Eliminatórias da CopaEuropaMundo

Pouca relevância e muita tensão nos jogos desta sexta

As datas Fifa normalmente são normalmente momentos de classificação e alguma importância para as eliminatórias, seja de Copa do Mundo ou campeonatos continentais, mas dessa vez, não há grandes jogos, aliás, nem jogos muito bons. As grandes seleções farão duelos absolutamente desequilibrados, como a Espanha jogando contra a Finlândia em Gijón, a Alemanha joga contra o Cazaquistão em Astana e a Holanda contra a Estônia em Amsterdã. O jogo mais importante não envolve nenhuma das grandes seleções do mundo. Croácia e Sérvia entrarão em campo, ainda com os resquícios de uma guerra recente. E tem muito mais por aí. Confira:

O jogão

Croácia x Sérvia
Sexta, 14h00

Não é um jogo qualquer. A Croácia tem sido a melhor seleção da antiga Iugoslávia, mas a Sériva espera usar a sua força para impor uma derrota na casa do adversário e volta à brigar por vaga na repescagem, ao menos. Com toda a tensão que envolve esses dois países, será preciso muito mais do que bom futebol para vencer o jogo.

LEIA MAIS:
– Croácia x Sérvia: o tempo não tem sido um bom remédio
– Ódio mútuo entre Mihajlovic e Stimac não ficou no passado

O clássico

Escócia x Gales
Sexta, 17h00

Clássico britânico. Os escoceses são lanternas do Grupo A das eliminatórias e os galeses estão só um ponto à frente, na penúltima posição.Os dois times parecem muito distantes de brigar pelo segundo lugar na chave, que levaria à repescagem. Bélgica e Croácia dominam com o grupo, com dez pontos cada. Mas Sérvia e Macedônia têm apenas quatro, o que equilibra um pouco as coisas. Uma vitória nesse jogo pode dar alguma esperança a um dos times britânicos. Empate será ruim para ambos.

Fique de olho também

França x Geórgia
Sexta, 17h00

Os franceses fazem uma boa campanha nas eliminatórias até aqui e caminham para ficar ao menos com o segundo lugar, o que dá direito a repescagem. Contra a Geórgia, em casa, é preciso vencer. Não há outra opção. Ao menos se há alguma pretensão de passar a Espanha e garantir classificação direta à próxima Copa.

O reencontro

Argentina x Venezuela
Sexta, 21h00

O último time a derrotar a Argentina volta a enfrentar a albiceleste. No primeiro turno das eliminatórias, no dia 11 de outubro de 2011, os argentinos perderam por 1 a 0, gol de Fernando Amorebieta. Se naquele encontro a Argentina ainda era um remendo de time e não passava confiança, agora é o líder das eliminatórias e, desde então, o time tem dois empates e cinco vitórias na competição. Além de Lionel Messi, artilheiro das eliminatórias com sete gols, ao lado de Gonzalo Higuaín e Luis Suárez.

Vale uma zapeada

Uruguai x Paraguai
Sexta, 19h00

Um bom jogo das eliminatórias sul-americanas. O Uruguai é o quinto colocado e precisa da vitória para entrar novamente no grupo de classificados para a Copa. A Celeste tem 12 pontos, mesma pontuação da Venezuela, que joga contra a forte Argentina. O Paraguai é o pior time até aqui das eliminatórias, com apenas sete pontos ganhos em nove jogos. Se quer sonhar com alguma coisa, nem que seja não ser lanterna, precisa começar a ganhar jogos.

O cara

Zlatan Ibrahimovic
Suécia x Irlanda
Terça, 16h45

Com a Suécia em segundo lugar no Grupo C, o atacante é o grande nome do time para abrir uma boa diferença para a própria Irlanda, que é a terceira colocada e tem só um ponto a menos na classificação. Uma vitória não só deixa os suecos mais tranquilos, chegando a dez pontos, como ainda permite sonhar uma o primeiro lugar, já que a Alemanha, com dez, deve chegar a 13, já que joga contra o Cazaquistão.

O brasileiro

Fabio Montezine
Catar x Bahrain
Sexta, 12h45

O meia brasileiro tentará ajudar o Catar nas eliminatórias para a Copa Asiática. O time está empatado com o Bahrain, depois que os dois times estrearam com vitórias. O brasileiro Fabio Montezin joga pelo Catar desde 2008. Aos 34 anos,  o jogador nascido em Londrina tentar levar o time à Copa da Ásia da Austrália em 2015.

Passe longe

Liechtenstein x Letônia
Sexta, 15h30

É o emocionante confronto entre o último e o penúltimo colocados do grupo G das eliminatórias europeias, sendo que Liechtenstein vem de uma grande série: quatro jogos e quatro derrotas até aqui. A Letônia tem uma vitória e três derrotas. Em um dia de tantos jogos bons, escapar desse Liechtenstein e Letônia não é tão difícil assim. Faça um esforço.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo