Eurocopa

Alexander-Arnold é cortado da Eurocopa, ao lesionar a coxa em amistoso pela Inglaterra

Dúvida antes da convocação, Arnold ganhou uma chance com Southgate, mas se machucou no fim do jogo contra a Áustria

A convocação de Trent Alexander-Arnold era a principal dúvida na lista da Inglaterra para a Eurocopa. O lateral não vinha de uma boa temporada com o Liverpool e as opções para a sua posição eram vastas. No fim das contas, Gareth Southgate deu um voto de confiança para o jovem. Porém, ele não poderá disputar a Euro 2020 e se torna o primeiro cortado dos Three Lions. O defensor sofreu uma lesão na coxa durante o amistoso contra a Áustria nesta quarta-feira e ficará em recuperação durante as próximas seis semanas. O substituto na equipe deve ser anunciado apenas no final de semana.

Alexander-Arnold foi titular durante a partida contra a Áustria no Estádio Riverside, com Kieran Trippier atuando na lateral esquerda. O jovem, porém, lesionou a coxa nos minutos finais e precisou deixar o campo amparado pela equipe médica. Os exames desta quinta confirmaram que o defensor sofreu uma ruptura no quadríceps. Com isso, ele voltou imediatamente para Liverpool e iniciará o tratamento durante as próximas seis semanas. Perderá as férias, mas pelo menos poderá voltar em forma para a próxima temporada.

Southgate esperará até o próximo domingo, quando a Inglaterra enfrenta a Romênia em amistoso, para anunciar o substituto de Alexander-Arnold. O treinador já tinha segurado sua convocação até a última hora por conta da situação física dos jogadores – preocupado especialmente com aqueles que disputariam a final da Champions League. Ainda assim, numa temporada de calendário mais curto por causa da pandemia, o impacto físico da maratona era esperado. Não à toa, a Uefa aumentou as listas de 23 para 26 jogadores. No fim das contas, Mason Greenwood foi descartado por lesão, enquanto Jordan Henderson e Harry Maguire integram o grupo, mas são observados pelo departamento médico durante suas recuperações.

É possível que Southgate convoque um jogador de outra posição. A lateral direita já conta com Kieran Trippier, Kyle Walker e Reece James no atual elenco – embora os três devam ser usados de diferentes maneiras, inclusive como alas e zagueiros pela direita. Seis jogadores da lista de espera estão aptos à convocação: Ben Godfrey, Jesse Lingard, Aaron Ramsdale, James Ward-Prowse, Ollie Watkins e Ben White. Godfrey é o favorito, por ser uma alternativa a Maguire na zaga e por também fazer o lado direito.

Alexander-Arnold teria a chance de disputar sua primeira Eurocopa pela seleção inglesa. O lateral ganhou uma chance na equipe nacional às vésperas da Copa de 2018, embora só tenha disputado uma partida no Mundial da Rússia. Desde então, virou um nome frequente nas listas e até ocupou a posição de titular a partir de 2019. O declínio no Liverpool, porém, o manteve fora da convocação na Data Fifa passada e sua presença na Euro 2020 estava em xeque. Segundo Southgate, o garoto ficou chateado com as afirmações da imprensa descartando-o e queria dar a volta por cima, até por isso ganhando um crédito no 11 inicial contra a Áustria. Por vias tortas, realmente não jogará a Euro.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo