Itália

O que falta para Thiago Motta deixar o Bologna e assumir a Juventus

Técnico ítalo-brasileiro aceitou a proposta da Juventus e deve ser anunciado nos próximos dias

Thiago Motta fez história na atual temporada e deve ser recompensado por isso. Com um estilo de jogo arrojado e inventivo, o ítalo-brasileiro encantou o futebol italiano ao comandar o retorno do Bolgona à Champions League após 59 anos. Agora, o jovem técnico se preparara para um novo desafio na carreira. Em virtude do excelente trabalho à frente do time rossoblù, Thiago chamou atenção da Juventus, que deve confirmar sua contratação nos próximos dias.

A Juventus costura a chegada de Thiago Motta há seis meses. E depois de idas e vindas nas tratativas, o ítalo-brasileiro está pronto para aceitar a proposta da Velha Senhora. Segundo o jornalista Fabrizio Romano, especialista em mercado de transferências do futebol, o treinador de 41 anos comunicará ao Bologna sobre sua decisão em até dois dias. O contrato proposto pela equipe de Turim é de três temporadas, ou seja, até junho de 2027.

O que Thiago Motta disse sobre as negociações com a Juventus?

Na última segunda-feira (20), Bologna x Juventus empataram por 3 a 3, em jogo válido pela penúltima rodada da Série A. Antes da partida, Thiago Motta foi perguntado sobre a proposta da Velha Senhora. O técnico pregou respeito a ambos os clubes e admitiu que está próximo de informar sua decisão.

— Nos próximos dias vou me encontrar com o presidente, vamos tomar juntos uma decisão e a comunicaremos. Está chegando o momento para isso. Mas faremos tudo internamente, com grande respeito a todos — afirmou Motta.

Com o empate, o Bologna de Thiago Motta foi a 68 pontos. Em 37 rodadas disputadas, a equipe obteve 18 vitórias, 14 empates e apenas cinco derrotas. É a melhor campanha da história do clube na Série A desde 1967. No último compromisso pelo torneio, o time rossoblù visita o Genoa. A bola rola nesta sexta-feira (24), a partir das 15h45 (horário de Brasília).

Bologna tentará cartada final?

De acordo com o renomado periódico italiano Gazzetta Dello Sport, Joey Saputo, presidente do Bologna, deve tentar convencer Thiago Motta a ficar. A ideia do mandatário é apresentar ao ítalo-brasileiro uma espécie de ‘plano trienal’, que inclui investimentos de 100 milhões de euros, com intuito de repetir o sucesso recente da Atalanta. Finalista da Liga Europa, o clube Bérgamo é uma das principais sensações do futebol italiano e tem frequentado competições europeias ano após ano.

A tendência, porém, é que Thiago Motta não aceite o pedido de Saputo. O técnico deseja investimentos mais robustos e protagonismo nas competições da próxima temporada. E apesar do 2023/24 para lá de irregular, a Juventus tem condições de oferecer isso ao comandante. Afinal, a tradição e poder aquisitivo da Velha Senhora é muito superior se comparada ao Bologna.

Juventus a espera do ‘ok’ definitivo

A Juventus já recebeu o sinal verde de Thiago Motta, e agora aguarda a conversa do treinador com o Bologna para sacramentar o acordo e anunciá-lo. A Velha Senhora está sem técnico desde a última sexta-feira (17), quando confirmou a demissão de Massimiliano Allegri.

Após a conquista do título da Copa Itália, diante da Atalanta, Allegri empurrou e ameaçou o diretor do jornal Tuttosport, Guido Vaciago. Segundo a vítima, o treinador italiano teria proferido as seguintes palavras: “Vou aí e te arranco as duas orelhas. Vou aí e te dou um murro na cara.” A atitude irritou a Juventus, que não titubeou em  demiti-lo.

— A demissão deve-se a determinados comportamentos durante e após a final da Taça de Itália que o clube considerou incompatíveis com os valores da Juventus — pontuou a Velha Senhora em comunicado oficial.

Carreira de Thiago Motta como técnico

  • Thiago Motta começou a carreira de treinador no sub-19 do PSG, clube que se aposentou em 2018;
  • Em outubro de 2019, foi anunciado como novo técnico do Genoa, time que já havia defendido quando jogador;
  • Thiago durou pouco mais de dois meses no comando do Genoa. Em 10 jogos à frente da equipe, venceu dois, empatou três e perdeu cinco;
  • Em julho de 2021, o ítalo-brasileiro fechou com o Spezia, assinando um contrato de três anos. Por lá, realizou seu primeiro bom trabalho como treinador e salvou o clube do rebaixamento da Série A com uma rodada de antecedência;
  • Thiago Motta assumiu o Bologna em setembro de 2022 e levou o time a um honroso nono lugar;
  • Em 2023/24, fez sua melhor temporada como técnico até o momento, guiando o Bologna rumo à Champions League — feito que o clube não alcançava há 59 anos.

Thiago Motta pelo Bologna

  • 75 jogos
  • 35 vitórias
  • 23 empates
  • 17 derrotas
Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Jornalista pela UNESA, nascido e criado no Rio de Janeiro. Cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na Trivela, é redator e escreve sobre futebol brasileiro e internacional.
Botão Voltar ao topo