Lado B de Brasil

Com duas pauladas no ângulo, o Vila Nova conquistou em grande estilo uma vitória para mirar o acesso

A Série C atravessa seus momentos decisivos. Neste sábado, começou a quinta rodada da segunda fase, com a definição dos acessos cada vez mais próxima. E o Vila Nova conquistou um grande resultado no embolado Grupo C. Os goianos bateram o Santa Cruz por 2 a 1, saltando da lanterna da chave para a primeira colocação, no aguardo de Brusque x Ituano na segunda-feira. O Tigre contou com dois gols daqueles que ficam gravados na retina do torcedor, em duas patadas de Alan Mineiro e Pedro Bambu.

O primeiro golaço do Vila Nova aconteceu logo aos dez minutos. Sob a chuva intensa em Goiânia, Alan Mineiro foi muito feliz em seu chute. O veterano dominou com espaço na intermediária e emendou a pancada com o peito do pé. Mandou o míssil direto ao ângulo, sem chances de defesa para o goleiro Maycon Cleiton. O Tigre permaneceu melhor durante o primeiro tempo, embora o Santa Cruz tenha crescido na reta final.

Durante o segundo tempo, o gramado do Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga ficou mais prejudicado pelo temporal que caía em Goiânia. Mesmo assim, o Santa Cruz pressionou pelo empate e parou no goleiro Marcão. O Vila Nova, no entanto, chegou ao segundo com 35 minutos. Numa sobra na entrada da área, Pedro Bambu soltou o canudo e anotou outro belo gol. O tirambaço entrou direto no ângulo, sem chances de reação ao goleiro. Os pernambucanos só descontaram nos acréscimos. Victor Rangel acertou a trave e Chiquinho aproveitou o rebote.

Com a vitória, o Vila Nova chega aos sete pontos no Grupo C, se recuperando de duas derrotas em casa na chave. O Tigre facilita sua missão antes da rodada final. O Brusque ocupa o segundo lugar com seis pontos, enquanto Ituano e Santa somam cinco. O Vila encerra sua participação nesta fase viajando a Itu. Já a atração do domingo será o Remo x Paysandu estratosférico no Mangueirão. Os dois rivais somam sete pontos no Grupo D e quem vencer pode assegurar o acesso antecipado – o Papão sobe com o triunfo, enquanto o Leão ainda depende da outra partida da chave. Londrina e Ypiranga se enfrentam no jogo paralelo, com cinco pontos aos paranaenses e três aos gaúchos.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Bloqueador detectado

A Trivela é um site independente e que precisa das receitas dos anúncios. Considere nos apoiar em https://apoia.se/trivela para ser um dos financiadores e considere desligar o seu bloqueador. Agradecemos a compreensão.