Leste Europeu

Belhanda e a indecisão em jogar pelo Dynamo Kiev

Acredite se quiser, mas mesmo depois de ser apresentado ao Dynamo Kiev, o marroquino Younes Belhanda pode não defender a equipe ucraniana nesta temporada. Imagine o papelão que é para a diretoria do clube topar pagar cerca de €10 milhões e ver que seu novo contratado de repente mudou de ideia.

É o que aponta o jornal francês L´equipe, que em matéria publicada na madrugada desta terça confirma que Belhanda decidiu por não continuar na Ucrânia. De domingo para segunda o ex-atleta do Montpellier voltou atrás no pré-contrato assinado e não deve mesmo ficar no Dynamo.

Ainda não se sabe quais são as razões para que ele tivesse tomado essa decisão, mas é no mínimo intrigante que ele tenha feito isso após a apresentação diante da torcida no Estádio Olímpico de Kiev. E também não há confirmação de que o Dynamo tenha acatado sem resistência o cancelamento da transferência.

O que se sabe e que saiu na imprensa francesa é que Belhanda realmente abandonou a ideia de assinar com os ucranianos. Baseando-se nessa informação, é difícil dizer que seja apenas por questão de adaptação. Os sinais são claros que ele pode ter outra proposta em mãos, mas ao mesmo tempo o L´Equipe também não aponta um possível destino, tampouco se ele regressará no Montpellier.

Acompanhemos os próximos episódios desta novela que tem um marroquino como protagonista, mas que tem enredo com pitadas de dramalhão mexicano.

***

Atualização: Horas depois de ter sido alvo de uma polêmica levantada pelo L´Equipe, Belhanda negou que tenha declarado intenção em não permanecer no Dynamo e deu um discurso contrário ao publicado pelo jornal. De acordo com o meia, o contrato de cinco anos foi firmado ainda no domingo, afastando os rumores de sua saída. “Estou muito contente em ser um jogador do Dynamo Kiev. No domingo assinei um contrato com o clube e sei que se trata de uma potência europeia. Quero muito jogar aqui e sonho em ganhar a liga ucraniana. Espero também virar peça fundamental no elenco que irá disputar a Liga Europa”, confessou Younes ao site oficial da equipe ucraniana.

O que soa estranho é que não faz muito sentido um veículo como o L´Equipe ter levantado uma história como essa. Fosse um rumor de transferência, seria natural, não neste caso. A retratação de Belhanda soa mais esquisita do que a sua sua suposta relutância em defender o Dynamo, como acusava o jornal.

Mostrar mais

Felipe Portes

Felipe Portes é editor-chefe da Revista Relvado, zagueiro ocasional, ex-jornalista, cruyffista irremediável e desenhista em Instagram.com/draw.portes

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo