Eurocopa

Uefa pode fazer mudança de última hora para Eurocopa

Com a Eurocopa cada dia mais próxima, a Uefa cogita alterar seu regulamento antes da bola rolar na Alemanha

Essa Data Fifa definiu os últimos três classificados à Eurocopa, já que Polônia, Ucrânia e Geórgia garantiram vaga através da repescagem e completaram os grupos da competição. Agora, as 24 seleções só precisam esperar a estreia do torneio, no dia 14 de junho, para sonhar com a final, marcada para o dia 14 de julho. Só que, antes da bola rolar, a Uefa pode fazer uma mudança na competição de última hora.

Isso porque a entidade cogita alterar seu regulamento, aumentando o número de convocados para 26 jogadores. Vale lembrar que, em outubro de 2023, a Uefa anunciou que cada país poderia levar 23 atletas para a Alemanha (país-sede da Euro) visando a fase de grupos. Contudo, a decisão não foi bem aceita pela maioria dos treinadores, que gostariam de ter mais opções no elenco à disposição.

Como alguns técnicos se posicionaram publicamente contra a lista de “apenas” 23 jogadores, a Uefa vai ouvir todos os treinadores das 24 seleções em um evento que acontecerá no dia 8 de abril. Após colher a opinião de todos os comandantes dos países, a entidade vai debater a possibilidade do aumento e comunicará sua resposta final sobre o número de convocados para o torneio.

A tendência é que a Uefa não crie empecilhos para essa alteração e permita que cada país chame 26 atletas para disputar a Euro 2024. Até porque a entidade europeia realizou um movimento parecido na última edição da competição. Restam aos 24 técnicos defenderem o aumento na lista de convocação para poderem ter três atletas a mais na competição.

Uefa e Fifa já permitiram o aumento nos últimos anos

Como o futebol parou em 2020 devido à pandemia de Covid-19, a última edição da Eurocopa precisou ser adiada em um ano e chegou a contar até mesmo com 11 cidades-sedes: Amsterdã (Holanda), Baku (Azerbaidjão), Bucareste (Romênia), Budapeste (Hungria), Copenhague (Dinamarca), Glasgow (Escócia), Londres (Inglaterra), Munique (Alemanha), Roma (Itália), São Petersburgo (Rússia) e Sevilha (Espanha).

Para tentar evitar o contágio da doença, a Uefa limitou o número de torcedores nos estádios. Em contrapartida, a entidade liberou a convocação de 26 jogadores para a Euro 2020, ultrapassando o número de 23 atletas, que era o comum nas últimas edições. Na final do torneio, a Itália venceu a Inglaterra nos pênaltis, em Wembley, e ficou com o título — seu segundo na história.

Com o sucesso no aumento de atletas, a própria Fifa se inspirou na Eurocopa e liberou a presença de 26 jogadores na última Copa do Mundo, em 2022. Cada uma das 32 seleções levou três jogadores a mais do que o habitual para a disputa do Mundial no Catar. Na grande decisão, a Argentina bateu a França nos pênaltis e se consagrou tricampeã da competição.

Como ficaram os grupos da Eurocopa 2024?

  • GRUPO A: Alemanha, Hungria, Escócia, Suíça
  • GRUPO B: Espanha, Albânia, Croácia, Itália
  • GRUPO C: Inglaterra, Dinamarca, Eslovênia, Sérvia
  • GRUPO D: França, Áustria, Holanda, Polônia
  • GRUPO E: Bélgica, Romênia, Eslováquia, Ucrânia
  • GRUPO F: Portugal, Turquia, República Tcheca, Geórgia
Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Formado em Jornalismo pela Unesp, é apaixonado por esportes, acima de tudo futebol. Ama escrever sobre o que acontece dentro e fora de campo. Após passar por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia, se juntou à equipe da Trivela com muita vontade de continuar crescendo.
Botão Voltar ao topo