Brasileirão Série A

Cruzeiro terá semanas decisivas para saber se brigará contra o rebaixamento

No primeiro turno, Cruzeiro venceu quatro dos cinco adversários que irá enfrentar até o fim de setembro

Após um início de Campeonato Brasileiro surpreendente e de esperanças, onde chegou a sonhar com voos mais altos, o Cruzeiro acabou tendo queda nos resultados e hoje se encontra mais próximo da zona de rebaixamento do que do grupos dos seis primeiros, que se classificam para a Libertadores de 2024.

Atualmente, o Cruzeiro tem 25 pontos em 20 partidas disputadas e ocupa a 12ª colocação na tabela. O sexto colocado é o Athetico-PR, que tem 32 pontos. Descendo mais na classificação, o Santos é o primeiro time da zona de rebaixamento, com 21 pontos conquistados, somente quatro a menos que a Raposa.

Com três vitórias nos seus últimos 15 jogos do Brasileirão, o Cruzeiro vê a “gordura” feita nas primeiras rodadas — quando chegou a vencer quatro de cinco partidas — desaparecer e um fantasma incômodo voltar a rondar a Toca da Raposa II: o rebaixamento.

Metade do Campeonato Brasileiro já foi disputada e as brigas das equipes já passam a se desenhar. No meio da tabela, o torcedor do Cruzeiro ainda não sabe se o retorno à elite nacional será tranquila, se carregará a esperança do retorno às competições internacionais, tão queridas e valorizadas pelos cruzeirenses, ou se o time precisará superar os concorrentes das parte de baixo da classificação para evitar o segundo rebaixamento da história do clube.

As próximas semanas do Cruzeiro serão importantes para que o clube celeste, comissão técnica, jogadores e torcida possam entender, de fato, qual será a briga do time na competição, já que a tendência é que o campeonato se afunile ainda mais com o passar das rodadas.

Próximos jogos do Cruzeiro no Brasileirão

  • 21ª rodada – Grêmio x Cruzeiro – 27/8 (domingo) – 16h – Arena do Grêmio
  • 22ª rodada – Cruzeiro x RB Bragantino – 03/9 (domingo) – 18h30 – Mineirão
  • 23ª rodada – Santos x Cruzeiro – 13/9 (quarta) – 21h30 – Vila Belmiro
  • 24ª rodada – Fluminense x Cruzeiro – 23/9 (quarta) – 21h – Maracanã
  • 25ª rodada – Cruzeiro x América-MG – 30/9 (sábado) – (A confirmar)

Por que as próximas cinco rodadas serão tão importantes para o Cruzeiro?

Além da questão temporal, já que acontecerão num momento de definição de horizontes para as rodadas finais do Brasileirão, que vê muitos destinos de clubes serem definidos até a 25ª rodada, o próprio desempenho do Cruzeiro contra estes adversários faz as partidas serem decisivas.

Isso porque o Cruzeiro venceu quatro destes adversários, sendo superado somente pelo Fluminense, que vivia momento iluminado na temporada. Foram estas vitórias que permitem ao time de Pepa se manter no meio da tabela após uma sequência de resultados tão ruim quanto a atual.

Claro que os momentos são distintos e todos os clubes se movimentaram consideravelmente desde as rodadas iniciais do Brasileirão. Mas uma eventual repetição do desempenho, pensando em resultados, alçaria o Cruzeiro para uma situação de tranquilidade na tabela.

Com mais 12 pontos ganhos, quantidade feita nestes cinco jogos no primeiro turno, o Cruzeiro chegaria aos 37 pontos, uma quantidade boa para a 25ª rodada, onde faltariam 13 partidas para que o time celeste conquistasse oito pontos e chegasse aos 45, pontuação de segurança no Brasileirão.

Além disso, Santos e América-MG são adversários que ocupam a zona de rebaixamento e vencer os confrontos contra equipes que estão atrás do Cruzeiro na tabela é fator primordial para que o time possa fazer um segundo turno sem sustos.

Por outro lado, caso a fase ruim se mantenha e o Cruzeiro não consiga pontuar bem nas próximas rodadas, a zona de rebaixamento com certeza ficará mais próxima. E num campeonato equilibrado como o Brasileiro, a pressão causada pela possibilidade de um novo rebaixamento poderia piorar ainda mais as coisas na Toca da Raposa II.

Mas se serve de alento, a equipe de Pepa tem praticado bom futebol e os resultados têm escapado no detalhe. Caso o treinador português e os jogadores da equipe consigam minimizar as falhas e aumentar a efetividade, a tendência é que o Cruzeiro consiga se recuperar e fazer um segundo turno que leve sorrisos ao seu torcedor.

Foto de Maic Costa

Maic Costa

Maic Costa é mineiro, formado em Jornalismo na UFOP, em 2019. Passou por Estado de Minas, Superesportes, Esporte News Mundo, Food Service News e Mais Minas, antes de se tornar setorista do Cruzeiro na Trivela.
Botão Voltar ao topo