Eurocopa 2024

Referência da Espanha, Rodri também pode sonhar com a Bola de Ouro

Bellingham e Vinicius Junior são favoritos, mas espanhol também está entre os melhores do mundo

A Espanha goleou a Geórgia de virada neste domingo (30), por 4 a 1, e garantiu vaga nas quartas da Eurocopa 2024. Rodri, Fabián Ruinz, Nico Williams e Dani Olmo marcaram os gols — com destaque especial para o primeiro.

Mais cedo, também na Euro, Jude Bellingham empatou um jogo no último lance do tempo regulamentar, com uma bicicleta sensacional, e salvou a Inglaterra contra a Eslováquia.

De quebra, reacendeu uma disputa pela Bola de Ouro, o prêmio de melhor jogador do mundo. Vinicius Junior, que fez uma excelente temporada no Real Madrid e agora brilha na Copa América, despontou como favorito.

Mas é inegável que o inglês, que também foi muito bem no campeão europeu, também se tornará um forte candidato se for protagonista de uma boa campanha na Euro — como fez diante dos eslovacos.

Em que pese a diferença do cronômetro, Rodri fez algo parecido com a Espanha. Quando a partida estava complicada e os espanhóis perdiam, ainda no primeiro tempo, o volante tirou da cartola um chute de canhota, da entrada da área, no canto de Mamardashivili. Empatou e “desbloqueou” o jogo.

O volante do Manchester City também mostrou, com o gol e a atuação, que a competição pelo maior prêmio individual do futebol tem mais um concorrente.

Rodri pode sonhar com a Bola de Ouro

Com uma presença mais ofensiva que o normal, o camisa 16 deu uma aula hoje. Tocou mais de 100 vezes na bola, criou chances e marcou o gol mais importante do confronto.

Sem ela, ganhou todos os duelos, pelo chão e pelo alto. Foi, ao mesmo tempo, ponto seguro e criativo do técnico time espanhol.

E não foi só hoje. Além de referência da Espanha, Rodri vem de uma temporada no mais alto nível com o City de Pep Guardiola. Em 2022/23, foi dele o gol do inédito título da Champions League.

A taça europeia não veio na atual temporada, mas o espanhol passou mais de um ano sem perder um jogo. Voltou a fazer gols importantes e foi um dos nomes do campeão inglês, que por mais uma temporada se afirmou como uma das equipes mais brilhantes dos anos recentes.

É fato que Rodri não é favorito ao prêmio. Até porque ele não joga numa posição tão destacada quanto os concorrentes. Mas, se a eleição for justa… sonhar não custa nada.

Como foi Espanha 4 x 1 Geórgia

O primeiro tempo foi de amplo domínio da Espanha, mas não o suficiente para sair na frente. Numa escapa pela direita, Kvaratskhelia apareceu bem na área para completar o cruzamento. Mas Le Normand se antecipou e concluiu ele próprio contra o gol.

O goleiro Mamardashvili vinha se tornando o grande personagem do jogo ao defender boas chegadas de Nico Willian, Lamine Yamal, Morata e companhia. O goleiro georgiano só não foi capaz de pegar um chute de canhota de Rodri na entrada da área, que entrou no cantinho.

O volume espanhol continuou na etapa final e logo produziu resultados. Aos seis minutos, Fabián Ruiz concluiu o cruzamento de Yamal e virou o jogo.

A Geórgia não foi capaz de igualar novamente o placar. Ao contrário: Nico Willians e Dani Olmo, com dois golaços, encerraram o conto de fadas do adversário nas oitavas de final.

Quartas de final

A Espanha agora enfrenta a dona da casa, a Alemanha, nas quartas de final da Euro. O jogo está marcado para sexta-feira, 5 de julho, às 13h (horário de Brasília), em Stuttgart.

Foto de Diogo Magri

Diogo Magri

Jornalista nascido em Campinas, morador de São Paulo e formado pela ECA-USP. Subcoordenador da Trivela desde 2024. Cobri Copa América, Copa do Mundo e Olimpíadas no EL PAÍS, eleições nacionais na Revista Veja, fui editor de conteúdo nas redes sociais do Futebol Globo CBN e também estive na coordenação da PL Brasil.
Botão Voltar ao topo