Eurocopa 2024

Jogador de seleção? Gakpo comprova fama em decisões e leva Holanda adiante na Eurocopa

Tímido no Liverpool, Cody Gakpo se mostrou outro jogador ao classificar a Holanda sobre a Romênia na Eurocopa

Nesta terça-feira (2), a Holanda venceu a Romênia por 3 a 0, na Allianz Arena, em Munique, pelas oitavas de final da Eurocopa. E quem colocou o jogo debaixo do braço foi Cody Gakpo.

Sofrendo do efeito seleção — assim como Shaqiri, na Suíça, e Ochoa, no México –, o meia-atacante da Laranja Mecânica fez gol e deu assistência na vitória sobre os Tricolores.

Mais do que isso, Gakpo provou que gosta de decisões. Bom, pelo menos, quando veste a camisa holandesa. Com a atuação de gala contra os romenos, o meia-atacante alcançou uma marca importante.

Aos 25 anos, Cody Gakpo já tem sete participações em gols nos principais torneios de seleções. O meia-atacante fez sua estreia nos grandes palcos internacionais na última Euro, quando jogou 11 minutos da vitória sobre a Macedônia.

Cody Gakpo pela Holanda em Copa do Mundo e Eurocopa

  • Jogos: 9 (8 como titular)
  • Gols: 6
  • Assistências: 1
  • Média de 0,77 participações em gol por jogo

Contra os romenos, o meia-atacante foi o principal responsável por colocar a Oranje nas quartas de final da Eurocopa 2024. E Gakpo dá esperanças na briga pelo título.

Quem acompanha o Liverpool pode estar surpreso com o futebol apresentado pelo meia-atacante na seleção holandesa. Isso porque Cody Gakpo foi coadjuvante na última temporada com Jürgen Klopp.

Cody Gakpo pelo Liverpool em 2023/24

  • Jogos: 53
  • Gols: 16
  • Assistências: 6
  • Média de 0,4 participações em gols por jogo
  • Dos 35 jogos na Premier League, foi titular em apenas 17

Como foi Romênia x Holanda pela Eurocopa

Surpreendentemente, quem começou o 1º tempo com tudo foi a Romênia. Vítima de uma marcação pressão, a Holanda passou dificuldades nos primeiros minutos.

Contudo, com a diminuição do ritmo dos Tricolores, a Laranja Mecânica passou a controlar as principais ações da partida. Para isso, o jogo pelas laterais acabou fazendo a diferença.

Foi assim que saiu o gol dos holandeses. Xavi Simons serviu Gakpo, que avançou pela esquerda e, já dentro da grande área, acertou uma finalização certeira para ficar à frente dos romenos no placar.

Apesar da vantagem parcial, a Holanda não tirou o pé e seguiu buscando o ataque para não reviver a seleção da Romênia. Entretanto, os (poucos) chutes foram sem qualidade, o que não alterou o marcador antes do intervalo.

A melhor defesa é o ataque

Para provar que a melhor defesa é o ataque, a Oranje não sentou em cima do resultado e manteve sua blitz contra os Tricolores, que foram incapazes de criar chances de gol no 2º tempo.

Aqui cabe ressaltar que a Holanda criava muito, porém, desperdiçou um caminhão de gols de quase todas as maneiras possíveis. Entretanto, a Romênia não conseguiu sobreviver ilesa a esse ímpeto ofensivo.

Em uma bola morta perto da linha de fundo, Cody Gakpo acreditou no lance e superou Dragusin para cruzar a bola para Malen. Desmarcado e quase na pequena área, ele mandou para o fundo da rede.

Na base do tudo ou nada, os romenos se atiraram para frente. Entretanto, em um contra-ataque, Malen saiu em disparada para marcar outro gol e garantir a classificação dos holandeses à próxima fase da Euro.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Jornalista formado pela Unesp, com passagens por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia. Na Trivela, é redator de futebol nacional e internacional.
Botão Voltar ao topo