Inglaterra

Ange e fãs do Tottenham vivem dilema antes de jogo contra o City

Ange Postecoglou tem uma opinião bem diferente sobre o papel do Tottenham no jogo contra o Manchester City

O Tottenham vive um dilema neste fim de temporada. Com chances remotas de se classificar à próxima Champions League, os Spurs podem acabar definindo o campeão desta Premier League. Isso porque o time de Ange Postecoglou enfrenta o Manchester City nesta terça-feira (14), no Tottenham Hotspur Stadium, em jogo atrasado da 34ª rodada do campeonato. E quem está muito interessado na partida é o arquirrival Arsenal.

Os Gunners lideram a Premier League com 86 pontos, um a mais do que os Citizens, que estão na vice-liderança. Entretanto, o Arsenal tem uma partida a mais. Ou seja, se o Tottenham perder, o Manchester City assumiria a ponta da tabela e dependeria apenas de si para ser campeão. Com isso, os rivais dos Spurs precisam torcer pelo menos por um empate.

Em meio a esse cenário, existem torcedores do Tottenham que esperam ver uma derrota para os Citizens, tudo para prejudicar os Gunners na briga pelo título da Premier League. Por outro lado, o técnico australiano tem uma opinião bem diferente sobre o papel dos Spurs no jogo contra o Manchester City. Se depender de Ange, ninguém vai entregar dentro de campo só para prejudicar o Arsenal:

– Para mim, eu não entendo, nunca entenderei. Eu entendo a rivalidade – fiz parte de uma das maiores do mundo nos últimos anos com Celtic e Rangers – mas nunca entendi e nunca vou entender se alguém quer que seu próprio time perca. O que você acha que faremos como equipe? Não vamos apenas tentar vencer? É uma premissa simples e básica. Agora, como isso faz as pessoas se sentirem, não estou muito preocupado. Eu realmente não me importo, esbravejou Ange Postecoglou.

Tottenham pode fazer o Arsenal campeão da Premier League (ou não)

Partindo da ideia de Postecoglou, se o Tottenham ganhar do Manchester City, o Arsenal precisará apenas de um triunfo na última rodada, contra o Everton, para ficar com o título da Premier League. Uma derrota para os Spurs obrigaria os Citizens a vencerem o West Ham e torcerem para os Gunners no máximo empatarem com os Toffees, que já não brigam por mais nada na competição.

Agora, caso o Tottenham empate com o Manchester City, o Arsenal teria o mesmo número de pontos do que o vice-líder. Entretanto, continuaria na liderança da Premier League por ter um saldo de gols maior (61 x 58, respectivamente), que é o primeiro critério de desempate. Na última partida, os Citizens precisariam tirar essa diferença se os Gunners também ganhassem para ficarem com o título inglês.

Por fim, se o Tottenham for derrotado pelo Manchester City, o Arsenal ficaria dois pontos atrás. Na 38ª rodada da Premier League, os Gunners teriam quem ganhar do Everton e torcer para um tropeço dos Citizens contra os Hammers. Uma derrota de Guardiola e companhia facilitaria as coisas, até porque um empate com o West Ham renderia uma checagem nos critérios de desempate.

E o que está em jogo para Ange Postecoglou?

Arsenal e Manchester City à parte, o Tottenham ainda pode descolar uma vaga na próxima Liga dos Campeões. Atualmente, os Spurs estão na 5ª colocação da Premier League com 64 pontos, quatro atrás do Aston Villa, que fecha o G-4. Se o time de Ange Postecoglou vencer os Citizens, é preciso zicar os Villans para que eles no máximo empatem com o Liverpool.

Na última rodada, o Tottenham visita o lanterna (e já rebaixado) Sheffield United, enquanto o Aston Villa joga contra o Crystal Palace, fora de casa. Os Spurs teriam que vencer o rival e torcer para a derrota dos Villans. Se a equipe de Unai Emery empatar novamente, o classificado à próxima Champions seria resolvido no critério de desempate. Agora, resta saber como tudo acabará na Premier League.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Formado em Jornalismo pela Unesp, é apaixonado por esportes, acima de tudo futebol. Ama escrever sobre o que acontece dentro e fora de campo. Após passar por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia, se juntou à equipe da Trivela com muita vontade de continuar crescendo.
Botão Voltar ao topo