Brasileirão Série A

Se quiser brigar pelo Brasileirão, Fluminense precisa vencer irregularidade e o Bahia

Depois de estrear com empate, o Fluminense enfrenta o Bahia na Fonte Nova e mais do que o adversário, precisa vencer a si mesmo

O Fluminense planeja brigar por título em todas as competições que disputa em 2024. Mas para isso, precisa vencer a irregularidade — não só dos resultados, mas também do desempenho. Além disso, os três pontos contra o Bahia, na Fonte Nova, em jogo desta terça-feira (16), às 21h30 (de Brasília), também são bem-vindos para o time de Fernando Diniz, que estreou no Campeonato Brasileiro com empate em casa com o Red Bull Bragantino.

O jogo do fim de semana é um retrato do Flu dos últimos jogos. O primeiro tempo foi o típico Dinizismo, quando contrariando dogmas e padrões pré-estabelecidos, o Tricolor, que tinha Martinelli mais uma vez na zaga, fez grande jogo, colocou os paulistas contra a parede e poderia ter aberto placar elástico.

Logo que voltou do intervalo, entretanto, o Fluminense sofreu dois gols em sequência de bola aérea e expôs mais uma vez seus problemas defensivos. Irregularidades que o Tricolor precisa superar para efetivar seus planejamentos para 2024.

Fluminense poupará veteranos na defesa contra o Bahia

Se já acumula dúvidas no setor defensivo, o Flu terá mais mudanças. Os veteranos Felipe Melo e Marcelo serão poupados pelo desgaste nos últimos jogos. Nas vagas deles, há uma indefinição entre Manoel e Felipe Andrade na zaga, e na lateral-esquerda, Diogo Barbosa será o titular.

A lista de ausências continua grande. São quatro por lesão, além dos dois poupados. Sem sete jogadores, o técnico Fernando Diniz mexerá o mínimo possível em relação ao time que estreou no Brasileirão.

A espinha dorsal da equipe está mantida, e a ideia de jogo também. Lima segue no meio-campo e Martinelli na zaga, o que faz o Fluminense ser ofensivo mesmo que jogue fora de casa. Indicações de uma equipe que quer conquistar a primeira vitória no Campeonato Brasileiro.

Veja lista de desfalques no Fluminense

  • Marlon (zagueiro) — dores no joelho direito;
  • Keno (atacante) — entorse no tornozelo esquerdo;
  • Gabriel Pires (volante) — dores no joelho direito;
  • Renato Augusto (meia) — dores na panturrilha direita;
  • Lelê (atacante) — ruptura total dos ligamentos do joelho direito.

Fluminense tenta manter evolução técnica em 2024

Os resultados podem mostrar uma manutenção da irregularidade, mas ao considerar o contexto em que o Fluminense se insere em 2024, o time mostrou evolução técnica. A vitória sobre o Colo-Colo na Libertadores já indicava um time melhor preparado. A mudança por Martinelli na zaga melhorou a equipe.

Fluminense terá Martinelli como zagueiro mais uma vez - Foto: Icon sport
Fluminense terá Martinelli como zagueiro mais uma vez – Foto: Icon sport

Contra o Red Bull Bragantino, a produção ofensiva foi outro ponto positivo. Foram 26 finalizações no Maracanã, de longe o número mais expressivo da temporada. Agora, o Tricolor espera manter essa evolução.

— É tudo junto. É uma escolha para o time ter mais chances de ganhar o jogo. Fizemos isso inúmeras vezes o ano passado, mas puxando mais o André do que o Martinelli, só que o Martinelli é mais alto. É uma conta que a gente tem que ajustar. Não enxergo o time como um setor isolado. O momento que a gente melhor marcou foi quando jogamos com André e Martinelli na zaga e Lima e Ganso de volantes, porque ficamos preocupados com outras coisas.

Onde assistir Bahia x Fluminense

Veja onde assistir Bahia x Fluminense pelo Campeonato Brasileiro neste artigo.

  • Data: terça-feira, 16 de abril de 2024;
  • Horário: 21h30 (horário de Brasília);
  • Local: Fonte Nova, em Salvador, na Bahia;
Foto de Caio Blois

Caio Blois

Caio Blois nasceu no Rio de Janeiro (RJ) e se formou em Jornalismo na UFRJ em 2017. É pós-graduado em Comunicação e cursa mestrado em Gestão do Desporto na Universidade de Lisboa. Antes de escrever para Trivela, passou por O Globo, UOL, O Estado de S. Paulo, GE, ESPN Brasil e TNT Sports.
Botão Voltar ao topo