Europa

Clubes enviam carta pedindo que o árbitro de vídeo não seja mais usado na Bélgica

O assistente de vídeo mal chegou à Bélgica e já está sendo rechaçado. De acordo com a Voetball International, todos os clubes da primeira divisão, por meio do executivo-chefe da liga profissional do país, enviaram uma carta à comissão de arbitragem pedindo que o instrumento não seja mais utilizado, depois de alguns erros nas primeiras rodadas do Campeonato Belga.

LEIA MAIS: Um dos maiores clubes da Bélgica, Royal Antuérpia volta à primeira divisão após 13 anos

O curioso é que os casos citados são todos de omissão, e não de ações equivocadas. O assistente não interveio, no último fim de semana, em um pênalti não marcado de Brandon Mechele, do Club Brugge, em Peter Olayinka, do Zulte-Waregem, na vitória do Brugge por 2 a 1, a segunda vez que o VAR falha em corrigir um lance em partida do Zulte-Waregem.

As falhas entram no contexto dos soluços na utilização do assistente de vídeo em outras competições, como na Copa das Confederações, e na vizinha da Bélgica. A Supercopa da Holanda foi particularmente problemática: a intervenção do VAR transformou um placar que seria 2 a 0 em 1 a 1, embora o Feyenoord ainda tenha sido campeão. Na Holanda, porém, o artifício só será utilizado na copa, e não na liga.

A reportagem belga afirmou que o próprio chefe de arbitragem da Bélgica, Johan Verbist, não está contente com “o sistema de meio milhão de dólares” e chamou todas as partes para um diálogo. No site da Federação Belga, Verbist tem feito vídeos para comentar como o VAR deveria ou não ser utilizado. Inclusive no incidente do jogo do Club Brugge.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo