Lado B de Brasil

Pela Série C, Ituano e Criciúma precisaram terminar a partida com jogadores de linha no gol, após a expulsão de seus goleiros

Os dois goleiros foram expulsos numa confusão nos acréscimos, quando as duas equipes já tinham feito todas as alterações

O duelo entre Ituano e Criciúma, pela Série C, não chamava muita atenção além da briga direta pelo G-4 na chave. Porém, a noite em Itu terminou com uma situação bastante rara e curiosa: as duas equipes precisaram botar jogadores de linha para assumir a meta, após seus goleiros serem expulsos. Uma confusão generalizada no Estádio Novelli Júnior resultou nos dois cartões vermelhos aos arqueiros. E o Ituano se deu melhor, não apenas pelas boas defesas do volante Igor Henrique, mas também por aproveitar a fragilidade do outro lado. O lateral Claudinho tomou um gol de pênalti que fechou o triunfo do Galo por 3 a 0.

O Ituano já vencia a partida por 2 a 0 quando a confusão aconteceu. Jiménez abriu o placar com um belo chute de canhota aos sete minutos, enquanto Fernandinho ampliou num contragolpe aos 35 do segundo tempo. E a confusão não demoraria a se desencadear, no início dos acréscimos da etapa final. O goleiro Gustavo, do Criciúma, se irritou com os jogadores do Ituano e foi tirar satisfação, partindo para cima dos adversários. Foi então que os atletas das duas equipes passaram a se amontoar, trocando sopapos num duelo que já vinha tenso.

Por conta de sua atitude, Gustavo recebeu o vermelho direto. Porém, o goleiro Pegorari também participou das agressões e foi para o chuveiro mais cedo do lado do Ituano. Como os dois times já tinham realizado todas as substituições, dois jogadores de linha precisaram assumir a missão. Igor Henrique botou as luvas na meta do Galo, enquanto Claudinho seria o escolhido no Tigre.

Igor Henrique seria exigido primeiro na meta do Ituano, mas deu conta do recado e evitou qualquer reação do Criciúma. E, do outro lado, o Galo pôde fechar a contagem nos longos acréscimos. Em pênalti favorável aos anfitriões, Fernandinho assumiu a cobrança e mandou para as redes do improvisado Claudinho, que nem pulou. Fechou um resultado importante aos paulistas no Grupo B da Terceirona.

Com o resultado, o Ituano assumiu a terceira colocação da chave. Chegou aos 19 pontos, atrás do Novorizontino no saldo e um ponto abaixo do Ypiranga de Erechim, que lidera o Grupo B. Já o Criciúma permanece no G-4, mas agora na quarta colocação, com 17 pontos e a ameaça do Botafogo de Ribeirão Preto logo abaixo.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo