Ronaldo e Steven Gerrard, com seis. Salah foi condecorado três vezes na temporada 2017/18, quando causou um impacto tremendo em sua chegada ao Liverpool e anotou 32 gols. Depois disso, também foi premiado em outubro de 2021 – curiosamente, passou em branco na temporada do título em 2019/20. Desta vez, o novo prêmio reflete a longa caminhada em alto nível pelo clube e também uma retomada.

Foto de Leandro Stein

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreveu na Trivela de abril de 2010 a novembro de 2023.
Botão Voltar ao topo