Eurocopa

A quatro dias da Eurocopa, Lewandowski sai lesionado de amistoso e preocupa Polônia

Atacante do Barcelona saiu com lesão após apenas meia hora em campo pela Polônia, que sofre com problemas no ataque

Faltam apenas quatro dias para Eurocopa 2024, e as seleções europeias seguem nos amistosos de preparação. Apesar de ótimos para chegar em forma para competição, os jogos podem trazer lesões nos titulares às vésperas da estreia.

Foi exatamente o que aconteceu com Robert Lewandowski nesta segunda-feira (10), na vitória da Polônia sobre a Turquia por 2 a 1.

Com apenas 31 minutos em campo, o atacante do Barcelona, em seu jogo 150 pelo seu país, caiu no gramado e foi substituído por Kacper Urbański.

A transmissão não flagrou nenhum contato mais forte no jogador. Ele simplesmente caiu para sair do gramado e se retirou caminhando.

Ou seja, aparentemente, não foi nada grave envolvendo fratura, sendo provável uma questão muscular – o jogador estava com gelo na coxa no banco de reservas – e a troca acontece muito como uma forma de precaução para não agravar o problema físico.

A seleção polonesa estreia na Euro já no próximo domingo (10), às 10h (horário de Brasília), quando enfrenta a Holanda. Os selecionados dividem o grupo D com Áustria e França.

Bruxa está à solta no ataque da Polônia

Além do problema físico de Lewa, o técnico Michal Probierz tem mais dor de cabeça para montar seu time.

No mesmo jogo de hoje, minutos antes do camisa 9 sair, o outro atacante do 3-5-2, Karol Świderski, foi substituído por outra lesão, sofrida ao dar um pulo na comemoração do primeiro gol — com assistência de Lewandowski.

No amistoso anterior, na última sexta (7), foi a vez do atacante Arkadiusz Milik sofrer uma lesão no joelho, obrigando uma cirurgia no menisco que o tirará dos gramados entre 30 e 40 dias — e da Eurocopa.

Ao menos Taras Romanczuk, outro substituído na vitória por 3 a 1 em cima dos ucranianos, ficou no banco de reservas hoje e não preocupa para o torneio europeu.

A crescente dos poloneses

A Polônia vive momento de recuperação sob comando de Probierz, substituto do demitido Fernando Santos. Foram apenas seis jogos com o comandante português, ganhando três e perdendo três.

Sob comando do novo técnico, os poloneses ainda não perderam, vencendo cinco das oito partidas disputadas desde outubro do ano passado, além de três empates.

No período, o treinador de 51 anos comandou o selecionado na final da repescagem da Euro contra País de Gales, em março, quando avançou nos pênaltis.

A ausência de Milik já será sentida, sem Lewandowski e Świderski, então, seria ainda mais difícil de lidar, em um setor que preocupa pelos poucos gols nas últimas competições – marcaram apenas oito, somando a fase de grupos da Euro de 2021 e das Copas do Mundo de 2018 e 2018.

Sem os principais jogadores, o ataque teria como opção apenas Krzysztof Piątek, já rodado no futebol europeu com passagens por Milan e Fiorentina, mas o treinador pode chamar outros atacantes, se necessário.

A ver se eles darão conta nos duelos pesados do grupo contra Holanda, Áustria e França.

Tabela da Polônia na Eurocopa 2024

  • Polônia x Holanda – 1ª rodada do grupo D – 16/06, 10h – Transmissão: CazeTV
  • Polônia x Áustria – 2ª rodada do grupo D – 21/06, 13h – Transmissão: CazeTV
  • Polônia x França – 3ª rodada do grupo D – 25/06, 13h – Transmissão: A definir (Globo, SporTV, Globoplay ou CazeTV)
Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius é nascido e criado em São Paulo e jornalista formado pela Universidade Paulista (UNIP). Escreveu sobre futebol nacional e internacional no Yahoo e na Premier League Brasil, além de eSports no The Clutch. Além disso, atuou como assessor de imprensa no setor público e privado.
Botão Voltar ao topo