La Liga

Real Madrid tem que driblar lista interminável de desfalques contra Cádiz para alcançar liderança de LaLiga

Carlo Ancelotti tem tremenda dor de cabeça para escalar o Real Madrid contra o Cádiz, que busca um milagre em LaLiga

Neste domingo (26), às 14h30 (horário de Brasília), Cádiz x Real Madrid se enfrentam no Estádio Nuevo Mirandilla, pela 14ª rodada de LaLiga. Enquanto os Merengues seguem na caça ao líder Girona, o Submarino Amarelo busca um milagre para se afastar da zona de rebaixamento do campeonato.

No duelo entre equipes em posições contrastantes na tabela, Carlo Ancelotti terá que driblar uma lista interminável de desfalques. Já Sergio Gónzalez quer que sua equipe encerre um retrospecto para lá de negativo no Campeonato Espanhol e consiga surpreender o grande favorito.

Real Madrid está desfigurado para o jogo contra Cádiz em LaLiga

Sem perder um jogo na temporada desde 24 de setembro, quando foi superado pelo Atlético de Madrid, o Real Madrid vive uma sequência de 10 partidas de invencibilidade, sendo oito vitórias e dois empates. Além disso, está apenas a dois pontos de distância para a liderança de LaLiga. Parece ser o cenário ideal para encarar o Cádiz. Entretanto, se engana quem pensa assim.

Isso porque o Real Madrid está desfigurado para o próximo jogo. Courtois, Éder Militão, Arda Güler e Tchouaméni estão barrados pelo departamento médico já há algum tempo. A situação piorou ainda mais para o técnico italiano depois da última Data Fifa, pois Camavinga e Vinicius Júnior também entraram para a lista de baixas após sofreram lesões por suas seleções.

Para piorar, Kepa e Rodrygo não estão 100% fisicamente e podem ficar de fora dos titulares de Ancelotti no Real contra o Submarino Amarelo. As únicas boas notícias ficam por conta de Rudiger e Bellingham. O zagueiro está à disposição após cumprir suspensão, enquanto o meia está recuperado de uma luxação no ombro esquerdo. A informação é do jornal português A Bola.

Aliás, o retorno do inglês significa muita coisa para os Merengues. Contratado na última janela de transferências, Jude Bellingham já marcou 13 gols em 14 partidas pelo gigante espanhol, além de ter concedido três assistências. A expectativa é que o camisa 5 faça a diferença contra o Cádiz na próxima rodada do Espanhol.

Submarino Amarelo sonha em surpreender os Blancos

Do outro lado do duelo, o Submarino Amarelo vive situação complicadissíma em LaLiga. Na 16ª colocação da classificação com 10 pontos, apenas três acima da zona de descenso para a Segunda Divisão, o Cádiz somou apenas três pontos de 24 possíveis nas últimas oito rodadas da competição. Ou seja, um aproveitamento de 33,3%.

E o retrospecto poderia ser ainda pior se não fosse pelos empates contra Betis, Rayo Vallecano e Sevilla. Diante de um rival tão forte, a equipe de Gónzalez sonha em surpreender o Real Madrid para tentar uma reação no campeonato. Em coletiva de imprensa, o treinador do Cádiz fez uma análise da partida:

“Temos que nos esforçar para competir. A equipe está consciente e tem muita vontade, que espero que se converta em força e energia para competir bem. Faz muito tempo que não ganhamos. Falta-nos um pouco essa calma. Temos que ter a bola e aproveitar o jogo”.

Vale ressaltar que a última vitória do Submarino Amarelo em LaLiga aconteceu no dia 1 de setembro, no triunfo por 3 x 1 sobre o Villarreal, em casa. Com a força de sua torcida, Sergio Gonzalez quer contar com toda ajuda no Nuevo Mirandilla. Só que a força do elenco dos Merengues é uma preocupação para o modesto Cádiz:

“Não creio que possam se queixar de desfalques, porque normalmente temos muitas lesões e enfrentamos isso com responsabilidade. (Eles) vão ter menos alternativas no ataque e, talvez, possamos ter mais opções. O Real Madrid vem com gente muito boa. Faltam o Vinicius, o Militão, o Courtois, a questão do Rodrygo… Mas vão sair outros jogadores de futebol que têm o nível do Real Madrid”.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Unesp, é apaixonado por esportes, acima de tudo o futebol. Por mais redundante que seja, ama escrever sobre o que é apaixonado, ficando de olho em tudo o que acontece dentro e fora de campo. Após passar por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia, se juntou à equipe da Trivela com muita vontade de continuar crescendo.
Botão Voltar ao topo