Brasil

Choro de Pedrinho, elogio a Guilherme e festa no vestiário do Santos: os bastidores da visita de Neymar à Vila

Neymar deixou a Vila Belmiro se dizendo pé quente por ter assistido a vitória do Santos sobre o Corinthians

A presença do atacante Neymar, do Al-Hilal, da Arábia Saudita, na Vila Belmiro, na noite desta quarta-feira (7), para assistir a vitória do Santos sobre o Corinthians, pela 6ª rodada do Campeonato Paulista, não mexeu apenas com as emoções dos torcedores alvinegros. Ao término do clássico, os jogadores do Peixe receberam a visita do astro no vestiário e, segundo o apurado pela Trivela, viraram verdadeiros fãs diante do ídolo. Atencioso, o craque fez o atacante Pedrinho chorar de felicidade e parabenizou Guilherme pelo início de temporada com aquela que foi justamente a sua camisa.

Se dizendo “pé quente” por ter acompanhado a vitória santista no estádio, Neymar, vestido com uma camisa do Santos em homenagem ao Rei Pelé, se dirigiu ao vestiário do Santos depois de deixar um dos camarotes da Vila Belmiro e cruzar todo o gramado, sob olhares e cantos de parte dos 13 mil torcedores que ainda deixavam as arquibancadas após o apito final da partida.

– Olê, olê, olá… Neymar… Neymar -, cantavam a torcida, que recebeu alguns acenos do ídolo.

Neymar foi a cereja do bolo após a vitória

Ainda de acordo com as informações obtidas pelo site, Neymar chegou ao vestiário com os jogadores em festa por conta do resultado obtido sobre o arquirrival. A partir da entrada do eterno Menino da Vila, tudo se transformou.

Acessível aos atletas, Neymar fez fotos com todos os jogadores, membros da comissão técnica e funcionários do clube que ali estavam. Impactado, o atacante Pedrinho não segurou as lágrimas depois de registrar uma foto com o astro da Seleção Brasileira.

“Que sonho realizado, encontrar um ídolo que me inspiro diariamente! Grato a Deus e ao Santos Futebol Clube pela oportunidade de vestir essa camisa e viver esse sonho”, escreveu Pedrinho na legenda de sua foto ao lado de Neymar no Instagram.

Sem desperdiçar a oportunidade, muitos atletas levaram seus filhos ao vestiário para também tirar fotos e pegar autógrafos.

Guilherme recebe elogios de Neymar

Atual dono da camisa 11 do Santos, o atacante Guilherme foi um dos que aproveitou para guardar um registro dos seus filhos com Neymar. O que Guilherme não esperava era receber um elogio do craque.

– Aê… tá representando com a camisa 11 – disse Neymar, que passou a maior parte da sua história na equipe profissional do Santos usando tal número. O elogio, obviamente, emocionou e arrancou risos de Guilherme.

Carille também tietou o craque Neymar

O técnico Carille também aproveitou a ilustre presença para tietar e conversar com Neymar. Depois de receber a visita do craque na entrevista coletiva e brincar que também sonha com o retorno do craque, o treinador reencontrou o jogador no vestiário, trocou abraços, conversou rapidamente e também tirou uma foto com o atleta do Al-Hilal.

Visita à Vila Belmiro partiu de Neymar

Com as portas da Vila Belmiro sempre abertas, Neymar aproveitou o fato de estar em recuperação da lesão para assistir ao clássico presencialmente. E, de acordo com pessoas do Santos, a iniciativa partiu do próprio atleta, que no início da semana entrou em contato para avisar que estaria no estádio junto de alguns amigos.

O comunicado foi prontamente atendido pela diretoria, que reservou um dos camarotes do estádio para o atleta e todos aqueles que lhe faziam companhia.

Ovacionado pela torcida assim que chegou à Vila Belmiro, Neymar conversou com o presidente Marcelo Teixeira e fez fotos com alguns dos ‘Ídolos Eternos' do Santos, como Pepe, Clodoaldo, Mengalvio, Lima e Abel.

Ainda sem data para voltar a jogar

Em recuperação da lesão no ligamento cruzado e no menisco do joelho esquerdo sofrida durante a derrota da Seleção Brasileira para o Uruguai, por 2 a 0, em Montevidéu, pelas Eliminatórias da Copa Mundo, Neymar ainda não tem uma data definida para voltar aos gramados. O jogador, no entanto, já não faz mais uso de muletas e a expectativa é de que o retorno aos compromissos do Al-Hilal aconteça no segundo semestre deste ano.

Foto de Bruno Lima

Bruno Lima

Bruno Lima nasceu em Santos (SP) e se formou em Jornalismo na Universidade Católica de Santos (UniSantos) em 2010. Antes de escrever para Trivela, passou por A Tribuna.
Botão Voltar ao topo