Europa

Itália e Jorginho precisam superar fantasma recente para avançar na Euro 2024

Suíça de Sommer foi pedra no sapato dos italianos durante as Eliminatórias para a Copa de 2022

Neste próximo sábado (29), Itália e Suíça abrem as oitavas de final da Eurocopa 2024, e se o time de Spalletti quer sonhar com o bicampeonato, precisa superar um trauma recente.

Em seu último jogo pelo Grupo B, os italianos buscaram um empate nos minutos finais diante da Croácia e asseguraram a segunda colocação, atrás da Espanha.

Com a vaga carimbada às oitavas, a Azzurra irá reencontrar um adversário que, recentemente, foi motivo de pesado para o meio-campista Jorginho e muitos torcedores.

Itália e Suíça abrem as oitavas da Euro 2024

No Estádio Olímpico de Berlim, Itália e Suíça se enfrentam neste sábado (29), às 13h (horário de Brasília), em jogo que abre as oitavas de final da Eurocopa.

A conta é simples: quem vencer nos 90 minutos finais, avança. Em caso de empate, prorrogação e, se o placar igual persistir, decisão nos pênaltis.

A última vitória da Suíça no confronto foi em 1993, mas os italianos guardam mágoas recentes de dois jogos contra o país vizinho.

Nas Eliminatórias para a Copa de 2022, Itália perdeu vaga direta para a Suíça

Recentemente, Itália e Suíça disputaram uma vaga direta à Copa do Mundo nas eliminatórias do futebol europeu, e as memórias não são boas para os italianos.

Pelo Grupo C, a Suíça terminou com a primeira colocação e o acesso direto à Copa no Catar. A Itália, segunda colocada com 2 pontos a menos, amargou a repescagem.

Na primeira fase da repescagem, veio a surpresa: eliminação para a Macedônia do Norte, e segunda Copa do Mundo seguida em que os italianos não estiveram presentes.

Tudo poderia ser diferente ainda na fase de grupos, quando a Suíça era a adversária. Nos dois confrontos diretos, dois empates: 0 a 0 em Basel, 1 a 1 em Roma.

A Itália de Roberto Mancini manteve uma invencibilidade de 37 jogos entre 2018 e 2021, a maior entre seleções. Apesar do título europeu conquistado neste período, não garantiu uma vaga na Copa do Mundo do Catar.

Empate sem gols e frustração de Jorginho

Em Basel, Jorginho vê Sonner defender sua cobrança de pênalti. Foto: Icon Sport
Em Basel, Jorginho vê Sonner defender sua cobrança de pênalti. Foto: Icon Sport
No primeiro jogo, que aconteceu na Suíça, os italianos atingiram a marca histórica como seleção com mais jogos sem perder, 36 partidas.

Mas o resultado poderia terminar com vitória se Jorginho, aos 6 do segundo tempo, convertesse o pênalti. Melhor para Sommer, que defendeu a cobrança do brasileiro naturalizado italiano.

Em Roma, Jorginho perde outro pênalti

A história se repete em Roma, quando o camisa 8 isola uma penalidade nos acréscimos do segundo tempo. Foto: Icon Sport

No segundo jogo, em Roma, um cenário muito parecido. Aos 10 minutos da primeira etapa, Widmer abriu o placar para os suíços. Minutos depois, aos 35, Di Lorenzo empatou.

Já nos acréscimos do segundo tempo, Jorginho teve em seus pés novamente a chance de garantir 3 pontos aos italianos. Mas isolou.

O empate com a Irlanda do Norte na última rodada frustrou os planos italianos e, na repescagem, o time de Roberto Mancini perdeu a vaga.

Ao ser questionado pela Sky Sport IT sobre jogar novamente contra os italianos, Sommer, goleiro da Suíça e também da Inter de Milão, se mostrou entusiasmado com as oitavas da Euro.

“Legal, não é? Agora conheço muitos jogadores e vai ser divertido”

Onde assistir Itália x Suíça pelas oitavas da Euro 2024?

O jogo Itália e Suíça terá transmissão dos canais Globo ou da Cazé TV. Confira o nosso guia completo de onde assistir os jogos da Euro 2024 para mais informações.

Foto de Lucas Gervazio

Lucas Gervazio

Jornalista pela Unesp. Antes da Trivela, também contribuiu para portais como Guia do Boleiro, Quinto Quarto e FNV Sports.
Botão Voltar ao topo