Brasil

O que o Fluminense pode ganhar com retorno de dupla importante no ataque

Ganso e Cano voltam aos treinos e Fluminense pode ganhar poder de fogo no ataque

O Fluminense confirmou duas boas notícias nesta sexta-feira (5). O meia Paulo Henrique Ganso e o atacante Germán Cano voltaram às atividades normais com o restante do elenco, e aumentaram suas chances de jogar na terça-feira (9), às 21h30, pela Libertadores.

Após estrear com empate com o Alianza Lima no Peru, o Flu faz sua primeira partida no Maracanã pela Libertadores. Contra o Colo-Colo, líder do grupo A, o Tricolor precisa vencer para tranquilizar sua situação na competição.

Atual campeão, o Fluminense sofre com desfalques no início de 2024. Depois de conquistar a Recopa Sul-Americana, o Tricolor caiu na semifinal no Campeonato Carioca, e agora volta suas atenções à Libertadores.

Para isso, Fernando Diniz conta com retornos importantes no time titular. Mas sua equipe ainda tem muitos desfalques. Suspensos, Diogo Barbosa e John Kennedy são ausências confirmadas contra o Colo-Colo.

Veja lista de lesionados do Fluminense

  • Marlon (zagueiro) — dores no joelho direito;
  • Keno (atacante) — entorse no tornozelo esquerdo;
  • Gabriel Pires (volante) — dores no joelho direito;
  • Manoel (zagueiro) — entorse no tornozelo esquerdo;
  • Renato Augusto (meia) — dores na panturrilha direita.

Cano segue rotina de treinos no Fluminense

O atacante Germán Cano é o que tem caso clínico mais adiantado. O artilheiro do país em 2022 e 2023 voltou a treinar com bola na sexta passada (29), mas sentiu dores em alguns movimentos e não viajou para Lima.

Enquanto o Fluminense encerrava a preparação para a estreia, entretanto, o argentino voltou a treinar no CT Carlos Castilho, ainda na quarta-feira (3) e seguiu seu cronograma de treinos normalmente.

Nesta sexta-feira (5), Cano teve bom aproveitamento no treino e está à disposição de Fernando Diniz para o jogo contra o Colo-Colo. O argentino fez sete jogos em 2024, marcou dois gol e deu uma assistência.

Ganso volta aos treinos sem dores no Fluminense

Outro que retornou aos treinamentos sem dores foi Paulo Henrique Ganso. O tratamento intensivo do camisa 10 no CT Carlos Castilho compensou: se era o primeiro a chegar e o último a sair todos os dias, o meia agora está saudável.

Principal responsável pela criação no Fluminense, o jogador fez falta ao Tricolor nos últimos dois jogos. O ataque parecia não fluir sem o toque diferente de Ganso.

O que o Fluminense ganha com Ganso e Cano

Os números podem até não dizer exatamente isso. Mas o Fluminense tem sentido muita falta de seus principais atacantes. Keno não faz boa temporada, Cano ainda não retomou o ritmo incessante de gols que os tricolores acostumaram e para Ganso, falta sequência.

Com Ganso e Cano, já que Arias faz grande temporada, o Fluminense ganha poder de fogo. Se pouco agride os adversários nos últimos jogos, o Tricolor tem tudo para retomar as boas atuações contra o Colo-Colo.

Ganso e Cano com a taça da Recopa em 2024: dupla desfalca Fluminense no Fla-Flu - Foto: Icon sport
Ganso e Cano com a taça da Recopa em 2024: dupla desfalca Fluminense no Fla-Flu – Foto: Icon sport

O time chileno, que vive uma grande crise, está longe de assustar o Flu. O time é bem postado na defesa, mas depende de Arturo Vidal para criar, e o jogador há tempos não desempenha o que se espera dele.

Se seu 10 e seu 9 que usa a 14 voltarem bem, o Fluminense pode enfim ter mais organização e agressividade no ataque, algo que continua devendo em 2024.

Próximos jogos do Fluminense

  • Fluminense x Colo-Colo — Libertadores — terça, 9 de abril, às 21h (de Brasília)
  • Fluminense x Bragantino — Campeonato Brasileiro — sábado, 13 de abril — 21h (de Brasília)
Foto de Caio Blois

Caio Blois

Jornalista pela UFRJ, pós-graduado em Comunicação pela Universidad de Navarra-ESP e mestre em Gestão do Desporto pela Universidade de Lisboa-POR. Antes da Trivela, passou por O Globo, UOL, O Estado de S. Paulo, GE, ESPN Brasil e TNT Sports.
Botão Voltar ao topo