Inglaterra

Diretoria do United encontra saída para decidir sobre saída de Erik ten Hag

Dietoria e proprietários do clube vão fazer uma revisão da temporada, incluindo o trabalho de técnico

O Manchester United vai fazer uma avaliação da temporada na próxima semana –- inclusive do desempenho do técnico Erik ten Hag –- antes de definir os próximos passos do clube.

Os dias que antecederam a vitória por 2 a 1 sobre o Manchester City na final da FA Cup no sábado (25) foram marcados por especulações sobre o futuro do treinador. Antes do jogo, o técnico admitiu que não sabia se aquela seria sua última partida no comando dos Red Devils.

O United já iniciou contatos com outros possíveis candidatos, incluindo o técnico do Ipswich Town, Kieran McKenna, enquanto avalia alternativas para substituir Ten Hag. Mas nenhuma decisão final foi tomada sobre o futuro do holandês. A diretoria do clube planeja avaliar todos os aspectos do que Ten Hag chamou de uma campanha “lixo”.

O United terminou em oitavo lugar na Premier League, mas garantiu uma vaga na Europa League na próxima temporada graças ao título na FA Cup. Embora não gere os mesmos ganhos milionários da Liga dos Campeões –- estimados em cerca de 70 milhões de euros (60 milhões de libras; US$ 75 milhões) para os clubes ingleses que chegam às oitavas de final –- não é um dinheiro do qual o United pode abrir mão.

O total pago aos clubes da Liga Europa na próxima temporada será de 565 milhões de euros, podendo render ao clube cerca de 40 milhões de euros em prêmios, a depender do desempenho.

Após a confirmação, em fevereiro, da participação de 27,7{62c8655f4c639e3fda489f5d8fe68d7c075824c49f0ccb35bdb79e0b9bb418db} do fundo INEOS no United, o co-proprietário Sir Jim Ratcliffe afirmou que era crucial que o clube “caminhasse para a solução certa, e não corresse para a errada”. Portanto, o United começará a analisar na próxima semana quais áreas precisam ser aprimoradas para melhorar o desempenho em campo, incluindo a disposição de Ten Hag em seguir na agremiação, e então decidir o melhor curso de ação.

Ten Hag mostrou-se confiante, após a vitória na FA Cup, que se junta em seu currículo à conquista da Carabao Cup, na sua primeira temporada em Old Trafford.

— Dois troféus em dois anos não é ruim, três finais em dois anos não é ruim– disse ele.

— Se eles não me querem, irei a outro lugar para ganhar troféus, porque é isso que eu faço — finalizou.

Abaixo do esperado

Neste sábado (25), o Manchester United foi campeão da Copa da Inglaterra ao vencer o Manchester City, em Wembley. Com isso, Erik ten Hag chegou a seu segundo título em dois anos à frente dos Red Devils.

Contratado em abril de 2022 após bom passagem pelo Ajax, o treinador neerlandês fez um 2022/23 de impacto no Manchester United, tanto que foi campeão da Copa da Liga Inglesa e se classificou à Champions League.

Contudo, essa temporada ficou abaixo do esperado nos Red Devils: eliminado na fase de grupos da Liga dos Campeões e apenas o 8º lugar na Premier League, a pior classificação desde 1990.

Por conta disso, antes da bola rolar contra os Citizens, a imprensa inglesa chegou a noticiar que, independentemente do resultado da FA Cup, o técnico neerlandês seria demitido do Manchester United.

Foto de Diego Iwata Lima

Diego Iwata Lima

Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero, Diego cursou também psicologia, além de extensões em cinema, economia e marketing. Iniciou sua carreira na Gazeta Mercantil, em 2000, depois passou a comandar parte do departamento de comunicação da Warner Bros, no Brasil, em 2003. Passou por Diário de S. Paulo, Folha de S. Paulo, ESPN, UOL e agências de comunicação. Cobriu as Copas de 2010, 2014 e 2018, além do Super Bowl 50. Está na Trivela desde 2023.
Botão Voltar ao topo