Ásia/Oceania

Não foi só Benzema, mas Benzema foi a gota d’água: por que Nuno Espírito Santo caiu no Al-Ittihad

Benzema foi cobrado pelo treinador no vestiário durante do intervalo da partida entre Al-Ittihad e Al-Jawiya pela Champions Asiática

O português Nuno Espírito Santo não é mais o treinador do Al-Ittihad, atual campeão árabe, e um dos poderosos times da região, que em 2023 disputará o Mundial de Clubes, inclusive com a possibilidade de ser o primeiro adversário do Fluminense na competição. A demissão do técnico aconteceu um dia depois do time Aurinegro ser derrotado pelo Al-Jawiya, do Iraque, pelo placar de 2 x 0, em jogo válido pela Champions Asiática. O resultado ameaçou a classificação do time de Benzema à próxima fase da competição.

Mais do que a queda frustrante de rendimento do Al-Ittihad nos últimos jogos, com apenas duas vitórias nos últimos oito jogos, uma discussão tensa entre Nuno Espírito Santo e Benzema teria sido o estopim para que a direção dos Tigres resolvessem encerrar o vínculo do português com o clube. Segundo informações do jornal Al-Riyadiya, durante o intervalo da partida entre o Al-Jawiya e o time árabe, o treinador teria cobrado o atacante francês veementemente, inclusive o chamando de preguiçoso no vestiário, o que teria dado início a uma forte conversa entre os dois.

Muito mal na partida, o Al-Ittihad foi amplamente dominado pelo Al-Jawiya no primeiro tempo da partida disputada na última segunda-feira na cidade de Erbil, no Iraque, sem intensidade de marcação e pouca criatividade, o treinador português esperava que Benzema assumisse uma posição mais ativa em campo, para tentar motivar seus companheiros em busca da vitória, o que não aconteceu. Nos primeiros 45 minutos der jogo, o Al-Jawiya já havia finalizado sete vezes contra apenas uma do Al-Ittihad, o que fez Nuno Espírito Santo disparar críticas duras ao atacante francês, que o retrucou.

“Você é um grande jogador, mas parece que está sendo preguiçoso em pressionar o adversário”, disse o treinador.

Benzema imediatamente retrucou dizendo:

“Não fale só comigo, fale com todo o grupo”

A atitude do atacante gerou a ira de Nuno que ainda respondeu:

“Você é o líder da equipe, o modelo do jogador e o jogador mais importante. Você deve tomar a iniciativa e ser um exemplo para todos os jogadores”.

Benzema fez duras críticas a Nuno Espírito Santo

Ainda segundo o Al-Riyadiya, duas semanas antes da acalorada discussão da última segunda-feira, Benzema já havia conversado com a alta cúpula do Al-Ittihad de forma confidencial, afirmando que a equipe não estava conseguindo progredir em campo por conta do estilo de trabalho do treinador e que o desempenho do time sob o comando de Nuno Espírito Santo não estava a altura das expectativas da diretoria dos Tigres.

O clima pelos lados do Al-Ittihad já não vinha nada bem nos últimos três meses, a ponto do próprio treinador português ter que vir a público dizer que não tinha nenhum problema com Benzema como forma de tentar “apaziguar o ambiente”, o que não se mostrou nada eficiente tendo em vista o desempenho aquém do esperado do clube na atual temporada.

Apesar da liderança no Grupo C da Champions Asiática, o Al-Ittihad não vai nada bem no Campeonato Saudita, sendo apenas o 6º colocado com 21 pontos conquistados em 12 jogos, em uma campanha com seis vitórias, três empates e três derrotas. Atualmente, o time está a quatro pontos do Al-Taawoun, 3º colocado com 25 pontos e a 11 de distância do líder Al-Hilal.

Relembre a passagem de Nuno Espírito Santo pelo Al-Ittihad

Campeão da 2ª divisão inglesa pelo Wolverhampton na temporada 2017/2018, Nuno Espírito Santo ganhou dois títulos comandando o time do Al-Ittihad, a Supercopa Saudita e o Campeonato Saudita, ambos na temporada passada. Ao longo de 57 jogos no comando dos Tigres, o treinador conquistou 36 vitórias, nove empates e sete derrotas, fechando sua trajetória no time árabe com 68% de aproveitamento dos pontos disputados.

Sem muito tempo para pensar em um substituto, o Al-Ittihad corre atrás do prejuízo para encostar nos líderes do Campeonato Saudita e melhorar sua posição na tabela. Na próxima sexta-feira (10), os Tigres enfrentam o Abha, 12º colocado da liga, em casa, no Prince Abdullah Al-Faisal Stadium às 15h (horário de Brasília).

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Esse é Lucas de Souza, redator e repórter do Futebol na Veia e da Trivela. Jornalista especializado em Marketing digital é também narrador do Portal Futebol Interior e da RP2Marketing.
Botão Voltar ao topo