Ásia/Oceania

Com ajuda de gol contra bizarro, Al-Ittihad despacha Navbahor na Champions Asiática e pode enfrentar Al-Hilal nas quartas

Benzema e Tabatadze marcam contra o próprio time em jogo definido nos minutos finais

O Al-Ittihad bateu o Navbahor do Uzbequistão pelo placar de 2 x 1, de virada, e se classificou para as quartas de final da Champions Asiática. O time uzbeque saiu na frente do marcador com um gol contra de Benzema, aos 24 minutos da etapa inicial. A equipe árabe empatou o jogo nos minutos finais do primeiro tempo com Hamdallah, em assistência do craque francês e virou a peleja em mais um gol contra, inexplicável de Tabatadze, que foi cortar um escanteio cobrado por Al-Amri e chutou a bola para trás, acertando a gaveta de Yusupov.

Como os times empataram no jogo de ida pelo placar de 0 x 0, o resultado do duelo da volta, disputado no King Abdullah Sports City, em Jeddah, deu a classificação para a equipe árabe, que agora aguarda pelo resultado de Al-Hilal e Sepahan para descobrir o seu adversário na próxima fase da competição continental.

Al-Ittihad leva susto, mas consegue empate no fim do primeiro tempo

Logo aos quatro minutos, Hamdallah finalizou do bico da grande área pela esquerda, longe da meta de Yusupov. O camisa 99 teve mais uma chance aos dez minutos, mas acabou travado na hora do chute. Dos minutos mais tarde, Fabinho arriscou de fora da área e assustou o goleiro da equipe uzbueque.

Pressionando muito, o time de Marcelo Gallardo chegava com certa tranquilidade ao último terço do campo, mas não tinha a eficiência necessária para marcar. Como no futebol quem não faz toma, o Navbahor chegou ao seu gol após cobrança de falta pelo lado direito feita por Iskandarov. A bola veio fechada e Benzema, tão acostumado a marcar gols a favor dos seus times, meteu a cabeça na bola e marcou um lindo gol – mas contra, complicando a situação do Al-Ittihad.

Nos acréscimos do primeiro tempo, Hamdallah recebeu na entrada da grande área e chutou rasteiro, para mais uma grande defesa do goleiro Yusupov. Na base da insistência, o Al-Ittihad conseguiu o gol de empate no último lande do primeiro tempo. Dessa vez, Benzema desviou na primeira trave e achou Hamdallah, que desviou para o fundo do gol, completamente livre de marcação.

Gol contra bizarro dá a classificação à equipe de Gallardo

O segundo tempo de jogo foi muito disputado, brigado, mas pouco jogado. O Al-Ittihad tinha a posse de bola, mas não criou praticamente nada nos 45 minutos finais. Benzema teve uma única chance em cabeceio fraco que parou nas mãos de Yusupov.

Ivanovic recebeu dentro da grande área e saiu na cara do goleiro do Al-Ittihad, mas mandou pela linha de fundo.
Benzema chegou a virar o confronto em favor do time árabe aos 34 minutos do segundo tempo, mas o lance foi invalidado por impedimento.

Ivanovic teve mais uma chance importante na sequência, mas cabeceou sem direção. O jogo ficou mais aberto em sua reta final, com o Al-Ittihad pressionando em busca do gol da vitória. Até que aos 43 minutos, um gol contra bizarro colocou a equipe árabe na frente do marcador.

Após cruzamento de escanteio pela direita, Tabatadze desviou contra o próprio patrimônio, mandando a bola na gaveta de Yusupov, para desespero do zagueiro. Nos minutos finais do jogo, o Navbahor já não tinha mais forças para tentar o gol de empate e ainda teve o zagueiro Dokic expulso após entrada criminosa em Al-Amri. O Al-Ittihad comemorou a virada e a consequente classificação para as quartas de final da Champions Asiática e aguarda pelo resultado de Al-Hilal e Sepahan para conhecer seu adversário nas quartas.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Esse é Lucas de Souza, redator e repórter do Futebol na Veia e da Trivela. Jornalista especializado em Marketing digital é também narrador do Portal Futebol Interior e da RP2Marketing.
Botão Voltar ao topo