Liga Europa

Resumão da Liga Europa: Ekambi arrebenta, Leicester e Napoli se complicam e Leverkusen goleia

Confira tudo que rolou na segunda rodada da fase de grupos da Liga Europa

Leicester e Napoli se complicaram no Grupo C da Liga Europa ao serem derrotados nesta quinta-feira, e o Rangers segue zerado. Mas Lyon, PSV, Olympiacos e Bayer Leverkusen conseguiram vitórias categóricas na briga por classificação ao mata-mata, e mais uma vez a torcida do Olympique Marseille aprontou das suas no empate por 0 a 0 contra o Galatasaray. Confira tudo que rolou na segunda rodada da fase de grupos da Liga Europa.

Grupo A: Ekambi arrebenta, e Rangers segue zerado

O Lyon precisou de uma hora para abrir o placar, mas venceu o Brondby confortavelmente por 3 a 0. Karl Toko Ekambi deu uma grande contribuição. Abriu o placar, completando o passe de cabeça de Lucas Paquetá em cima da linha, e marcou o segundo no rebote de um corte da defesa. Aos 40 minutos do segundo tempo, fez jogada de ponta direita e cruzou para Aouar fechar o placar. São seis pontos em duas rodadas para os franceses. Enquanto isso, o campeão escocês Rangers está se complicando. Um desvio de cabeça de David Hancko que ainda pegou na trave antes de cruzar a linha por muito pouco deu a vitória ao Sparta Praga por 1 a 0. O time treinado por Steven Gerrard segue zerado na competição. Os tchecos estão em segundo, com quatro pontos.

Grupo B: PSV goleia e assume a liderança

O PSV conseguiu a sua segunda vitória em cinco jogos, por todas as competições, ao golear o Sturm Graz, da Áustria, por 4 a 1, fora de casa. Destaque ao terceiro gol, marcado por Philipp Max, com um balaço de fora da área. Ibrahim Sangaré, Eran Zahavi e Yorbe Vertessen fizeram os outros gols dos holandeses. Jon Stankovic descontou. Os três pontos valeram a liderança do grupo porque Real Sociedad e Monaco empataram por 1 a 1, com um gol de cabeça em cobrança de escanteio para cada lado, de Mikel Merino e Axel Disasi. PSV e Monaco estão com quatro pontos, separados pelo saldo de gols porque ainda não se enfrentaram. A Real Sociedad tem dois pontos, e o Sturm Graz está zerado.

Grupo C: De cabeça para baixo

O Legia Varsóvia, com duas vitórias em duas rodadas, lidera o grupo que tem fortes times de duas das principais ligas da Europa. Nesta quinta-feira, derrotou o Leicester, em começo de temporada oscilante, por 1 a 0, com gol de Mahir Emreli batendo cruzado de fora da área. Brendan Rodgers poupou metade do seu time e colocou mais titulares em campo apenas nos 20 minutos finais. As Raposas têm apenas um ponto, mesma quantidade do Napoli, que participou de um jogo maluco contra o Spartak Moscou, com gol aos 11 segundos, expulsões, confusões, decisões revertidas e estranhamentos mútuos. Os russos ganharam por 3 a 2 e chegaram a quatro pontos.

.

Grupo D: Com golaço, Olympiacos doutrina o Fenerbahçe

Giorgios Masouras destruiu o Fenerbahçe, em um duelo de peso, pela tradição das duas equipes e pela rivalidade entre gregos e turcos. Deu assistência para Tiquinho Soares abrir o placar, aos seis minutos, e marcou um golaço no começo do segundo tempo, dominando uma bola espirrada e emendando um sem-pulo sem deixá-la cair. Em outro rebote, fechou a vitória por 3 a 0 pouco depois. Os gregos dominam o grupo com seis pontos em duas rodadas. O Fenerbahçe tem apenas um ponto. Entre eles, aparece o Eintracht Frankfurt, com quatro, após derrotar o Royal Antwerp, por 1 a 0, com gol de Gonçalo Paciência, cobrando pênalti, aos 46 minutos da etapa final.

Grupo E: Faltaram gols, não faltou confusão

Olympique Marseille e Galatasaray ficaram no 0 a 0 em uma partida muito movimentada, com defesas importantes dos goleiros Paul López e Fernando Muslera, bola na trave de William Saliba e chances perdidas aos dois times. Também houve muita confusão, com um pênalti revertido com auxílio do VAR nos minutos finais, um entrevero entre Saliba e Mbaye Diagne e uma paralisação de dez minutos até que as torcidas se acalmassem, após troca de sinalizadores nas arquibancadas. A Lazio ganhou o outro jogo do grupo contra o Lokomotiv Moscou, por 2 a 0, com gols de Tomas Basic e Patric, e chegou a três pontos. O líder é o Galatasaray, com quatro. O OM tem apenas dois.

.

Grupo F: Petardo garante a vitória ao Estrela Vermelha

Uma bomba da entrada da área de Guelor Kanga aos 19 minutos do segundo tempo deu ao Estrela Vermelha a vitória por 1 a 0 sobre o Ludogorets, fora de casa, e levou os sérvios a duas vitórias nas duas primeiras rodadas da Liga Europa. O Braga conseguiu seus primeiros pontos. Evander abriu o placar de pênalti para o Midtjylland, na primeira etapa. Ricardo Horta desperdiçou penalidade antes do intervalo, mas Galeno converteu a terceira da partida para empatar. Horta ampliou pouco depois, e Galeno fechou a vitória por 3 a 1 nos acréscimos.

Grupo G: Bayer Leverkusen dá uma paulada no Celtic

Paulinho foi destaque na goleada do Bayer Leverkusen por 4 a 0 que piorou um pouco mais o começo de temporada ruim do Celtic. Piero Hincapié abriu o placar, aos 25 minutos do primeiro tempo, e Paulinho deu a assistência para Florian Wirtz ampliar. Depois do intervalo, Lucas Alario converteu pênalti gerado por uma finalização do brasileiro. Amine Adli fechou o placar em contra-ataque nos acréscimos. O Leverkusen está com seis pontos, empatado em primeiro lugar com o Betis, que aplicou 3 a 1 sobre o Ferencváros. Nabil Fekir marcou o primeiro e cobrou o escanteio do segundo, contra de Henry Wingo. Willian José deu assistência para Cristian Tello marcar o terceiro, no finalzinho da partida. Myrto Uzuni fez o único dos húngaros.

Grupo H: West Ham e Dínamo Zagreb vencem com tranquilidade

O West Ham acertou a trave duas vezes antes de abrir o placar com um lindo passe de Yarmolenko para Michail Antonio, que apenas rolou para Declan Rice empurrar às redes. O Rapid Viena chegou a ter um pênalti marcado a seu favor, corretamente revertido pelo assistente de vídeo, e Jarrod Bowen perdeu uma chance clara de matar a partida. Nos acréscimos, Saïd Benrahma garantiu a vitória por 2 a 0, a segunda em duas rodadas aos Hammers. Fora de casa, Bruno Petkovic converteu dois pênaltis após Luka Ivanusec abrir o placar, e o Dínamo Zagreb derrotou o Genk, por 3 a 0. Croatas e belgas têm três pontos cada um.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo