Eurocopa 2024

Grupo C da Eurocopa 2024: seleções, jogos e classificação

Inglaterra, grande favorita ao título europeu, divide a chave com Dinamarca, Sérvia e Eslovênia

Marcada para iniciar em 14 de junho, na Alemanha, a Eurocopa 2024 terá 24 seleções em busca do título continental. A competição costuma ser um esquenta para a Copa do Mundo, visto reunir os principais selecionados globais, com exceção de Brasil e Argentina.

Classificação do Grupo C da Eurocopa

O grupo C do torneio europeu em 2024 conta com uma das favoritas, a Inglaterra, que estreou neste domingo (16) e bateu a Sérvia, por 1 a 0. Mais cedo, pela mesma chave, Dinamarca e Eslovênia ficaram no 1 a 1.

Grupo C
# Seleção J V E D +/- Pontos
1 Inglaterra

Inglaterra

1 1 0 0 1 3
2 Dinamarca

Dinamarca

1 0 1 0 0 1
3 Eslovênia

Eslovênia

1 0 1 0 0 1
4 Sérvia

Sérvia

1 0 0 1 -1 0

A fase de grupos encerra no dia 26, e as oitavas, com os líderes, segundos e melhores terceiros das chaves, inicia em 29/06. Todo o mata-mata, incluindo a decisão, acontecem em partidas únicas. A final da Eurocopa 2024 está marcada para 14 de junho, no Olímpico de Berlim. Veja a tabela completa da competição. 

Eurocopa 2024: conheça as seleções do Grupo C

É uma chave que promete muito equilíbrio. Apesar do óbvio favoritismo inglês, Dinamarca e Sérvia tem forças médias parecidas, além da Eslovênia vir em crescente desde o fim de 2022. Veja aqui as melhores cotações para apostar durante a Euro. 

Inglaterra

O técnico Gareth Southgate é um privilegiado. Talvez, no mundo, é quem tem o maior números de boas opções para meio-campo e ataque.

Tem o craque Harry Kane, os ótimos Foden, Bellingham, Saka, Rice e Arnold, os promissores Palmer e Mainoo e mais um monte de bons/úteis jogadores para as mais variadas posições.

Os únicos problema são o gol, ainda com o irregular Jordan Pickford, e a dupla de zaga, normalmente composta por John Stores e Maguire, só que o último foi cortado.

Outra questão é o estilo de jogo de Southgate, por vezes mais conservador do que seu plantel lhe dá de opção. Ao menos, o treinador fez a Inglaterra voltar a ser competitiva nas competições.

Desde 2016 no cargo, levou a uma semifinal (2018) e uma quartas (2022) de Copa do Mundo e o auge com o vice nos pênaltis da última Euro, frente a Itália.

Um título inédito europeu pode ser para Gareth a renovação de seu vínculo, que termina no final do ano.

Pela jovialidade da geração, perde a Eurocopa 2024 pode não ser um desastre pelo potencial que continuará tendo nas próximas competições.

Convocação da Inglaterra

O técnico Gareth Southgate anunciou 33 jogadores na pré-convocação da Inglaterra e, posteriormente, fez um corte, reduzindo a lista para 26 jogadores

    • Goleiros: Jordan Pickford (Everton), Dean Henderson (Crystal Palace), Aaron Ramsdale (Arsenal)
    • Defensores: Lewis Dunk (Brighton), Joe Gomez (Liverpool), Marc Guehi (Crystal Palace), Ezri Konsa (Aston Villa), Luke Shaw (Manchester United), John Stones (Manchester City), Kieran Trippier (Newcastle), Kyle Walker (Manchester City)
    • Meio-campistas: Trent Alexander-Arnold (Liverpool), Conor Gallagher (Chelsea), Kobbie Mainoo (Manchester United), Declan Rice (Arsenal), Adam Wharton (Crystal Palace)
    • Atacantes: Jude Bellingham, (Real Madrid), Jarrod Bowen (West Ham), Eberechi Eze (Crystal Palace), Phil Foden (Manchester City), Anthony Gordon (Newcastle), Harry Kane (Bayern Munich), Cole Palmer (Chelsea), Bukayo Saka (Arsenal), Ivan Toney (Brentford), Ollie Watkins (Aston Villa)

Provável escalação: Pickford; Walker, Maguire, Stones e Trippier (Shaw); Rice, Alexander-Arnold e Bellingham; Saka, Foden e Kane.

Craque do time: Harry Kane
Fique de olho: Foden
Pretensão: favorita

Dinamarca

A última Euro foi o auge da seleção dinamarquesa desde o título de 1992.

Após uma fase de grupos ruim, emplacou um mata-mata fantástico: eliminou País de Gales e Tchéquia e só caiu para Inglaterra na semifinal depois de 120 minutos – ainda com um pênalti questionável.

O time de Kasper Hjulmand prometia para as próximas competições, mas não cumpriu as expectativas. Mesmo em um grupo com Austrália e Tunísia na Copa de 2022, conseguiu terminar como lanterna, sem vitórias.

Pela Nations League também não fez nada de espetacular, e nas Eliminatórias para Euro, apesar de ter sido quase absoluta, sofreu uma derrota para o Cazaquistão.

A geração daquela campanha histórica está mais envelhecida e ainda tem Christian Eriksen como o destaque técnico. Inclusive, o meia voltará a atuar na Euro após a parada cardíaca sofrida logo na primeira rodada da competição passada.

Dentre os jovens que prometem no futuro está Rasmus Hojlund, que terminou a temporada de estreia no Manchester United como artilheiro com 16 gols.

O centroavande de apenas 21 anos sofreu com a irregularidade, mas teve bons momentos mesmo em uma temporada péssima dos Red Devils.

Convocação da Dinamarca

  • Goleiros: Kasper Schmeichel (Anderlecht), Frederik Ronnow (Union Berlin) e Mads Hermansen (Leicester)
  • Defensores: Joakim Maehle (Wolfsburg), Jannik Vestergaard (Leicester), Joachim Andersen (Crystal Palace), Nissen Kristiansen (Roma), Victor Nelsson (Galatasaray), Andreas Christensen (Barcelona) e Simon Kjaer (sem clube), Alexander Bah (Benfica) e Victor Kristiansen (Bologna)
  • Meio-campistas: Christian Eriksen (Manchester United), Mathias Jensen (Brentford), Mikkel Damsgaard (Brentford), Morten Hjulmand (Sporting), Pierre-Emile Hojbjerg (Tottenham), Thomas Delaney (Anderlecht) e Christian Norgaard (Brentford)
  • Atacantes: Anders Dreyer (Anderlecht), Kasper Dolberg (Anderlecht), Rasmus Hojlund (Manchester United), Yussuf Poulsen (RB Leipzig), Jonas Wind (Wolfsburg), Andreas Skov Olsen (Brugge) e Jacob Bruun Larsen (Burnley)

Provável escalação: Schmeichel; Andersen, Christensen e Vestergaard (Kjaer); Kristensen (Bah ou Maehle), Hojbjerg, Norgaard e Maehle (Skov); Eriksen; Hojlund e Wind (Poulsen).

Craque do time: Christian Eriksen
Fique de olho: Rasmus Hojlund
Pretensão: pode surpreender

Sérvia

A edição de 2024 será a primeira vez na história que a Sérvia disputará como nação independente. Em 2004, eles jogaram como Sérvia e Montenegro. Como Iuguslávia atuou em quatro Euros, sendo duas vezes vice-campeã (1960 e 1968).

Sobre o time atual, a Sérvia é parecida com a Dinamarca em força média de seus jogadores. Os destaques na elite europeia são Dorde Petrovic (este, nem titular é), do Chelsea, e Vlahović, da Juventu.

Também há a ótima dupla Milenkovic-Savic e Mitrovic, que joga na Arábia Saudita, além de Tadic, hoje no Fenerbahçe.

Apesar disso, o time sérvio normalmente não consegue resultados impressionantes. Nas três Copas que foi (2010, 2018 e 2022), caiu na fase de grupos, com direito a duas vezes em último.

Sofreu bastante, mas conseguiu sair com a vaga na Euro em um grupo fraquinho nas Eliminatórias com Montenegro, Lituânia e Bulgária, além da líder Hungria.

Convocação da Sérvia

  • Goleiros: Vanja Milinkovic Savic (Torino), Dorde Petrovic (Chelsea) e Predrag Rajkovic (Mallorca);
  • Defensores: Strahinja Pavlovic (RB Salzburg), Nikola Milenkovic (Fiorentina), Srdan Babic (Spartak Moscou), Milos Veljkovic (Werder Bremen), Uros Spajic (Estrela Vermelha) e Nemanja Stojic (TSC Backa Topola);
  • Meio-campistas: Sasa Lukic (Fulham), Nemanja Gudelj (Seviila), Nemanja Maksimovic (Getafe), Ivan Ilic (Torino), Srdan Mijailovic (Estrela Vermelha), Sergej Milenkovic-Savic (Al-Hilal), Dušan Tadić (Fenerbahçe), Lazar Samardzic (Udinese), Vejko Birmancevic (Sparta Praga), Filip Kostić (Juventus), Andrija Zivkovic (PAOK), Filip Mladenovic (Panathinaikos) e Mijat Gacinovic (AEK);
  • Atacantes: Aleksandar Mitrovic (Al-Hilal), Dušan Vlahović (Juventus), Luka Jović (Milan) e Petar Ratkov (RB Salzburg)

Provável escalação: Vanja Milinković-Savić; Milenkovic, Veljkovic e Babic; Zivkovic, Gudelj, Sergej Milenkovic-Savic (Lukic ou Ilic) e Kostic; Tadic, Vlahovic (Duricic ou Milenkovic-Savic) e Mitrovic (Vlahovic).

