Champions League

Guia Champions League 2016/17

Alguém vai dizer que a Champions League começa neste dia 13 de setembro. É verdade se pensarmos pelo ponto de vista dos principais clubes europeus. Na verdade, começou no dia 28 de junho, quando a Europa ainda estava de olho na Eurocopa. Foi quando os times da Estônia, Gibraltar, Ilhas Faroé, Malta, Andorra, Gales e Armênia entraram em campo. Neste dia 13 de setembro, começa a fase de grupos. Esta é considerada a fase principal do torneio. É quando começam as transmissões mundiais na TV, é quando a premiação fica realmente grande e quando os principais clubes entram em campo.

VEJA TAMBÉM: Um mapa interativo com todos os 497 times da história da Champions

O torneio desta temporada começa sabendo que seu formato irá mudar daqui a dois anos. Na temporada 2018/19, a fase de grupos terá 16 times das quatro ligas de maior ranking – Espanha, Alemanha, Inglaterra e Itália. Os times das demais ligas sabem que precisam aproveitar as chances que terão nestas duas temporadas para somar pontos aos seus países e quem sabe garantir uma vaga direta para a sua liga à fase de grupos. Se não, jogar a fase preliminar deve ser bem mais difícil.

Tudo isso porque a Champions League está sendo dominada por um grupo de três times nos últimos anos. Barcelona, Real Madrid e Bayern de Munique estão quase sempre nas semifinais. Nos últimos 10 anos, Barcelona e Bayern de Munique estiveram em sete semifinais; o Real Madrid em seis. Se o recorte for os últimos cinco anos, Bayern de Munique e Real Madrid estiveram em todas as semifinais. O Barcelona só ficou fora delas em duas temporadas, 2013/14 e 2015/16. Ou seja: dá para dizer que é relativamente fácil acertar quem serão os semifinalistas da Champions League nos últimos anos. Os três são apostas bastante seguras.

Nesta temporada, há mais times querendo entrar nesse grupo. O Atlético de Madrid, responsável por deixar o Barcelona fora das semifinais, é um desses times. Manchester City, semifinalista na temporada passada, é mais um time que quer estar ali. Pep Guardiola nunca ficou fora de uma semifinal de Champions League como técnico. O Paris Saint-Germain, por sua vez, é mais um que bate à porta dos times mais fortes do continente. A Juventus, finalista em 2014/15, gastou pesado para sentar à mesa com todos esses pesos pesados do futebol europeu. Tem ainda o Borussia Dortmund, que bateu seu próprio recorde de transferências para tentar brigar novamente com os favoritos, como fez em 2012/13 ao decidir o título com o Bayern.

Só que a Champions é feita também de quem não está neste do que almejam a taça, a famosa orelhuda. O Tottenham, por exemplo, volta à competição. O Leicester estreia como campeão inglês e quer surpreender em território europeu como fez na Inglaterra. O Napoli tenta chegar ao mata-mata. Tem Lyon, tem Sevilla, tem uma legião de brasileiros nos mais diversos times do continente. Tem as histórias de quem tenta repetir o feito do Apoel, que foi até às quartas de final. Tem camisas pesadas, como a do Celtic, Benfica, Porto e PSV, todos campeões ao longo da história.

Trazemos uma análise grupo a grupo mostrando quem é o jogador-chave, o que você deve ficar de olho, a grande contratação e também uma pitada de história. Afinal, um torneio como este, com 61 anos, tem muitas boas histórias para serem contadas. Então, desfrute!

NA TV

Três emissoras irão transmitir a Champions League no Brasil em 2016/17. Globo e Band fazem a transmissão na TV aberta, enquanto o EI Maxx, do Esporte Interativo, transmite na TV por assinatura. Na internet, o Globoesporte.com fará a transmissão de alguns jogos de graça. O EI Plus, do Esporte Interativo, transmitirá todos os jogos, mas é preciso ser assinante.

TV aberta

A Globo é a detentora dos direitos, mas costuma exercer o seu direito apenas a partir das oitavas de final, em fevereiro. A Band compra os direitos da Globo e transmite quase sempre dois jogos por semana, um na terça e um na quarta. A emissora já transmitiu a competição na fase playoff, a última fase preliminar, e vai até a final.

TV por assinatura

O Esporte Interativo é o dono dos direitos de transmissão na TV por assinatura e, assim, irá transmitir os jogos nos seus canais EI Maxx e EI Maxx 2, além prometer transmitir todos os jogos na internet também no EI Plus. Na temporada passada, os canais Esporte Interativo sofreram por estarem fora das duas principais operadoras de TV por assinatura do Brasil, NET e Sky, que concentram quase 70% dos assinantes brasileiros. Com a entrada primeiro na NET e, a partir desta quinta-feira, 13, na Sky, a Champions League poderá ser vista por quase todos os assinantes de TV paga do Brasil. Os canais já transmitiram a fase preliminar e vão até a final, no dia 3 de junho, em Cardiff.

VEJA A ANÁLISE DOS GRUPOS:
GRUPO A: Paris Saint-Germain, Arsenal, Basel, Ludogorets
GRUPO B: Benfica, Napoli, Dynamo Kiev e Besiktas
GRUPO C: Barcelona, Manchester City, Celtic, Borussia Mönchengladbach
GRUPO D: Bayern de Munique, Atlético de Madrid, PSV e Rostov
GRUPO E: CSKA Moscou, Bayer Leverkusen, Tottenham, Monaco
GRUPO F: Real Madrid, Borussia Dortmund, Sporting e Legia Varsóvia
GRUPO G: Leicester, Porto, Club Brugge e Copenhague
GRUPO H: Juventus, Sevilla, Lyon, Dinamo Zagreb

Chamada Trivela FC 640X63

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo