Champions League Feminina

Quem pode ser protagonista nas semifinais da Champions Feminina?

Barcelona favorito ao título da Champions feminina tem melhor do mundo como destaque; confira outros nomes

As quartas de final da Champions League masculina roubaram todos os holofotes com jogos emocionantes no meio das últimas semanas. Agora, neste sábado (20), é a vez das mulheres com o início das semifinais da competição europeia feminina. Primeiro, às 8h30 (horário de Brasília), as atuais campeãs do Barcelona recebem o Chelsea, enquanto, às 14h, o clássico francês Lyon x PSG finaliza as partidas de ida.

Finalista das últimas três edições, campeão em uma — uma delas justamente em cima do Chelsea –, o Barça é o franco favorito, totalmente invicto na temporada (35 vitórias em 37 jogos) e já campeão da Supercopa da Espanha. Os Blues, por outro lado, lutam pelo título inédito europeu, com apenas uma decisão no currículo.

Da mesma forma, o PSG também busca a primeira orelhuda em sua história. O time bateu duas vezes na trave, em 2015 e 2017, respectivamente por Eintracht Frankfurt e… Lyon, o octacampeão europeu, sendo seis taças conquistadas nos últimos oito anos.

Uma semifinal pesada, com times tradicionais, também reunirá muitas craques, e a Trivela listou quem pode se destacar nessas duas partidas.

Bonmatí, Paralluelo e mais: no Barcelona há várias candidatas

Sobre destaques daquele que é o melhor time do mundo, poderia colocar as 11 jogadoras do Barça que seria justo. Mas, para definir alguns destaques, o nome número um tem que ser da craque Aitana Bonmatí. Campeã do mundo pela Espanha e da Europa pelos Culés no ano passado, ela venceu todos os prêmios individuais possíveis: da Fifa, Uefa e a Bola de Ouro.

Na atual temporada, a meia definida por Pep Guardiola como “a versão feminina de Iniesta” segue com números impressionantes. São 21 gols marcados e 15 assistências, contando clube e seleção, sendo quatro tentos e quatro passes para gols na Champions.

A jovem Salma Paralluelo, com os mesmo títulos de Bonmatí na temporada anterior, também tem sido brilhante. Isso com apenas 20 anos, a ex-corredora de 400 metros no atletismo, que joga de ponta ou atacante central, soma absurdos 22 gols, seis só pela Champions Feminina, competição que é a vice-artilheira. A ver se ela entrará contra o Chelsea pelo lado ou centroavante, local onde jogou no último final de semana e marcou dois gols.

Vale citar também as ótimas Caroline Graham Hansen e Patricia Guijarro, dentre outras culés.

Artilheiras Hegerberg e Diani despontam no supercampeão Lyon

No invicto Olympique Lyonnais nesta temporada, a centroavante Ada Hegerberg é a famosa “fede gol”. Camisa nove nata, a norueguesa é daquelas que só precisa de toque para marcar de perna direita. São 17 até aqui em 21 jogos em 23/24, que pode terminar com quatro três taças para o Lyon.

No entanto, no recorte Champions, quem brilha é a ponta direita Kadidiatou Diani. É a artilheira isolada na competição europeia, com sete gols, quase o dobro do que soma na Liga Francesa (quatro). Apesar dos vários gols, ela se destaca pela qualidade em servir as colegas.

Lauren James: a craque do Chelsea na ausência de Kerr

A três vezes segunda melhor jogadora do mundo, a australiana Sam Kerr, convive com uma grave lesão de ligamento no joelho (uma triste realidade no futebol feminino). Sem a principal craque, o torcedor do Chelsea deposita as esperanças na atacante Lauren James, a liderança técnica dos Blues que estão na ponta da Superliga Inglesa e foram vice-campeões da FA League Cup.

Apesar de só balançar uma vez as redes na Champions, James marcou 13 em 15 jogos na Liga Inglesa. Ela costuma cair muito pela ponta esquerda, onde costuma se sair muito bem nos duelos mano a mano, mas tem liberdade para apoiar todos os setores.

Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius é nascido e criado em São Paulo e jornalista formado pela Universidade Paulista (UNIP). Escreveu sobre futebol nacional e internacional no Yahoo e na Premier League Brasil, além de eSports no The Clutch. Além disso, atuou como assessor de imprensa no setor público e privado.
Botão Voltar ao topo