Craque do time: Mitrovic
Fique de olho: Sergej Milinković-Savić
Pretensão: pode surpreender

Eslovênia

Na teoria o selecionado mais fraco, o time esloveno não será parada fácil para Inglaterra, Sérvia e Dinamarca.

As Eliminatórias para Euro que o digam: a Eslovênia terminou com os mesmos 22 pontos da seleção dinamarquesa e só não passou em primeiro pela desvantagam no confronto direto.

É uma crescente do time treinado por Matjaž Kek. Desde setembro de 2022, perdeu apenas duas vezes (Finlândia e Dinamarca) em 18 jogos e bateu bons time, como Portugal, Estados Unidos (os dois amistosos) e Noruega (Nations).

As referências técnicas óbvias estão no gol, Jan Oblak, e no ataque, Benjamin Sesko, mas o que fez esse time emplacar a boa sequência foi o coletivo.

Vale citar que Kek promoveu o retorno do ídolo e experiente Josip Ilicic, autor de um gol na vitória por 2 a 1 sobre a Armênia em amistoso.

Convocação da Eslovênia

  • Goleiros: Jan Oblak (Atlético de Madrid), Vid Belec (APOEL), Igor Vekic (Vejle) e Matevž Vidovšek (Olimpija Ljubljana);
  • Defensores: Petar Stojanovic (Sampdoria), Jaka Bijol (Udinese), Miha Blazic (Lech Poznan), Jure Balkovec (Alanyaspor), Zan Karnicnik (Celje), David Brekalo (Orlando City), Erik Janza (Gornik Zabrze), Vanja Drkusic (Sochi) e Zan Zaletel (Viborg);
  • Meio-campistas: Timi Max Elsnik (Olimpija Ljubljana), Jasmin Kurtic (Sudtirol), Benjamin Verbic (Panathinaikos), Miha Zajc (Fenerbahçe), Sandi Lovric (Udinese), Adam Gnezda Cerin (Panathinaikos), on Gorenc Stankovic (Sturm Graz), Timi Max Elšnik (Olimpija Ljubljana), Tomi Horvat (Sturm Graz), Adrian Zeljkovic (Spartak Trnava) e Nino Zugelj (Bodo/Glimt);
  • Atacantes: Josip Ilicic (Maribor), Andraz Sporar (Panathinaikos), Benjamin Sesko (RB Leipzig), Luka Zahovic (Pognon Szczecin), Zan Celar (Lugano), Jan Mlakar (Pisa) e Zan Viptonik (Bordeaux)

Provável escalação: Oblak; Karnicnik (Stojanovic), Blazic, Bijol e Janza; Stojanovic (Lovric), Gnezda Cerin, Max Elsnik e Mlakar; Sesko e Sporar.

Craque do time: Sesko
Fique de olho: Ilicic
Pretensão: corre por fora

Resultados do Grupo C da Eurocopa

Veja data, horário, local e como assistir aos jogos de Alemanha, Escócia, Hungria e Suíça ao longo da competição:

Eslovênia 1 x 1 Dinamarca

  • Data: 16/06
  • Horário: 13h (horário de Brasília)
  • Local: MHPArena, em Stuttgart
  • Transmissão: SporTV e Globoplay

Gols: Christian Eriksen (Dinamarca); Erik Janza (Eslovênia)

Eslovênia
16/06/24 - 13:00

Finalizado

1

-

1

Dinamarca

Eslovênia - Dinamarca

Euro 2024 - Mercedes-Benz Arena

1° Turno

Sérvia 0 x 1 Inglaterra

  • Data: domingo, 16 de junho
  • Horário: 16h (horário de Brasília)
  • Local: VELTINS-Arena, em Gelsenkirchen
  • Transmissão: SporTV e Globoplay

Gols: Jude Bellingham

Sérvia
16/06/24 - 16:00

Finalizado

0

-

1

Inglaterra

Sérvia - Inglaterra

Euro 2024 - VELTINS-Arena

1° Turno

Veja mais detalhes sobre as transmissões. 

Próximos jogos

20/06 – Eslovênia x Sérvia – 10h – CazeTV
20/06 – Dinamarca x Inglaterra – 13h – SporTV e Globoplay
25/06 – Inglaterra x Eslovênia – 16h – a definir (Globo, SporTV, Globoplay ou CazeTV)
25/06 – Sérvia x Dinamarca – 16h – a definir (Globo, SporTV, Globoplay ou CazeTV)

Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Nascido e criado em São Paulo, é jornalista pela Universidade Paulista (UNIP). Já passou por Yahoo!, Premier League Brasil e The Clutch, além de assessorias de imprensa. Escreve sobre futebol nacional e internacional na Trivela desde 2023.
Botão Voltar ao topo