Inglaterra

Ferguson confirma: Rooney pediu para deixar o Man Utd

O atacante Wayne Rooney é especulado para deixar o Manchester United há alguns meses. Tanto que falamos sobre isso aqui e mostramos porque faria sentido a sua saída do Manchester United. Neste domingo, o que antes era só especulado foi confirmado. Alex Ferguson disse, em entrevista após o jogo com o Swansea, que Rooney pediu para deixar o clube.

Segundo o técnico, o pedido foi negado pelo clube. Só que a decisão de manter ou não o camisa 10 passará a ser do próximo comandante, o técnico David Moyes, que assume o time a partir do dia 1 de julho. O técnico trabalhou com Rooney no Everton – aliás, foi Moyes que o lançou como jogador profissional, aos 16 anos.

“Eu acho que ele precisa sair e pensar nisso de novo”, afirmou Ferguson. “Ele não estava feliz por ter sido tirado algumas vezes nesta temporada, mas o Wayne Rooney na sua melhor fase não seria tirado”, disse o técnico, que ainda disse que o jogador não pareceu estar disposto a jogar contra o Swansea, apesar da ocasião – a despedida de Ferguson do Old Trafford. “Eu não acho que Wayne estava afim de jogar, simplesmente porque ele pediu pela transferência”, contou.

Perguntado se Rooney, então ficaria no clube, já que o Manchester United recusou o pedido de transferência do atacante, o técnico foi sucinto. “Não é minha decisão agora”.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo