Eliminatórias da Copa

Primeira convocação para Uruguai de Bielsa prova que Suárez envelhece como vinho

Em ótima fase no Grêmio, Suárez foi finalmente convocado por Bielsa e defenderá Uruguai em reencontro com amigo Lionel Messi

Nesta segunda-feira (13), Marcelo Bielsa divulgou sua lista de convocados pela Seleção Uruguaia com uma novidade já bem conhecida pelos amantes de futebol: Luis Suárez, que está em alta no Grêmio.

Aos 36 anos, o centroavante vai representar seu país pela primeira vez desde a Copa do Mundo de 2022, quando viu a Celeste ser eliminada ainda na fase de grupos no Catar.

Como a Trivela já havia antecipado, Suárez ganharia uma nova chance no Uruguai. Isso porque o artilheiro faz uma temporada espetacular com a camisa do Imortal. Neste ano, são 50 jogos, 26 gols e 16 assistências para El Pistolero.

Vale reforçar que o atacante está vivendo uma temporada digna de seu auge no Barcelona em Porto Alegre. A última vez que Luisito foi tão decisivo foi em 2017/18, quando balançou as redes 31 vezes e deu 16 passes para gols.

O bom desempenho do veterano fez com que o técnico da seleção apostasse nele nesta Data Fifa. Com a convocação inédita com Bielsa, Luis Suárez espera aumentar ainda mais sua hegemonia na história do país.

Ele é o artilheiro do Uruguai com 68 gols em 137 partidas. E Suárez pode aumentar ainda mais sua marca nos próximos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026, contra Argentina e Bolívia.

A seleção celeste é a vice-líder das Eliminatórias com sete pontos em quatro jogos. A distância para a liderança é de cinco pontos, mas ela pode diminuir no confronto direto da próxima quinta-feira (16), às 21h (horário de Brasília), na Bombonera.

O confronto contra a Bolívia está marcado para a terça-feira da semana que vem (21), às 20h30 (horário de Brasília), no Estádio Centenário. E Luis Suárez espera levar a boa fase do Grêmio para o Uruguai.

Marcelo Bielsa ‘cede’ à pressão no Uruguai para convocar Suárez

Marcelo Bielsa acabou ‘cedendo’ à pressão no Uruguai para convocar Suárez. Em sua primeira lista para o início das Eliminatórias Sul-Americanas, o treinador não convocou nem o centroavante do Grêmio, e nem Edinson Cavani, do Boca Juniors.

Por mais de uma década, a dupla foi titular incontestável da seleção do país. Contudo, após o Mundial no Catar, eles não foram mais chamados, o que acabou causando muitas críticas da imprensa local e dos torcedores.

Como justificativa para a ausência de Luisito, Bielsa alegou que o desconforto frequente no joelho, aliado ao calendário com vários jogos do futebol brasileiro, não o credenciavam para representar o Uruguai.

Fato é que Marcelo Bielsa tenta promover uma reformulação do elenco celeste visando a próxima Copa do Mundo. Darwin Nuñez, do Liverpool, assumiu a camisa 9 da seleção e já marcou dois gols nas Eliminatórias.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus CristianiniRedator

Jornalista formado pela Unesp, com passagens por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia. Na Trivela, é redator de futebol nacional e internacional.
Botão Voltar ao topo