Inglaterra

Segue a novela: Tuchel e United não se acertam e clube continua perdido

O desempenho do time na temporada colocou o emprego de Ten Hag na reta, mas a indefinição do comando diz mais sobre o clube do que sobre o técnico

Após cair logo na primeira fase da Champions League e terminar a Premier League em oitavo lugar, a situação de Erik Ten Hag com o Manchester United ficou complicada, mesmo após a conquista do título da FA Cup. Neste cenário, o clube foi atrás de outros técnicos para o comando dos Red Devils, e um dos nomes cotados era Tomas Tuchel. A conversa entre Tuchel e United, porém, não foi para frente.

O treinador falou pessoalmente com Sir Jim Ratcliffe, em Mônaco, na última terça-feira, e segundo informações do The Sunday Times, os planos de Tuchel incluiam melhorar o desempenho de Mason Mount, que jogou com ele no Chelsea, e também reintegrar Jadon Sancho, emprestado ao Borussia Dortmund após problemas.

No entanto, Tuchel saiu da reunião com a decisão de pausar a carreira. Ele deixou o Bayern de Munique no final da temporada, após se tornar o primeiro técnico em 11 anos a não vencer o campeonato alemão.

Indefinição e um bilionário querendo limpar sua imagem

O homem mais rico do Reino Unido, Jim Ratcliffe, é também dono de 25% das ações do Manchester United. Fundador, presidente e maior acionista do grupo INEOS, um conglomerado de sucesso na indústria petroquímica, vem sendo acusado de usar o esporte e, agora em especial, o futebol, para amenizar sua imagem de poluidor do planeta.

Quando chegou ao United, Jim disse que sua ambição era ver “o Manchester United de volta onde merece, no mais alto topo do futebol inglês, europeu e mundial”.

A busca por um novo técnico para o United não começou agora. Já se foram conversas com Roberto De Zerbi, Mauricio Pochettino, Gareth Southgate e, agora, Tuchel, enquanto Ten Hagm, que ganhou uma FA Cup recentemente, segue esperando e assistindo toda essa indefinição.

Com o burburinho de sua possível demissão, o técnico chegou a dizer que caso o United não o queira, ele “vai ganhar títulos em outro lugar”.

Há de se concordar que essas conversas seguidas com técnicos de diferentes visões e, ainda, a situação em que está Ten Hag, não é exatamente o que Ratcliffe quis dizer com colocar “United de volta onde ele merece”.

Ten Hag disse que vai ganhar títulos em outro lugar se for demitido do United.
Ten Hag disse que vai ganhar títulos em outro lugar se for demitido do United. (Foto: Icon Sport)

O futuro segue nebuloso em Old Trafford e quanto mais tempo se leva sem uma definição, mais parece que é Ten Hag que vai permanecer no comando do Manchester United. Se ele vai querer continuar como técnico, mesmo após essa verdadeira novela, aí é aguardar para ver.

Foto de Gabriella Telles

Gabriella Telles

Gabriella Telles é jornalista formada pela UFRJ, faz pós-graduação em Gestão Estratégica de Marketing. Já trabalhou na TNT Sports na cobertura da Rio 2016, futebol internacional e eSports. Nascida e criada no subúrbio do Rio de Janeiro.
Botão Voltar ao topo