Brasileirão Série A

Por que Allianz e Luan podem ser considerados amuletos na campanha do Palmeiras pelo Brasileirão

Palmeira terá o esquema com três zagueiros e vai jogar no estádio em que tem aproveitamento superior a 75%

Nem o eterno pessimismo do palmeirense é capaz de negar o fato de que o clube alviverde está bem perto de mais um título do Campeonato Brasileiro.

Nesta quarta-feira (29), contra o América-MG, o Palmeiras tem dois importantes incentivos nessa caminhada de 35 rodadas – com três para o fim, contando o jogo de hoje: Luan e o Allianz Parque.

O zagueiro, que acabou se tornando peça-chave na retomada do Palmeiras, treinou ontem normalmente e deve voltar ao time titular.

Desse modo, Abel Ferreira não deverá ter problemas para manter o esquema com três zagueiros que recolocou o Palmeiras na rota da conquista.

Sem Gómez e Mayke suspensos, o técnico ficaria com apenas Naves e Murilo, entre os nativos da posição no elenco, para o jogo de hoje.

Nem mesmo Marcos Rocha, que atua de modo sólido adaptado na função, estaria disponível, já que terá de atuar no lugar de Mayke.

A possibilidade de manter o esquema de jogo, e com seu grande personagem tático da reviravolta em campo, é um enorme alento para o Verdão.

Desde que passou a adotar o 3-5-2, o Palmeiras soma seis vitórias, um empate (Fortaleza) e apenas uma derrota (Flamengo).

Se bater o América-MG, o Verdão chegará a 81,5% de aproveitamento dos pontos conquistados desde a vitória sobre o Coritiba, em 22 de outubro.

Lançamento e proteção

Luan em jogo contra a equipe do EC Bahia no Allianz Parque (Foto: Cesar Greco/Palmeiras/by Canon)

Luan em campo significa um Palmeiras mais forte na defesa e no ataque. Na fase defensiva, o camisa 13 funciona como um volante a mais, fazendo a proteção entre as duas linhas do Palmeiras.

No ataque, centralizado, o defensor é responsável por encontrar soluções nas costas da primeira linha adversária, inclusive com lançamentos.

Embora só tenha 23 jogos no Brasileiro, Luan é o jogador de linha que mais fez lançamentos certos pelo Palmeiras neste ano.

Com 55, tem média de 2,39 por partida, atrás apenas dos 3,13 de Weverton. Com 50 em 30 jogos (média de 1,67/ jogo), Gómez vem bem atrás do parceiro de zaga (Dados do FootStats).

Seu posicionamento também permite que Zé Rafael e Ríos cheguem mais ao ataque, o que encorpa o volume de jogo e desafoga Veiga da responsabilidade de municiar Endrick e Breno – além de chegar ao ataque para concluir.

E, nunca é demais ressaltar, com três zagueiros, os dois laterais também podem atacar juntos.

Time deve ter casa cheia

Torcida presente em jogo do Palmeiras no Allianz Parque (Foto: Icon Sport)

Até a tarde de ontem, 19,9 mil ingressos haviam sido vendidos para o jogo desta noite. A expectativa é que o Allianz receba sua lotação máxima, que será de cerca de 30 mil, por conta da manutenção de uma estrutura de palco no setor norte.

Além de cumprir um desejo de Abel, a volta ao Allianz coloca o Palmeiras no terreno em que seu índice como segundo melhor mandante em relação aos 75% que tem somando os três jogos que mandou na Arena Barueri – Santos (1 a 2), Athletico-PR (1 a 0) e Internacional (3 a 0).

Computados apenas os jogos do Allianz Parque, o Palmeiras tem 76,15% de aproveitamento, com apenas duas derrotas, para o Atlético-MG e o Botafogo, dez vitórias e dois empates. Não foi à toa que Abel se queixou muito de não poder atuar em casa, após a vitória sobre o Internacional, em Barueri.

Próximos jogos do Palmeiras

3/12 – Palmeiras x Fluminense – 16h, Allianz Parque
6/12 – Cruzeiro x Palmeiras – 21h30, Mineirão

Brasileiro Serie A
# Seleção J V E D +/- Pontos
1 Palmeiras

Palmeiras

38 20 10 8 31 70
2 Gremio

Gremio

38 21 5 12 7 68
3 Atletico Mineiro

Atletico Mineiro

38 19 9 10 20 66
4 Flamengo

Flamengo

38 19 9 10 14 66
5 Botafogo

Botafogo

38 18 10 10 21 64
6 Bragantino

Bragantino

38 17 11 10 14 62
7 Fluminense

Fluminense

38 16 8 14 4 56
8 Athletico Paranaense

Athletico Paranaense

38 14 14 10 8 56
9 Internacional

Internacional

38 15 10 13 1 55
10 Fortaleza EC

Fortaleza EC

38 15 9 14 1 54
11 Sao Paulo

Sao Paulo

38 14 11 13 2 53
12 Cuiaba

Cuiaba

38 14 9 15 1 51
13 Corinthians

Corinthians

38 12 14 12 -1 50
14 Cruzeiro

Cruzeiro

38 11 14 13 3 47
15 Vasco da Gama

Vasco da Gama

38 12 9 17 -10 45
16 EC Bahia

EC Bahia

38 12 8 18 -3 44
17 Santos

Santos

38 11 10 17 -25 43
18 Goias

Goias

38 9 11 18 -17 38
19 Coritiba

Coritiba

38 8 6 24 -32 30
20 America MG

America MG

38 5 9 24 -39 24
Foto de Diego Iwata Lima

Diego Iwata Lima

Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero, cursou também psicologia, além de extensões em cinema, economia e marketing. Iniciou sua carreira na Gazeta Mercantil, em 2000, depois passou a comandar parte do departamento de comunicação da Warner Bros, no Brasil, em 2003. Passou por Diário de S. Paulo, Folha de S. Paulo, ESPN, UOL e agências de comunicação. Cobriu as Copas de 2010, 2014 e 2018, além do Super Bowl 50. Está na Trivela desde 2023
Botão Voltar ao topo